A vingança nunca é plena, mata a alma e a envenena

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Tomadinha do poder.jpg A vingança nunca é plena, mata a alma e a envenena tem PODER!
E te levará para qualquer lado da Força
No Wikipedia.png QUEBROU A CARA!

Os espertalhões da Wikipédia NÃO têm um artigo sobre: A vingança nunca é plena, mata a alma e a envenena.

Cquote1.png A vingança nunca é plena, mata a alma e a envenena Cquote2.png
Seu Madruga sobre A vingança nunca é plena, mata a alma e a envenena
Cquote1.png A vingança nunca é plena, mata a alma e a envenena Cquote2.png
Chaves sobre A vingança nunca é plena, mata a alma e a envenena
Cquote1.png ... Cquote2.png
Doutor Roberto sobre A vingança nunca é plena, mata a alma e a envenena
Cquote1.png Eu vim de Tangamandápio... Cquote2.png
Jaiminho sobre A vingança nunca é plena, mata a alma e a envenena
Cquote1.png A venenena nunca é ... Cquote2.png
Chaves antes de aprender a usar a frase sobre A vingança nunca é plena, mata a alma e a envenena

O criador da frase pode ser encontrado a esquerda da foto, junto com um cosplay de Pokémon e um animal de menos importância à direita

A vingança nunca é plena, mata a alma e a envenena é uma frase muito famosa executada pelo já falecido, mas imortal filósofo intelectual mexicano Ramón "Madruga" Valdez (1923-1988), vulgo Seu Madruga. A frase é conhecida por seu incrível poder coercivo destrutivo, capaz de fazer qualquer pessoa que tenha intenções de vingança desisitir delas de forma imediata logo após ouvi-lá. Depois da primeira execução dessa frase o mundo, o universo e até mesmo o Inferno e o Céu pararam.

História[editar]

Tudo começou durante a Segunda Guerra Mundial, Seu Madruga estava passando suas férias em Nagasaki no Japão, quando a cidade foi atacada pelo exército americano com uma bomba atômica. Seu Madruga ficou muito ferido, mas graças aos seus poderes madruguianos ele conseguiu sobreviver e foi resgatado pelo exército japonês, sendo confundido com uma carabina de dois canos. Lá Seu Madruga descobriu que os japoneses já arquitetavam um plano de vingança e cansado de ver todos se vingando de todos, a frase veio em sua mente filósofa de forma espontânea e ele acabou soltando-a pela primeira vez diante dos japoneses. O impacto da frase foi tão grande que fez os japoneses se renderem. Há quem diga que a frase tenha sido executada ainda antes e que Adolfinho tenha cometido suicídio justamente por ter ouvido a tal frase, dando fim na Segunda Guerra Mundial. Seu Madruga então percebeu que a frase tinha um grande poder e poderia destruir o universo se usada pela pessoa errada e resolveu selá-la até que pudesse controlar seu poder. Muitos anos depois, quando já estava morando na vila do Sr. Barriga, Seu Madruga exercia o ofício de sapateiro quando se deparou com Chaves, que havia lhe pedido seu martelo emprestado para quebrar a cabeça de um certo maluco que havia quebrado o ovo que seria sua refeição. Nada que Madruguinha dissesse o fazia desistir da ideia, ele então não teve escolha se não utilizar a frase novamente. Como a frase estava selada há muito tempo, ele não sabia se havia funcionado e levou o martelo com ele por precaução, mas a verdade é que Chaves sofreu um impacto tão forte que não só ele desistiu da ideia de se vingar como também passou a utilizar o poder da frase para o bem, tornando-se o primeiro aprendiz ativo na arte de executar a frase (Seu Madruga já havia ensinado a frase para sua filha Chiquinha, mas por ser do Lado Negro da Força ela nunca se importou em aprender a utilizá-la). Chaves aprendeu a controlar o poder da frase e graças a isso conseguiu evitar muitos conflitos na vila, inclusive ajudou até o próprio Seu Madruga impedindo que o Sr. Barriga lhe despejasse e ainda fez ele deixar seus sapatos novos sem defeito algum para que Seu Madruga os consertasse. Seu Madruga então concluiu que até mesmo um idiota podia fazer uso da frase com poder moderado e passou a propagá-la pelo mundo através de um programa de televisão mexicano da Televisa, porém poucas pessoas conseguem utilizá-la com eficácia.

Curiosidades[editar]

  • Estudos recentes sugerem que essa frase seria capaz de destruir todos Os Vingadores de uma vez só.
  • Espiritualistas afirmam que o poder da frase consiste em um tipo de praga a qual mata a pessoa e depois a envenena, o que a deixa com medo de executar a vingança, mas isso não passa de especulação de pessoas que querem manchar a sabedoria do grande e sábio Madruga.
  • Essa frase foi eleita pelos filósofos como a sugestão mais útil de todos os tempos.
  • Com essa frase Seu Madruga ganhou o Prêmio Nobel da Paz no ano de 1970.
  • Na hora da execução da frase na televisão, a Televisa teve pontos recordes de audiência.
  • O Sistema de Risadas do programa entrou em pane nesse mesmo momento.

A frase em diversas línguas[editar]

  • Português: A vingança nunca é plena, mata a alma e a envenena
  • Espanhol: La venganza nunca es buena mata el alma y la envenena
  • Inglês: Revenge is never good, it kills the soul and poisons it
  • Francês: La vengeance n'est jamais bonne, ça tue l'âme et l'empoisonne.
  • Italiano: La vendetta non è mai pienamente uccide l'anima e avvelena.
  • Alemão: Die Rache ist nie vollständig, es tötet die Seele und ihm vergiftet.
  • Holandês: Wraak is nooit volledig doodt de ziel en vergiften
  • Africâner: wraak is nooit ten volle die siel en gifstowwe dood
  • Romeno: De răzbunare nu este niciodată pe deplin ucide sufletul şi otrăveşte.
  • Russo: месть никогда не бывает полной, она убивает душу и ядов
  • Armênio: վրեժ երբեք չի ցուցադրում, որ սպանում են հոգու եւ թունավորում
  • Latim: Replentur vindicta, animam necat et uenenis
  • Grego: Η εκδίκηση δεν είναι ποτέ πλήρης, σκοτώνει την ψυχή και δηλητήρια
  • Esperanto: La venĝo neniam estas plene, mortigas la animon kaj venenas.
  • Khmer: សងសឹកមិនដែលត្រូវបានសម្លាប់យ៉ាងពេញលេញព្រលឹងនិងសារធាតុពុល
  • Laosiano: Revenge ແມ່ນບໍ່ຂ້າຢ່າງເຕັມສ່ວນຈິດວິນຍານແລະສານພິດ
  • Vietnamita: Trả thù là không bao giờ đầy đủ, giết chết linh hồn và chất độc
  • Árabe: الانتقام هو كامل أبدا، فإنه يقتل الروح والسموم
  • Japonês: 魂とは、復讐は完全に毒を殺すこと
  • Tailandês: แก้แค้นไม่เต็มฆ่าจิตวิญญาณและยาพิษ
  • Chinês tradicional: 復仇是永不滿足,它殺死的靈魂和毒藥
  • Chinês simplificado: 复仇是永不满足,它杀死的灵魂和毒药
  • Coreano: 복수가 완전히 영혼과 독극물 사망 절대
  • Tâmil: பழிவாங்கும், முழு ஆன்மா மற்றும் நஞ்சுகள் பேர் பலி
  • Crioulo Haitiano: Tire revanj se pa janm plen, touye nanm nan ak pwazon

Ver também[editar]