Abecásia

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
აფხაზეთი
República Imaginária de Abecásia
Abecásia
Bandeira de Abecásia
Brasão de Abecásia
Bandeira Brasão

Localização de Abecásia

Capital Sukhumi
Cidade mais populosa Sukhumi
Religião oficial Incesto
Governo Putinismo
 - Imperador Darth Maul
Heróis Nacionais Dmitri Medvedev
Área  
 - Total depende do humor dos abecásios km² 
 - Água (%) 1
Analfabetismo Alto 
População 60 mil russos, e número caindo 
PIB per Capita 0.001 
IDH 001 
Moeda Iari
Fuso horário Horário de Moscou
Clima O clima da Geórgia
Website governamental abhkaziagays.com


Abecásia é um minúsculo pedacinho de terra separatista da Geórgia onde rolou um pau escroto em 19921993 após um campeonatinho de bebeção de vodka. Este conflito que matou milhões de civis arruinou a economia, dizimou a infra-estrutura, arrasou as plantações e matou as loiras gostosas, para se ter uma ideia do grau de destruição do conflito. No final a Geórgia reconheceu o Estado Autônomo da Cachaça de Abecásia e nunca mais vão se meter a guerrear com aqueles lunáticos, mesmo assim ninguém sabe ao certo se esse lugar existe mesmo ou é uma lenda urbana, como o Acre.

História[editar]

Abecásia sendo invadida pelo estranho exército georgiano em 1993.

Na época dos Flinstones, Abecásia era habitada pela civilização proto-kartvelianos, da qual ninguém nunca ouviu falar, mas que terminaram involuindo para chechenos, daguestanis, armênios, borats e arameus.

Na antiguidade passa a se chamar Cólquida, devido à grande quantidade de cocô por aquelas bandas. Esse desconhecido império sobreviveu durante eras porque nem Genghis Khan sabia como chegar num canto desses...

Quando o Império Romano conquistou o mundo sob comando de Darth Vader, Abecásia era chamada de Lázica, que em romano significa Terra Lazarenta, em alusão aos inúmeros perigosos orcs que ali habitavam.

O tempo passa, e com o estabelecimento da Rússia e Turquia, duas potências asiáticas que tinham como esporte favorito caçar armênios e azeris, esse povo todo ficaram espremidos naquele pedacinho de nada ali do Caucaso e sobrou para o povo da Abecásia que não tinha nada a ver com a história e agora era Geórgia.

Com a criação da União Soviética, titio Stalin disse que tudo era a mesma coisa, até o comunismo virar história e a Abecásia outra vez ressurgir!

O povo da Abecásia bebeu toneladas de ópio, injetaram vodka na veia e cheiraram gatinhos antes de chamar a Geórgia inteira pro pau em 1992 e por algum milagre vencer a disputa (graças apoio da Rússia, A Mãezona do Cáucaso).

Hoje é só mais um território separatista de nome e localização escrotas que ninguém conhece.

Geografia[editar]

A Abecásia está localizada no limbo, porque não é nem Europa, nem Ásia, nem Rússia, nem Geórgia. Tal qual o País das Maravilhas, a Abecásia está numa dimensão paralela da imaginação.

O seu relevo são praticamente montanhas que espremem contra o Mar do Negão todas as cidades deste pseudopaís.

Política[editar]

A Abecásia é reconhecido como nação apenas pela Federação Russa e pela Nicarágua, países do qual há cheiramento de gatinhos suficiente para os políticos concordarem com algo dessa natureza.

População[editar]

Com uma população de número desconhecido, sabe segundo último senso de 1991 que a Abecásia é formada por 70% de soldados russos, 20% de prostitutas georgianas, e o restante 10% são os bebês concebidos pela união das duas etnias dominantes já citadas.


Boratasiacentral.jpg
Ásia
v d e h

Países: Afeganistão | Arábia Saudita | Armênia | Azerbaijão | Bahrein | Bangladesh | Brunei | Butão | Camboja | Cazaquistão | China | Chipre | Coreia do Norte | Coreia do Sul | Egito | Emirados Árabes | Filipinas | Geórgia | Iêmen | Índia | Indonésia | Irã | Iraque | Israel | Japão | Jordânia | Kuwait | Laos | Líbano | Malásia | Maldivas | Mongólia | Myanmar | Nepal | Omã | Paquistão | Qatar | Quirguistão | Rússia | Singapura | Síria | Sri Lanka | Tadjiquistão | Tailândia | Timor-Leste | Turcomenistão | Turquia | Uzbequistão | Vietnã

Territórios: Abecásia | Caracalpaquistão | Caxemira | Chipre do Norte | Coreia | Curdistão | Estado Islâmico | Goa | Hong Kong | Ilhas Spratly | Macau | Manchúria | Ossétia do Sul | Palestina (Cisjordânia e Faixa de Gaza) | República de Artsakh | Taiwan | Território Britânico do Oceano Índico | Tibete


Bandeira da União Europeia.png
Europa
v d e h

Países: Albânia | Alemanha | Andorra | Armênia | Áustria | Azerbaijão | Bélgica | Bielorrússia | Bósnia e Herzegovina | Bulgária | Cazaquistão | Chipre | Croácia | Dinamarca | Eslováquia | Eslovênia | Espanha | Estônia | Finlândia | França | Geórgia | Grécia | Hungria | Irlanda | Islândia | Itália | Letônia | Liechtenstein | Lituânia | Luxemburgo | Macedônia | Malta | Moldávia | Mônaco | Montenegro | Noruega | Países Baixos | Polônia | Portugal | Reino Unido (Escócia - Inglaterra - Irlanda do Norte - País de Gales) | República Tcheca | Romênia | Rússia | San Marino | Sérvia | Suécia | Suíça | Turquia | Ucrânia | Vaticano

Territórios: Abecásia | Açores | Akrotiri e Dhekelia | Åland | Chipre do Norte | Crimeia | Gibraltar | Ilha da Madeira | Ilha de Man | Ilhas Canárias | Ilhas do Canal | Ilhas Faroé | Jan Mayen | Kosovo | Ossétia do Sul | País Basco | República de Artsakh | Svalbard | Transnístria