Airbus

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Boieng da Trans Brasil indo pro brejo.jpg Olha o(a) Airbus vindo!
Olha o(a) Airbus indo!

Este artigo fala sobre coisas que avuam pro alto.
Clique aqui pra ver quem mais vai pelos ares. Literalmente.


Airbus
Airbus SE
Airubus.jpg
A Airbus sempre investe o máximo em tecnologia e design
Slogan Boeing in das Europa nein!
Tipo Sociedade europeia
Ramo Aeroespacial, bélica
Fundado em 1 de Abril de 1970
Sede Toulouse, Bandeira da França França
Barcelona, Bandeira da Espanha Espanha
Düsseldorf, Bandeira da Alemanha Alemanha
Londres, Bandeira do Reino Unido Reino Unido
Proprietário União Européia
Empregados Mais de 8 mil
Acionista(s) Judeus (34%)
Emmanuel Macron (64%)
Governo da União Europeia (100%)
Cotação Baixa -6,66%
Valor Aumento € 100 bilhões
Lucro Baixa € 2 bilhões
® Desciclopédia


Cquote1.svg Você quis dizer: Boeing da Europa Cquote1.svg
Google sobre Airbus
Cquote1.svg Retard. Retard. Retard. Cquote2.svg
Computador de bordo do Airbus elogiando os pilotos
Cquote1.svg Senhor, acho que os tubos de pitot entupiram, temos que voar essa joça manualmente Cquote2.svg
Copiloto do Air France 447
Cquote1.svg Se ta falando serio? Ih rapaz, e como se faz isso? Cquote2.svg
Comandante do Air France 447
Cquote1.svg ... Boa pergunta Cquote2.svg
Copiloto do Air France 447

O Airbus ou Aeurubus é uma empresa Francesa,Alemã,Inglesa e Espanhola que é, atualmente, a maior fanicante de sucatas voadoras aviões do mundo. Era sediada em Toulouse (agora sediada em Dusseldorf, Alemanha.Ela vende sucata para lixões e contrata várias pessoas para fazer o trabalho de catar latinhas,em todo mundo sempre há alguém trabalhando pra eles. A Airbus pode ser considerada uma empresa de grande porte pelo seguinte motivo: eles não gastam nada da construção de seus aviões,todos são construídos com latinhas e materiais providos do glorioso latão. Em Setembro de 1967, um acordo entre os principais países da União Europeia já citados acima, juntou o latão com as garrafas de plástico aumentando mais ainda a qualidade dos aviões.

A Airbus é reconhecida mundialmente pelo nível elevadíssimo de automação em seus aviões, pilotar um Cessna 172 é mais trabalhoso que pilotar um Airbus, por este motivo há o tal do side-dick side-stick nos Airbus ao invés do tradicional manche já que dificilmente os pilotos assumirão o controle da aeronave, deixando assim mais espaço no cockpit pra eles recrearem com as aeromoças e não morrerem de tédio enquanto os computadores voam o avião.

Airbus Group[editar]

A Airbus é dona de mais de 8 mil fabricantes de aviões do mundo cuja gama de produtos varia de grandes e pesados jumbos superfaturados até aviões de papel, e por aviões militares que mal conseguem se dar bem em guerras com países subdesenvolvidos.

Os Aviões[editar]

Moderno Airbus de Pobre
Eficiente piloto automático do sistema Fly By Wire da Airbus.
Moderno joystick manche do Airbus com o botão de ligar o piloto automático.

A maior parte dos aviões da Airbus partilham um cockpit comum, com um botão UP/DOWN no main panel e outro ON/OFF no overhead panel. Tão simples que após decolar o comandante então reclina seu assento e começa a folhar uma Revista Playboy, o primeiro oficial vai pro sarcófago dar um trato em alguma aeromoça e o líder dos comissários vai ficar 3h escondido no banheiro igual qualquer empregado de firma brasileira, deixando os comissários novatos se foderem com os passageiros fdp.

Airbus A300 de Esparta[editar]

Foi o primeiro avião dessa empresa. Construído para abrigar grandes populações especializados em guerras,transportando os guerreiros, essa versão inclui alvos nos acentos,os passageiros são alimentados com o próprio combustível do avião e já descem de paraquedas com bombas ativadas neles para já sentirem o gostinho da batalha.

Airbus A310[editar]

Foi a versão melhorada do 300 só com outra finalidade, o transporte de pés-de-cana,por isso esta versão vem equipada com 310 tanques de 15 m, e o mais incrível é que em cada 310 dos tanques há uma bebida diferente,pelo motivo da quantidade de tantos tanques o avião não voa só rasteja um pouco, o que não faz a minima diferença para os pinguços que não sabem a diferença entre uma espátula e um avião. Introduzido com VASP e VARIG ao mesmo tempo (wow)

"Pessoal,15 minutos para comerem e irem ao banheiro"

Airbus A319[editar]

Avião baseado em aeromodelos(nota-se isso pelas suas dimensões reduzidas), foi criado para o transporte de favelados, e devido a tecnologia de ponta aplicada nas aeronaves o passageiro se sente num ônibus, visto que o excesso de tremedeira nos faz lembrar dos antigos pau-de-arara, sem falar nos comandos simplificados, em que a aeronave é pilotada com um controle de ATARI. Introduzido com a Easyjet

Airbus A320[editar]

