Aborto

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Jason voorhees.jpg Este artigo é sobre um(a) ASSASSINO!

Este(a) louco(a) sadomasoquista provavelmente esquarteja suas vítimas, sofre de problemas mentais ou foi violentado(a) pelos pais. Se vandalizar o artigo, Dexter virá atrás de você!

Cquote1.png Você quis dizer: Aborto Elétrico Cquote2.png
Google sobre Aborto

Cquote1.png Você quis dizer: Assassinato legalizado Cquote2.png
Google sobre Aborto
Cquote1.png Você traiu o movimento dos Direitos Humanos, véio. Cquote2.png
Dado Dodabela sobre Aborto
Cquote1.png Eu sou a favor, mas só se o pai do meu filho for pobre. Cquote2.png
Feminista Mulher sobre Aborto
Cquote1.png Não mate vacas: mate fetos! Cquote2.png
Feminista Mulher vegetariana sobre Aborto

Aborto é uma arte contestadora utilizada por gente como as mães dos favoráveis ao abordo e que é voltada a colocar gente imprestável como os abortistas no mundo, sendo que muita desta contestação é gerada pelos grandiosos roteiros das novelas da Rede Globo, que incentivam esta prática.

Como funciona?[editar]

Popular método de aborto.

Antigamente um cara com AIDS fornicava com a mulher e o filho morria por duas coisas: com AIDS e afogado em goza. Basicamente, para se fazer um aborto, não precisa de nada mais nada menos do que uma gravidez, sendo que para isso, basta não usar camisinha e nem pílulas, fazendo isso de preferência no período "fértil". Depois disso, basta esperar pelos primeiros sintomas de gravidez, quando então você poderá (ou não) tomar medicamentos na tentativa de fazer o estrago. Mas lembre-se: isto pode acarretar em sua morte. Em geral, isso dá em indivíduos com grave retardamento mental e que caso não estejam no nível de inteligência de um Tonho da Lua, com certeza estará no nivel de retardados como o Boça e a Carla Perez.

E dá barato?[editar]

As vezes é melhor abortar mesmo, pra que cenas como essa sejam evitadas...

Na verdade, o barato é apenas a hora da foda da infeliz guria Retardada que esteja lendo este "manual de instruções", que caso tudo dê certo, deve gerar mais um aborto feito boçais como abortistas, sendo que infelizmente ainda não há cura para isso. No entanto, há pesquisadores que procuram ver se dá para achar alguma graça nisso, no entanto, até hoje isso está tão distante quanto o Brasil está do Acre. Antigamente, quando uma mãe abortava, era porque não tinha condições de criar seu filho, se não tinha condições de criar seu filho, é porque era pobre e se era pobre não tinha dinheiro pra pagar um aborto em hospital particular. Portanto, ela sempre ia em hospitais públicos ou em idiotas que cobravam baratinho para um abordo amador, o que SEMPRE acarretou na morte da mãe.

Hoje em dia o aborto é praticado por jovens mal-comidas que ficaram o dia todo dando o rabo pra cima e pra baixo e acabam embuchando, e ao invés de arcarem com as consequências, elas vão lá e abortam a criança, que nada teve a ver com a merda que ela fez. Essas geralmente já tem um pouco mais de dinheiro, pois as funkeiras faveladas nunca abortam, sempre viram mães solteiras viciadas em crack e dependentes de Bolsa Família. Em uma selva com duas moitas, sempre haverá aquela preferida e aquela odiada, como um sábio dizia. Ou vai naquela moita seca de espinhos residentes, ou vá na moita lar da cobra Naja e senta em cima. Já eu, errei e perdi os folhetos pela web.

Texto apelativo contra o aborto[editar]

Jogador se preparando pra fazer um aborto

Cquote1.png Oi mamãe, tudo bem? Estou bem, faz apenas alguns dias que você me concebeu em sua barriguinha. Na verdade, não posso explicar como estou feliz em saber que você será minha mamãe. Outra coisa que me enche de orgulho e ver o amor com que fui concebido. Tudo parece indicar que eu serei a criança mais feliz do mundo!!! Mamãe, já se passou um mês desde que fui concebido e já começo a ver como o meu corpinho começa a se formar, quer dizer, não estou tão lindo como você...mas me dê o cu uma oportunidade!!! Estou muito feliz! Mas tem algo que me deixa preocupado...ultimamente me dei conta de que há algo na sua cabeça que não me deixa dormir, mas tudo bem, isso vai passar, não se desespere. Mamãe, já se passarem dois meses e meio, estou muito feliz com as minhas novas mãozinhas e tenho vontade de usá-las para brincar. Mamãezinha me diga o que foi? Porque você chora tanto todas as noites?? Porque quando você e o papai se encontram gritam tanto um com outro? Vocês não me querem mais, ou o que?

Uma alternativa ao aborto, é pegar ou largar

Vou fazer o possível para que me queiram... Já se passaram 3 meses, mamãe, te noto muito deprimida, não entendo o que esta acontecendo, estou muito confuso. Hoje de manha fomos ao medico e ele marcou uma visita para amanhã... Não entendo, eu me sinto muito bem, por acaso você se sente mal mamãe??? Mamãe, já é dia, onde vamos? O que esta acontecendo mamãe? Porque chora? Não chore, não vai acontecer nada. Mamãe, não se deite, ainda são 2 horas da tarde, não tenho sono quero continuar brincando com minhas mãozinhas!!! Ei!!!!! O que esse tubinho esta fazendo na minha camisinha???? É um brinquedo novo??? Olha!!! Ei, porque estão sugando minha casa??? Mamãe!!! Espere, essa é a minha mãozinha!!! Moço, porque a arrancou? Não vê que me machuca?? Mamãe, me defenda!!! Mamãe!!! Me ajude]!!! Não vê que ainda sou muito pequeno para me defender sozinho?! Mãe, a minha perninha, estão arrancando!!! Diga para eles pararem, juro a você que vou me comportar bem e não vou mais te chutar.

