Adultos que agem como crianças

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Ruth ronce.jpg I M A G E N S|||F O R T E S

Neste artigo são exibidas imagens fortes. Caso você seja idoso, menor de 18 anos, gestante, possui doenças cardíacas, é fresco, patricinha ou emo, não leia este artigo.

Seiyaputo.jpg Este artigo trata de uma personalidade mortalmente,
putaqueparivelmente e filhadaputamente odiada!
Ele(a) nunca será respeitado se continuar desse jeito.

Conheça outros filhos da puta clicando aqui.
Típico adulto que age como criança em ação.

Cquote1.png Sua intenção era pesquisar: Você? Cquote2.png
Google dando uma de adivinho com a pesquisa de Adultos que agem como crianças
Cquote1.png Eu peguei 3 galinhas na geladeira, se eu cuzinho é meu? Cquote2.png
Um típico adulto que age como criança.
Cquote1.png Quando que você vai crescer, seu merda? Cquote2.png
Mãe sobre esse tipo de gente, nas fases iniciais.
Cquote1.png Anos de trabalho e dinheiro jogados fora por um fdp desses... Cquote2.png
Pai sobre seu filho que continua crianção com quase 30 anos na cara e barba por fazer.
Cquote1.png SAI DA MINHA CASA DUMA VEZ, PORRA! Cquote2.png
Mãe sobre uma misera dessas, no momento em que percebe o que trouxe ao mundo.
Cquote1.png Você acha mesmo que eu vou sair com um bostinha igual você? Cquote2.png
Paquera sobre ser convidada pra sair com um coió desses.

Os adultos que agem como crianças são animais da espécie Homo idiotis, uma vertente retardada do Homo sapiens, que surgiu com uma mutação na pré-história e se proliferaram por todo canto. Hoje quase um terço da população mundial pode se encaixar nesse conceito, já que a globalização ajudou a criar novos adultos que agem como crianças, seja com as porcarias vindas do Japão e Coreia do Sul, dos trambolhos americanos, da Nutella italiana, entre outros atiçadores de infantilidade.

Definição[editar]

A criancice na idade adulta afeta até mesmo as mulheres (ou gays, não dá pra ver direito se é benino ou benina).
Parece que nos países do leste asiático a proporção de adultos que agem como criança é maior que no resto do mundo

Adultos que agem como crianças constituem uma verdadeira praga da pós-modernidade, tanto pelas atitudes quanto por outras coisitas más. Dentre elas, podem ser citadas o tom de voz ridículo, o modo de se vestir e outras retardadices do gênero, como por exemplo: adorar o Goku, achar que saíram de algum desenho animado, falar com animais achando que estes realmente entendem o que se diz, ou simplesmente utilizar-se de brinquedos e coisas que foram feitas SOMENTE para crianças.

Esses adultos que agem como criança até parecem humanos mesmo... fisicamente, mas mentalmente é que a magia ocorre; na verdade, uma magia de encolhimento cerebral. Talvez a única forma de diferenciar um adulto normal de um adulto que age como criança é reparando nas vestes; se tiver com camisa de banda de rock ou metal, meme ou de super-herói, pode ter certeza que é uma espécime nada rara de um adulto que age como criança. Também dá pra notar pela roupa suja de punheta, mas quem é que vai ficar reparando essas coisas? Eu mesmo não...

Até os doze anos todos os seres humanos são crianças (mesmo aquele parente pirralho filho da putinha que se acha o intelectual), mas no caso dos adultos que agem como crianças, mesmo após passar a puberdade, a infância nunca quer sair de seu corpo. Os então adolescentes, dos treze anos em diante, já pensavam em pegação, paquera, "xaveco" (logo se vê que quem fez o artigo é um desses velhos adultos que agem como criança porque usa esses termos arcaicos) e esfregação genital; já o adulto que age como criança, em sua adolescência, ainda era criança, e não queria deixar de sê-lo. A vontade de desenhar piroca de corretivo nas cadeiras e comer sabão era maior que a vontade de namorar.

Então, finalmente, chega a doce fase adulta, e os normais pensam em: contas de luz, aluguel, casa própria, produtos de limpeza, cachorro, filhos, programa do Sílvio Santos... Já os adultos que agem como crianças, no que deveria ser a fase adulta da vida, permanecem crianças, porém são crianças gordas, peludas, com voz grossa e a roupa de baixo freada. Suas vidas se resumem a encher a paciência da mãe idosa, pedindo pudim de maizena a cada cinco minutos.

História[editar]

Adulto agindo como criança não é coisa só da atualidade; já havia adulto agindo como criança desde a Idade Média e Renascença.
Cquote1.png Caçar uma ova, vou é desenhar dinossauro aqui na caverna... Cquote2.png

Os adultos que agem como crianças surgiram de uma mutação no gene da normalidade em alguns seres humanos primitivos. Aqueles desenhos nas cavernas, quem fez foram os adultos primitivos que agiam como crianças. Em vez de trabalhar caçando (ou lavando roupa de pele de onça, se pessoa do sexo feminino), os adultos primitivos que agiam como crianças queriam é ficar desenhando nas paredes das cavernas. Como na época não existia Digimon, o entretenimento era desenhando seus próprios monstrinhos.

