Ástron

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Marvel-avengers-alliance.jpg Este artigo é um(a) super-herói(na).

O texto a seguir é sobre alguém que voa, tem poderes, salva donzelas e prende bandidos. Se vandalizar este artigo, eles te levarão à Justiça.

Para conhecer mais desses seres incríveis, clique aqui.

Olha ali o Ástron se fudendo

Ástron é um animal é um super herói criado pela DC Comics que aparentemente não sabe o significado da palavra "bom senso" e por isso vive criando bizarrices como este herói que como característica especial, não tem nenhum poder e não presta para nada de útil além de ocupar cadeiras na Legião de Super heróis.

História[editar]

Ástron era um menino quando viu sua galáxia pela primeira vez... Ástron morava na bela Galáxia Black Eye, não tão bela para nós que sabemos que é uma das galáxias mais tóxicas do universo.

Quando seu pai comprou um planeta para eles morarem, até que estranhou: era tudo muito barato e as estrelas eram verdes, isso sem contar que ao redor delas tinha gá metano, considerado altamente inflamável.

Então, em um dia, Ástron estava brincando com sua bola (ui!) e ele acabou sendo levado do planeta, pois foi avisado por um alienígena que aquilo iria pegar fogo assim que uma tempestade solar ocorresse. Então, ele viajou com o ET e esqueceu dos próprios pais lá.

Nisso, ele só se lembrou deles quando já estavam bem longe de lá, longe o suficiente para poder violar o decreto da lei 1.00029.509383 código B da galáxia de Black Eye que não permite pedofilia.

Então Ástron iniciou sua vida sendo constantemente abusado pelo ET.

Depois ele foi recolhido pela polícia e levado até uma cadeia que ele conheceu Superboy. Superboy disse que havia bebido demais e que destruiu uma lanchonete inteira de um planeta que ficava ali perto - cerca de 550 anos-luz - e que havia matado todos que estavam dentro da lanchonete, menos ele.

Então ele convidou Ástron para entrar na legião por ele ser bom de conversa e gente boa. Ástron praticamente não tinha nenhum poder especial, o que o deixava em uma posição desconfortável.

A primeira missão de Ástron foi assim: ele chegou, conversou com os alienígenas que precisavam de saneamento, água potável e de melhor segurança no seu sistema e conseguiu fazer eles assinarem um contrato que em torno de 4 anos iriam fazer tudo isso.

Porém, o superboy disse que ele estava fazendo tudo errado e que era para eles destruírem as casas e o sistema inteiro porque eles eram os inimigos. Foi aí que Ástron viu que a legião de super heróis era nada mais que um grupo de extermínio liderado pela Al Qaeda espacial.

Poderes[editar]

É bom de lábia e consegue convencer os outros membros da legião que ele não é inútil. Além disso é o mais diplomático de todos pois essa é sua função.

Mais tarde, Ástron seria demitido por não prestar serviços direito e por não trazer o cafezinho quando mandado.

Mais tarde é revelado que ele tem o inútil poder de aumentar a massa de qualquer objeto (ui!) e que ele poderia matar uma civilização inteira diminuindo o sol delas.

Cquote1.png SEU MONSTRO! Cquote2.png
Alguém sobre o poder de Ástron

Expulsão da legião[editar]

Astron voando para o infinito e além após ter sido demitido.

Mais tarde, Ástron e seus poderes divinos completamente destruidores e ameaçadores fizeram com que ele quebrasse a regra sagrada da legião: matar uma pessoa em defesa própria. Na verdade, ele apenas defendeu sua paixão secreta, Sonhadora de uma morte horrenda e sangrenta, mas mesmo assim acabou sendo expulso.

Além disso, ninguém gostava dele mesmo por ser mais poderoso que o próprio super homem... Calro, o que você acha que dá para fazer quando você pode aumentar sua massa para mais do que o de 1 bilhão de estrelas? Nesse caso, você viraria um buraco negro e isso mataria todo mundo, inclusive você que seria o único idiota a fazer isso com o poder de Ástron.

Enfim, após ser expulso, vaga pelo universo sem rumo, alterando/destruindo/fazendo alguma coisa com galáxias e nebulosas que acha no caminho.

Ver também[editar]

v d e h
Bem-vindo à DCclopédia!