Como é possível que um ser humano possa fazer isso comigo??? Ele vai ver só quando eu for grande e forte, ai mamãe, já não consigo mais... ai ... mamãe mamãe, me ajude... Mamãe, já se passaram 17 anos desde aquele dia e eu daqui de cima observo como ainda te machuca ter tomado aquela decisão Por favor, não chore, lembre-se que te amo muito e que estarei aqui te esperando com muitos abraços e beijos. Te amo muito!!! Cquote2.png
Seu bebê

Texto apelativo a favor ao aborto[editar]

É, as vezes era melhor ter abortado...

Nota: Os erros de português são propositais, afinal, abortista nem escrever sabe


Cquote1.png Oi mamãe, tudo bom?

Por enquanto estou bem, faz apenas alguns dias que você me concebeu em sua barriguinha já cansada de gerir. Na verdade, não posso explicar como estou angustiado, em pensar que daqui oito meses as coisas serão mais difíceis para nós. Outra coisa que me enche de medo, é o fato de você já ter quatro filhos, famintos e doentes, e que ficarão mais pobres quando eu nascer. Afinal, serão cinco, não é mesmo? Mas eu sei, mamãe, você não teve culpa. Tudo foi provocado por esta falta de assistência médica e social do governo, que além de não oferecer apoio para que você evite tanta gravidez, te proíbe de consertar um estrago ainda maior na sociedade. Tudo parece indicar que eu serei mais uma criança nas ruas, consumindo drogas e realizando pequenos furtos para conseguir o que você nunca poderá colocar em casa. Algumas vezes, com uma mistura de culpa e vergonha,você vai fingir que não percebeu que eu roubei o supermercado porque você saberá que a necessidade de nós todos será maior, afinal, que mal há em roubar para se comer? Mamãe, já se passou um mês desde que fui concebido e já começo a ver como o meu corpinho começa a se formar, meio fraco da falta de nutrientes que você sofre... acho que terei uma sequela ou doença, mas tudo bem... Você só quer meu bem, não é mesmo?'

E quando o aborto falha...

Dê-me uma oportunidade rápida de dizer o que penso! Estou muito chateado! Apesar de tanta dificuldade você parece que não pensa no que seus filhos sofrem... Ultimamente me dei conta de que a vida aqui dentro é a única fartura que terei ao longo de toda a minha história... só aqui haverá comida sem falta e conforto, isso não me deixa dormir porque eu achava que nascer fosse bom. Mamãe, já se passaram dois meses e meio, estou muito tenso. O uso de drogas, cigarro e álcool, que você faz para esquecer os problemas que vive com os pais de cada um dos meus irmãos, tem me deixado doente também. A propósito, quem é meu pai? Mamãezinha me diga o que foi? Porque você chora tanto todas as noites? Porque quando você resolveu levar minha vida adiante não pensou nisso tudo? Você não sabe quanto custa um filho depois dos cinco que já faz sofrer? Por que você não vai buscá-los no sinal, mãe?

Eles estão com fome e ninguém vai dar dinheiro para eles. Vou fazer o possível para que eu não viva assim... Nem que para isso eu entre desde cedo para o tráfico... sabe quanto eles ganham, mãe? É grana suficiente pra dar conforto pra todos nós... Não fica triste... você cometeu esse erro, mas eu vou consertar. Tudo bem se eu ficar preso alguns anos, desde que nossa vida não seja tão ruim como é agora, porque com mais um filho, a tendência é piorar. Eu sei, mamãe, que este mês você nem pagou o aluguel porque precisou gastar com remédios para a gravidez – o governo não ajuda em nada mesmo, não é? Já se passaram 3 meses , mamãe, te noto muito deprimida, não entendo o que esta acontecendo, estou muito confuso. Hoje de manhã fomos ao médico e ele marcou uma visita para amanhã... Não entendo, eu me sinto muito bem, ... por acaso você se sente mal mamãe? Mamãe, já é dia, onde vamos? O que esta acontecendo mamãe? Porque chora? Minha mãe está em depressão... espero que isso passe até eu nascer. Dizem, os doutores de branco que nunca tiveram falta de nada em casa, que isso é doença de grávida... mas eu entendo bem: isso é doença de pobre.

Um bebê que seria abortado, mas a mãe desistiu de última hora, se arrependimento matasse...

Mãe, a gente não tem nada, mas vamos ter tudo, eu serei o melhor do morro. Não chore, não vai acontecer nada. Mamãe, ainda é o oitavo mês, porquê eu estou nascendo? A gente não vai ao hospital? Disseram que não tinha vaga não é? Se a gente fosse bacana, eu teria pago um bom lugar para você ser uma mamãe feliz... Não queria sair daqui e descobrir a vida dura que terei. Deixa eu ficar mais um mês que tenho direito? Eu sei que vou nascer prematuro... Você mal aguenta consigo, né? Ahhh! cheguei ao mundo, já estou em casa, porque não deu tempo de chegar ao hospital. Você nem carro tem, não é mamãe? Mamãe... você está bem? Por que não me responde? Eu nem disse o que queria ainda... e você já se vai? E nossos sonhos de ter uma casa e conforto? Mamããããe não morre não! Você nem me disse quem é meu pai ainda... Quem vai me ajudar? Você deixou cinco miseráveis no mundo! Não terá jeito mamãe, a gente vai precisar matar e roubar pra viver na guerra em que você nos deixou! Cquote2.png
Seu bebê

Ver também[editar]

This is an esboço!
If you help this, you go understand this