Águas Formosas

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Pão-de-queijo... hum... bão dimais...
Minas
Uai sô, ocê num intendeu?
Esse artigo é de humor mineiro uai! E foi feito por arguém que tava comeno um queijim... Pra entender, só comeno um pãozim de queijim com um copo de leitche! Ooooô trem baum de mais da conta, sô!


Wikisplode.gif
A nossa sátira autorizada, a Wikipédia, tem um artigo sobre: Águas Formosas.

Cquote1.png Vou tirar as subidas e deixar as descidas! Cquote2.png
Candidato a vereador em campanha em Águas Formosas.
Cquote1.png Vou trazer o mar para Águas Formosas! Cquote2.png
Mesmo candidato.

Águas Formosas é uma cidade do Vale do Mucuri, uma das cidades baianas de Minas Gerais.

Tabela de conteúdo

[editar] História

Existem duas versões oficiosas para o surgimento da cidade:

A primeira versão é que a cidade surgiu a partir do empreendedorismo de Teófilo Otoni, que chegando ao fim do mundo, a futura Águas Belas, fez a demarcação dá área e proibiu todas as pessoas de ultrapassarem o limite, por que adentrariam o vale do Jequitinhonha e aí seria tarde demais. A partir dessa proibição todos os criminosos, baitolas, gays, homossexuais, bichas, preguiçosos, prostitutas e pessoas de bem se aglomeraram na área ás margens do límpido rio Pampam, fundando a cidade.

A segunda versão é que a cidade foi fundada por extraterrestres, que abduziram grande parte da população de Campinas, Rubim e outras meigas cidadezinhas, desmemorizando os mesmos e estabelecendo, a partir de então, a moradia dessa população no deságue do Águas Belas ,com casas de pau-a-pique, uiuiui.

Atualmente Águas Formosas é uma cidade próspera. Próspera no tráfico de drogas, próspera na prostituição, próspera no analfabetismo, próspera na boiolagem, próspera na vagabundagem, próspera nos assassinatos. Só perde para Joaíma.

OBS.: 70 por cento da população sonha em ir para Teófilo Otoni (Téo, Tcho Tcho, Teobas, ou como conhecido pelos velhos Tchofrotoni) kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

[editar] Economia

A economia de Águas Formosas baseia-se na agropecuária, isso quando as chuvas não atrapalham a chegada dessas mercadorias, provenientes de outras cidades. As chuvas, que acabam prejudicando o asfalto de péssima qualidade, é responsável por levar pontes e manilhas da estrada, sendo Águas Formosas, portanto, a única cidade do mundo que quando chove falta hortaliças, verduras e frutas.

A pecuária da cidade se baseia na criação de rebanho bovino para corte e leite e na fabricação de derivados, como queijo, requeijão e manteiga. O queijo produzido pela indústria local é de fama nacional, o não sendo conhecido pelos moradores locais. A maioria nunca comeu uma fatia do queijo produzido pela fábrica. Existe na cidade um sindicato dos "produtores" rurais, que defendem os interesses da classe, como o interesse de ficar à toa coçando o saco, na porta das lojas de medicamentos para o gado, observando as (mulheres) pessoas que passam. Os fazendeiros (sic) têm o cérebro de uma ameba e só sabem falar, obviamente de gado. São chamados de Gigolôs de vaca.

O comércio da cidade e bem estruturado com enorme variedade de lojas de diversos segmentos de atividades (bugingangas, camelôs, ambulantes e traficantes de drogas,sendo esse último o ramo do comércio que mais cresce na cidade).

Os bancos da cidade e os ensaios de banco (banco postal e os caixa aqui) são instituições de grande valia e atividade na cidade. O Itaú está prestes a fechar as portas. Tem mais funcionários do que clientes (2 funcionários). O Sicoob é o banco dos "produtores", que já repartiram todas as suas terras entre os herdeiros mas ainda não perderam a majestade e se auto denominam de fazendeiros.A casa lotérica é o banco dos pobres, principalmente das mulheres, cuja base de renda é a bolsa família. Aliás, a Bolsa Família é o grande estimulador do crescimento populacional da cidade e da economia da cidade. O aumento do número médio de filhos por casal (atualmente na média de 10 por casal) acaba por influenciar no crescimento do número de creches e escolas, além de garantir a continuidade da prática de avião entre as crianças e adolescentes.

[editar] Cultura

O nível cultural da maioria da população é de dá pena. É a microcultura do nordeste de Minas Gerais. Bonde do arrocha, Bonde do maluco, e vários outros bondes da música popular brasileira, além da Pisadinha, Calcinha Preta, Companhia do Calypso, Calypso,quarto de empregada, (dizem que é diferente, que tem uma banda que é falsa e outra verdadeira) (sic) contribuem decisivamente para o engrandecimento intelectual e cultural da população águasformosense, que acabam por se caracterizarem pelo elevado QI (semelhante ao de uma criança de 2 anos). Se alguém curtir outro estilo musical, e não gostar dos citados, pode desistir. Só se comprar pela Internet. E não ouvir a rádio local e nem visitar a casa de ninguém. E nem sair às ruas, não ir à nenhuma festa, ou seja, deixar de ser radical e entrar no jogo, ou virar um eremita.

Em dia de "show" é um alvoroço danado. Primeiro chegam as bandas em um ônibus personalizado. Só o fato de chegarem em ônibus já dão aos "cantores" o status de estrela. Pedem música na "rádia", como dizem, ganham "inglessos" e na hora do "show" se vestem com extrema elegância (hehehe). Um boné na cabeça, uma calça e uma camisa da Favorita (kkkkkkk) e um tênis do lojão São Paulo. São pessoas finas e de um grau de intelecto invejável.