A humanidade ia evoluindo com o passar das luas, mas os adultos primitivos que agiam como crianças só evoluíram para adultos modernos que agiam como crianças. Na Grécia antiga havia filósofos, guerreiros, homossexuais pederastas, mas também adultos que agiam como crianças, que foram os responsáveis em criar a mitologia grega. Na Idade Média, enquanto o pessoal estava queimando as bruxas, os adultos que agiam como crianças discutia qual herói era melhor. Na Renascença, havia grandes artistas, mas também grandes adultos que agiam como criança, que se lambuzavam de mel numa banheira; estes eram chamados de bobos de corte.

Atualmente, ser um adulto que age como criança é um estilo de vida, sendo considerado até mesmo moda, e muitos ao nosso redor são desse gênero; na verdade, se você está lendo esse artigo e possui mais de 21 anos, seja bem-vindo(a) ao mundo dos adultos que agem como crianças.

Habitat[editar]

Alguns adultos que agem como criança até se dão bem na vida, cercados de tranqueiras legais e com a masturbação em dia.

São pessoas comuns de se encontrar em todos os lugares que vivemos, desde sua casa (sim, sua mãe é especialista em ser assim por vezes, seu pai e se fores mulher o seu marido também é, esses com mais frequência até), na sua escola (sempre tem um tio da cantina que é metido a palhaço, ou o motorista da condução escolar com suas piadinhas de levar todo mundo pra tomar "gagau" em casa mais cedo), na faculdade (teus colegas escrotos que parecem que não aprendem nunca que brincar de pula sela sem avisar é ridículo), no trabalho (o típico engraçadinho que bota placa de "me chute" nas suas costas), nas festividades de família (a titia que pergunta das namoradinhas só pra cantarolar "tá namorandooooo") e até mesmo no videogame (os BR da vida usando cheat code pra depois te zoar dizendo que são "melhores do que você, otário!") e na internet (nego de mimimi quando é banido de um site e fica irritando todos os moderadores do mesmo, até o ban acabar ou levar bloqueio eterno nas redes sociais).

Basicamente é impossível se livrar dessas pragas, que são tão irritantes quanto o dono da bola era quando você era mais novo e ele frescava quando perdia um jogo e levava a bola com ele pra casa. Eles são verdadeiros cânceres da sociedade, os quais nem toda a quimioterapia do universo é capaz de remover...

Detalhes[editar]

Adultos que agem como criança mostrando a uma mulher como é que se passa vergonha pra valer.
Um tiozão barbudo que acha que é uma pequena garotinha.

Esse tipo de criatura é relativamente fácil de ser encontrado em locais tais como parquinhos e feiras onde ocorrem eventos de anime. Não é difícil identificar uma delas já que as verdadeiras crianças geralmente possuem tamanho reduzido, a não ser que por algum motivo uma aberração da natureza tenha esbagaçado a própria parideira ao sair dela... Enfim! Adultos que agem como crianças são naturalmente fadados ao fracasso em qualquer coisa que fazem porque sofrem da chamada síndrome de Peter Pan, que os impede de crescer mentalmente assim como qualquer um.

Na internet, querem sempre ser o centro das atenções, seja postando fotos de "coisas fofinhas" (tipo raposas) ou então espalhando emojis por aí, e sempre assassinando a língua musa do Professor Pasquale.

Acham que são eternamente jovens e, por isso, possuem carta branca pra fazer todo tipo de estripulias malucas e hábitos dignos de facepalm. Uma característica notável é que a maioria dos adultos que agem assim (ou todos mesmo) são bem desprovidos de algo básico chamado "vergonha na cara".

Caso queira identificar um adulto desses, pergunte o que é sexo. Ou ele não vai saber responder, ou vai dizer algo como "masculino", ou então vai te contar a história das abelhinhas que ouviu quando era um metro mais baixo. Além disso, basta alguém falar algo mais vulgar, tipo peitos, que eles já ficam mais ou menos atiçados assim: "Hmmm sexo!!! Que safadeza hein... Hihihhihihihihi!!!". Ou seja: eles não conseguem nem ouvir algo mais "evoluído" que já começam a se comportar como um guri que bateu uma bronha pela primeira vez. Não só isso mas também, ainda no ramo da putaria, eles continuam virgens e batem punheta, isso porque ninguém aguenta esse tipo de gente por perto; se duvidar, nem eles próprios aguentam uma pessoa da laia deles.

Exemplos clássicos[editar]

Quem é mais criança: seu tio engraçadão ou a tua mãe que ainda defendeu o fdp?

