Foto de Che Guevara

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de A Foto de Che Guevara)
Ir para: navegação, pesquisa
Este artigo é relacionado à história.

Não estranhe a pederastia da Grécia Antiga. Tá bom, só um pouco.

40967074 nikita.jpg
Esta é a foto que originou tudo

A Foto de Che Guevara é mais famosa que o próprio Che Guevara. Esta é aquela famigerada foto que ilustra camisetas, bandeiras, tatuagens, escovas de dente, cadernos, sapatos, tênis, canecas, toalhas, bolas de futebol, entre outros. A maioria das pessoas nem sabe quem é o tal Che Guevara, mas a face de Guevara estampada nos produtos ficou mais famosa que o cavalinho da Ferrari, a menina da Batavo, o boneco da Michelin, o velho da Aveia Quaker, o cachorrinho da Cofap e outros grandes mitos da publicidade.

A foto[editar]

Não tem nenhum mistério. É apenas a cara de Che Guevara, com um olhar de seriedade.

História da foto[editar]

A transformação de um mito

Esta é uma história real de sacanagem capitalista. Isto mostra o que a ganância pode fazer com a vida de uma pessoa comum, no caso um guerrilheiro argentino maltrapilho.

Depois de uma boa guerra no Caribe, Che Guevara, como qualquer ser humano, resolveu dar uma barreada no mato, pois a natureza havia lhe chamado. Se aconchegou numa moita e soltou o barro. Enquanto estava se limpando, um fuckin' fotógrafo estadunidense tirou seu retrato, bem na hora H. A face lívida de Che Guevara, motivada pelo despejo de 1 quilo de empadinha nas matas cubanas, foi enviada aos States e transformada em estampa de caixão. Surgia então um mito. Che Guevara, que não era grandes coisas, se transformou em um grande herói graças a esta foto.

Roubo de foto[editar]

Conta-se que o fotógrafo de Che teria visto outro revolucionário, Ramón Valdez, um mexicano que queria levar la revolución para o México, vindo infelizmente a fracassar e tornar-se um morador de uma casa de número 14 e viver devendo 14 meses de aluguel para o dono da barriga, senhor casa, digo, digo...

Como ele virou um nada, aí ninguém achou ruim roubar a foto e colocar o Che no lugar.

Ver também[editar]