Água Grande

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Água Grande é um pequeno pedaço de terra do já pequeno mas simpático país São Tomé das Letras. Localizado à nordeste da ilhota de Lomé abrange meros 17km² de área abrigando 60.000 pessoas de língua presa que habitam a capital São Tomé e a aldeia adjacente de Pantufo.

História[editar]

Um centro econômico em Água Grande.

Com a independência de São Tomé e Príncipe em 1975, surgiu a necessidade de separar administrativamente a única cidade mais ou menos do país, São Tomé, do restante do país. Com a ideia da criação dos distritos surgiu Água Grande, afinal todo país tem que ter seu distrito mais inútil de todos.

O motivo do curioso nome desse distrito se dá ao fato de que na década de 1980 vastas quantidades de água da Jamaica e água de Fiji foram importadas por São Tomé e Príncipe, e seja lá o dialeto que falam por lá, Água Grande era o nome do apelido da mistura entre essas duas águas importadas cujas propriedades medicinais eram essenciais para evocar duendes curandeiros.

Economia[editar]

Por ser o único distrito do país onde existe uma cidade, que por coincidência é a capital, Água Grande é o único distrito do país que possui uma escola, um hospital psiquiátrico, um aeroporto e uma feira de melão.

A única industria do país é uma fábrica de pantufas, localizada no bairro Pantufo em Água Grande.

Geografia[editar]

Estamos falando de um pedaço de nada de um país cuja existência 90% da população mundial desconhece. Para entender como é Água Grande, precisa-se imaginar a praia de Santos (com areia normal ao invés daquela dura) só que pela metade e sem farofeiros todo feriado prolongado.