Existem por aí uma porrada de adultos que agem como crianças, porém sempre existem aqueles que servem como um bom exemplo na hora de citá-los. Claro que um dos exemplos mais comuns são os Irmãos Neto; caso você more numa caverna e ainda não saiba, são os youtubers Felipe Neto e Luccas Neto. Nem preciso dizer as bostas infantis que eles fizeram, mas apenas algumas serão citadas senão iremos contrair fobia social. Entre as infantilidades principais, estão: arremessar uma porra duma pelúcia num lustre, a banheira de Nutella, a cama elástica cheia de maionese, e vários outros vídeos doentes que eles fazem...

Outro exemplo que não é necessariamente um youtuber (caso contrário esse artigo seria infinito e teríamos que atualizá-lo todo santo segundo) é o seu tio engraçadão que até dispensa comentários, basta observá-lo...

Como lidar[editar]

A melhor coisa a fazer é simplesmente ignorar. Ou, em casos mais severos, denunciar às autoridades competentes, como o IBAMA, que cuida desses espécimes que pensam que são raros.

Pessoas assim estão em um desses dois grupos: ou fingem que são crianças, ou então REALMENTE acreditam que são crianças. Em ambos os casos, possuem um lado sentimental mais frágil que uma folha de isopor; portanto, a menos que queira iniciar uma guerra civil, ameace chamar a Super Nanny ou a mãe de algum deles (ao invés de xingar a coitada da velha, que não tem nada a ver com a história).

Ações comuns a vários desses[editar]

...Mas que p#[email protected] é essa???
  • Gostam de reclamar que ninguém o compreende em cada post do Facebook e que o mundo é feito de pessoas ruins, selvagens e cruéis com ele;
  • Brincam de pular corda, amarelinha e outras coisas infantis, como Jogo do Mico e Minecraft;
  • Gravam-se e postam no YouTube fazendo tudo dos dois pontos anteriores;
  • Fazem brincadeirinhas do tipo "é pavê ou pacumê?";
  • Pior: fazem brincadeirinhas sobre o tatu que caminha dentro, o jacaré que anda no seco e os quilos de carne pra vinte comer;
  • Acessam sites de humor por pura procrastinação tentando arranjar namoradinhas e dão em cima de todas, sem saber como falar com nenhuma e terminando com cara de escravoceta;
  • Típicas frases: "Ãhn, não entendi" ou "ãhn não sei".
  • Sempre que veem algo novo, tipo banana-vermelha ou cafézes ele ficam tipo: "Uau, que demais he he he ha ha ha!!!! Voltei a ter 10 anos agoraaaa..."
  • Aliás, sempre e sempre falam esse papo furado de que voltou a ter 10, 9, 5 anos de idade, quando provavelmente, ao menos mentalmente, jamais saiu nem dos 2 meses de idade;
  • E sempre curtem digitaaaaaaaaaaaaaaaaaar deeeeeeeeeesseeeeeeeeeeeee jeeeeeeeeeeiiiiiiitooooooooooo esticaaaaaaaaaaaaaandoooooooooooo aaaaaaaaaaaaaaas vogaaaaaaaaaaaaaais só pra "fazer efeitooooooooooooooooooo"...
  • Adoram comer doce e comem feito condenados, arrotando no final e fazendo um barulho que parece até aquele que o fim do mundo produz (e claro, ainda se gabam de ter o maior arroto nas Olimpíadas da Vida Real na modalidade "arroto de mesa de bar").
  • Eu pensei em falar mais coisas, mas no momento estou ocupado terminando de encher minha banheira de hidromassagem de amoeba...

Ver também[editar]

Mirror2.jpg Conheça também a versão oposta de Adultos que agem como crianças no Mundo do Contra:

Espelhonomdc.jpg
v d e h
Piores seres
OS PIORES SERES DO UNIVERSO
Emo.jpg
Adultos que agem como criançasAntissociaisAteus de FacebookBasqueteirosBichos feiosBlackheadsBoleirosBolsonaretesBródsonsBroniesBulliesCaipirasChannersClubbersCornosCrentesCrentes do cu quenteCultsDark NerdsDescíclopesDuckfacersEmosEsquerdistasFanboysFascistasFaveladosFeministasFirstsFlammersFloodersForrozeirosFrom UK'sFunkeirosFurriesGamersGóticosGreasersGringosGrungesHatersHeterofóbicosHippiesHipstersHomofóbicosIndiesJ-RockersJogadinhosLiferulersMachistasMaconheirosMadrastasMaGGotsManginasMalandrosMetaleirosMicareteirosn00bsNarutardsNerdsNu PunksOnanistasOs ManoOtakusPagodeirosPedófilosPichadoresPlayboysPlayssonsPobresPokemaníacosPolíticosPoopersPosersPunheteirosPunksRappersRegueirosRockeiros de ensino médioSatanistasScreamosSertanejosSkatistasSkinheadsSograsSonystasSurfistasTagarelasTerraplanistasTrollstr00sTrutasUnderloversUniversitários que falam topVagabundosVândalosVegetarianosVidas LokasWikipedistasX9's