Örebro (condado)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Örebro é um condado sueco situado no centro do país, portanto extremamente isolado e de pouquíssimo interesse exploracional.

História[editar]

Uma perigosa habitante de Örebro.

O Condado de Örebo surgiu quando a antiga Província de Närke foi extinta.

Närke foi aquela típica região desabitada sueca por longos e tediosos anos. Hora ou outra algum viking aventureiro, ou loira perdida cruzava aquela região central.

Somente quando Olavo II da Noruega, durante o século XI, em um lapso de loucura decidiu conquistar a Escandinávia e disputou com Yaroslav I, o sábio (governador sueco que havia repetido de ano) uma corida para ver quem conseguia mais terra/gelo primeiro. Nessa disputa, Yaroslav descobre Örebro e funda em sua região o Strängnäs.

Como estava havendo um superávit de loiras gostosas em Estocolmo, o governo sueco achou conveniente exportar para Örebro algumas dessa espécie e exercer a descentralização sueca. Como Örebro é uma terra meio amaldiçoada, aonde ninguém conseguiria viver direito, foram mandados para região apenas os vikings e loiras mais casca-grossas.

Edificaram na região o Castelo de Örebro, a mais bem equipada fortificação bárbara da história. As várias santas suecas, sempre nasciam em Örebro, pois só de conseguir sobreviver na região, já é um motivo de canonização. As várias loiras de Örebro para conseguirem viver desenvolveram uma técnica aonde ficam de TPM 24 horas por dia e prontas para a selvageria a qualquer minuto.

Símbolos[editar]

Vários símbolos representam o condado de Örebo, entre eles uma águia com dor de estômago, flechas cruzadas, três fogueiras, morros azuis e quatro botões de camisa.