Foi o primeiro experimento com plástico em um avião, a grande vantagem é que ele chegava a grandes altitudes pois sua constituição se baseava em sacolas de supermercado,foi construida para o transporte de políticos, a única desvantagem desta versão é que o vento o levava em qualquer direção e sempre que chegava perto do fogo derretia todo o avião,bem,desvantagem pros poíticos,vantagem pra nós. Ainda assim, foi o primeiro avião comercial do mundo em que se pilota com um botão ON/OFF. Introduzido com a American Airlines

Airbus A330[editar]

Esta versão foi especialmente projetada para o livre transporte de hippies e drogados em geral,por isso ele é todo feito de folhas de maconha,pó, e drogas em geral.Foi a versão mais demorada a ficar pronta,pois os construtores não paravam de "gastar" os componentes do avião.O problema dele é que pelo motivo de ser feito de drogas o voo com esses passageiros não dura 1 hora e meia até que os passageiros o fumem e caiam. É o modelo mais usado para ligar os países da América até os países da Europa e vice-versa. Introduzido com a Air France

Airbus A340[editar]

É a mesma coisa do que o A330, só que com 4 turbinas.Foi muito bem projetada para o transporte de punheteiros pagodeiros,forrózeiros,axezeiros e criaturas em geral (apesar de seres humanos o utilizarem às vezes), o avião foi muito bem reforçado no chão para aguentar as pisadas e sequencias sonoras irritantes.Houve complicações sobre sua criação pois por onde passava matava milhares com as músicas de pésimo gosto,quem estivesse por perto do avião quando ele passasse sofria instantaneamente de hemorragia interna.O problema com esta versão é que o piloto e o co-piloto não aguentavam mais aquelas músicas do inferno e saltavam do avião fazendo com que ele óbviamente pela lei de Newton caisse e queimasse direto pro inferno,pelo menos as músicas paravam. Introduzido com a TAP Portugal.

Um dos erros do AIRBUS

Airbus A350[editar]

Heavy-plastic da Airbus, apelidado de Tiazinha ou Guaxinim por causa daquela pintura preta no para-brisa. Esta versão foi construída para o proposito mais ameaçador e é considerado o maior desastre aéreo mundial do mundo, ele transportava os primeiros mafagafos do mundo para uma área de estudos em que seriam usados como poderosas armas de guerra,mais infelizmente os idealizadores do projeto subestimaram os poderes da criatura e uma boa quantidade caiu no Brasil causando erros em certos servidores que prefiro não mencionar o nome por medo de acordar com os próprios mafagafos amanhã. Introduzido com a Lufthansa.

Airbus A380[editar]

É um avião que sofre obesidade mórbida. Foi construida para o transporte de pessoas de baixo QI(QI é inteligência não a energia do corpo do Dragon Ball),dai explica o seu nome 380,pois os desenvolvedores não sabiam nem conta.As pessoas transportadas não passavam nem no Kumon de português.O avião era dividido em várias alas como por exemplo as loiras,nessa ala em vez de água era servido água oxigenada,havia a ala de técnicos de futebol onde ensinavam que no futebol tem que coloca aquele negócinho redondo naqueles pausinhos empilhados e é claro a ala dos presidentes.O problema deste era que era feito de giz de cera e derretia chegando perto do sol ou decolando. Outra desvantagem é o design fato de não caber em nenhum aeroporto do mundo, mas isso e apenas um promenor tecnico. Assim como a unidade anterior, também foi introduzido com a Lufthansa

Airbus Beluga[editar]

Airbus Berruga, o avião particular de Milton Neves.

Era uma novíssima versão criada para o transporte de idosos nordestinos, havia tabuleiro de Xadrex, um robo que fazia bingo pois ninguém aguentava ficar fazendo aquilo por horas, mesas de truco, e uma câmara anti-som para as discussões. O problema era que o piloto morria de tédio.

Airbus A400M[editar]

Versão gourmet do C-130 Hercules, foi fabricado para um dos usos mais diabólicos do mundo, podia transportar até 400 EMOs, havia shows ao vivo no avião das bandinhas deles, e um reservatório embutido para eles não morrerem afogados nas lágrimas, graças a Deus o problema era que a tristeza, bixisse e vontade de se mata afetava o piloto e este matava todos do avião com uma espatula removedora de gordura, em uma das mais brilhantes decisões que já tiveram os seres humanos desistiram do projeto.

Airbus A220[editar]

Como os cucks da Bombardier só davam preju pro governo do Canadá pois vendiam aquele CSeries deles só por lobby já que ninguém era idiota de pagar o preço de um A320 num jato regional, as ações da empresa estavam em baixa, então em 2017 a raça superior adquiriu essa empresa de fundo de quintal já cansada de apanhar da Embraer, rebatizando os CS100 e CS300 para A220-100 e A220-300, com a Airbus se transformando na empresa maléfica do ramo da aviação comercial.

Airbus Helicopters[editar]

Outra que estava capengando (Eurocopter) e foi comprada, aumentando seu monopólio agora não só para aviões mas para tudo que voa na Europa. A "nossa" Helibras também é subsidiária dessa merda, presente justamente no país com a quarta maior frota de asas rotativas do mundo e entrando em tudo quanto é licitação, vide quando a PM de SC comprou helicópteros da Agusta Westland(da Itália) e a Helibras(não preciso nem dizer de onde é né?) tentou impugnar o edital.

O Airbus hoje[editar]

O Airbus hoje foi destituído pois os grupos de reciclagem invadiam suas casas e matavam seus gatos e tomavam seu material de construção, o que resta hoje é o sonho que eles deixaram para trás e os corpos de milhões de seres humanos que corajosamente morreram em prol da tecnologia que graças á este projeto não melhorou em nada.

Ver também[editar]