Agni

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Fogo.jpg Este artigo é queeeente!

Se quiser editar este artigo, entre numa geladeira, ligue o ar condicionado no máximo e beba uma coca-cola gelada. E não lute contra Scorpion!

Cquote1.svg Você quis dizer: Azura Cquote2.svg
Google sobre Agni
Cquote1.svg Você quis dizer: Bruce Kalish Cquote2.svg
Google sobre Agni
Cquote1.svg Agui quem? Cquote2.svg
Qualquer um sobre Agni
Cquote1.svg É de comer? Cquote2.svg
Chaves sobre Agni

Apesar dele ser bem bonzinho, não se meta com ele, ou você pode se queimar.

Por mais incrível que pareça, Agni é um dos milhares de deuses existentes no hinduísmo, só que diferente de outros como Ganesha ou Brahma, este tem tão pouca notabilidade, tadinho... Nem merecia ter artigo na Wikipédia (Critérios de notoriedade da Wikipédia)

Pode-se dizer que ele é como se fosse uma versão de fogo do Anjo Gabriel, só que no hinduísmo, é claro. É ele o diretor de todas as cerimônias religiosas do hinduísmo ou seja, ele fica as vigiando para garantir que pessoas como você não queiram fugir no meio da cerimônia. Apesar de ser o deus do fogo, Agni emite uma luz que para os hindus, é considerada a luz da verdade; a luz da revelação; a luz da destruição.

Aparência[editar]

Como todo deus hindu, ele tem que ter uma aparência bem alienígena: Sete mãos, duas cabeças e três pernas. Ele também tem sete línguas flamejantes (coitada das moças em quem ele faz cunnilingus). Ele também adora carregar um machado, uma tocha e uma lança flamejante (isso porque ele adora tortura) e um colar de pérolas.

Fora essas coisas, ele é considerado um rapaz jovem e bonito, mas com a pele vermelha e cabelo preto.

Ele também é adepto do hipismo, só que ele gosta de praticar com ovelhas, em vez de cavalos; Não se sabe o porquê disso.

Tributos e sacrifícios pagos a ele[editar]

Já que ele é o mensageiro dos deuses, os tributos vão direto para os deuses, ninguém quer saber de pagar tributos para o pobre mensageiro dos deuses.