Atualmente a modinha Restart chegou pra ficar, os adolescentes da cidade estão aderindo à moda de usar uma calça verde, um tênis amarelo, e uma camisa com gola "V" roxa. Isso porque eles acham que estão super na moda. Nem é preciso falar que estão com fama de viados e todos os outros rapazes estão se afastando deles.

[editar] Lazer

O principal lazer da população local é curtir a música típica do local, a pisadinha. É uma febre como o rock n'roll nas décadas de 60 e 70. A grande maioria da população não conhece outros "artistas" a não ser os cantores da pisadinha ou arrocha... não sei qual a diferença. O talento dos artistas é evidente na letra das músicas, pérolas do cancioneiro popular brasileiro, além da habilidade em relação aos instrumentos musicais... um teclado. Gostam tanto de dançar a tal da pisadinha ou arrocha... que escutam em festas, dentro de casa, na rua, no mp3 player, no celular, no som do carro... em todos os lugares. É o inferno...

Outro lazer da população, isso para quem tem carro é de curtir o tal do arrocha ou pisadinha... pelo amor de Deus alguém me explique a diferença... Abrem o bagageiro do carro e soltam o som na máxima potência... não respeitam hospitais, escolas, prédios públicos, ninguém. Temos que andar de tapa ouvido para não sermos afetados pela febre da música local. Impressionante é a satisfação dos motoristas dos carros ao ouvir as músicas, olham para gente com um tom de desprezo e ao mesmo tempo de felicidade. Felicidade por andarem de carro e por ouvirem tão enebriante melodia. Ficam com a carinha de bobo como se estivesse a se lambuzar do mais perfeito néctar.

Além da música e do som dos automóveis, outra forma de lazer da população local é o uso do telefone celular. Foi a última região do mundo a ter o serviço. Foi a cidade com o maior número proporcional de celulares do universo. Até os cachorros e as cadelas da cidade tem um. É celular na sala de aula, no hospital, na rua, nas reuniões, em todo o lugar. Só perde para o inferno do som. O celular serve para tirar foto, ouvir música, principalmente pisadinha e arrocha... pela última vez, alguém poderia me explicar o que é essa joça... e, por último, para ligar.

A bebida é uma das formas de lazer mais notáveis entre a população local. É a única das cidades mundiais que o vício da bebida começa logo aos 7 anos de idade. Começam aos 7 porque é a idade de começam a estudar. E as escolas tem sempre às suas proximidades um boteco, que acama por interromper o estudo e influenciar as crianças no caminho do aguardente, da cerveja, do vinho e do Conhaque Presidente, um dos favoritos pela população local. A partir da existência na cidade de uma competição para verificar qual som de carro tem o volume mais potente, verificado toda a noite próximo à Escola José Quaresma da Costa, surgiu uma nova forma de competição: o campeonato de beber Presidente. O vitorioso sempre acaba com a cara no chão, em cima do próprio vômito.

Há na cidade a boate do Maurão (essa é boa) um espaço pior do que o New Texas de BH. é cobrado o valor de 2,00 para quem se aventurar a entrar, sendo que muitas pessoas não se dispoe a pagar tal valor e ficam na porta da boate.No interior da "boate". O calor chega a quase 60 graus, não possui ventilação e apesar disso alguns corajosos frequentam assiduamente este local. Em seu interior o povo se dispõe da seguinte forma: no fundo da "boate" ficam as pessoas de baixa renda, "neguinhas" que são na verdade mulheres mais receptivas a uma boa amizade e algo mais, muitas dançam descalças nesta parte ficam também bebados e etc. Quanto mais vai se aproximando da saida da "boate" o nível econômico dos frequentadores vai aumentando mas o nível cultural e intelectual em grante parte é sempre o mesmo independentemente do nível economico.

[editar] Educação

As escolas da cidade convivem com bares, restaurantes, carros de som, parquinhos de diversão, que acabam por rivalizar com a própria escola, que acaba perdendo.

Diversão é muito melhor na cabecinha dos habitantes. Estudar não leva a nada. Quando está muito quente, quando está muito frio, durante as férias (dezembro, janeiro e julho), o carnaval, o campeonato brasileiro, a semana santa, as festas juninas, as comemorações do padroeiro, a feira agropecuária, o aniversário da cidade e de 4 em 4 anos, a copa do mundo, é proibido estudar. Durante todo o restante do ano tudo bem, mas nesse período é demais. Ninguém é de ferro e consegue estudar tanto!

v d e h
AS FANTÁSTICAS MINAS GERAIS DO PÃO DE QUEIJO
O mapa de Minas Gerais incluindo possessões, territórios intra e ultramarinos e províncias autônomas e rebeldes, além é claro dos TREM (Territórios Remotos do Estado de Minas)
A bandeira de Minas Gerais com a inscrição em latim "Causeus Quae Sera Tamem" que significa "Queijos, ainda que à tardinha!"

Notas:
  1. Possui status de território autônomo de Minas Gerais
  2. Doada por José Serra em 2007
  3. Juiz de Fora foi cedida ao Estado do Rio de Janeiro por Aécio Never em 2003 em troca de Cabo Frio. Vide Guerra Mineiro-Fluminense
  4. Governador Valadares foi vendida aos Estados Unidos por Aécio Never e Lula em 2005 em um acordo com George W. Bush para acabar com a imigração ilegal, passando a ser um território colonial americano com o nome de "American Outland District of Walladars Governator"
  5. A existência de alguns municípios não foi confirmada cientificamente
  6. Províncias conhecidas como TREM - Territórios Remotos do Estado de Minas
Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas