Club Alianza Lima

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de Alianza Lima)
Ir para: navegação, pesquisa
Club Alianza Lima
Escudo do Alianza Lima.png
Brasão
Hino '
Nome Oficial Los aliancistas, la blanquiazul, los grones, los monos, anti-gallinas, los hinchas de todos los equipos, los íntimos, victorianos.
Origem Bandeira do Peru Peru - Lima
Apelidos Los K-grones, Los Denunciantes, El Equipo del Casi
Torcedores
Torcidas
Fatos Inúteis
Mascote
Torcedor Ilustre
Estádio Matute "Yompian"
Capacidade
Sede
Presidente
Coisas do Time
Treinador
Pior Jogador Nuvola apps core.png
Melhor Jogador Crystal Clear action bookmark.svg.png
Patrocinador
Time
Material Esportivo
Liga Campeonato Peruviano
Divisão Série A
Títulos
Ranking Nacional
Uniformes



Cquote1.png Você quis dizer: Mi Planta de Naranja Lima Cquote2.png
Google sobre Club Alianza Lima

Club Alianza Lima é um time mais ou menos importante do Peru, e desprezível a nível internacional, que é mais conhecido por seu nome estranho e escudo em formato de lixeira azul do que pelo seu futebol.

O time sempre se destacou internacionalmente por nunca ganhar nada, e por décadas disputou com Cerro Porteño e San Lorenzo qual era o time tradicional mais fracassado da América Latina. Em 2014 o San Lorenzo saiu da fila e ganhou sua Libertadores, agora restam apenas Alianza Lima e Cerro Porteño. O motivo de tantos fracassos é a tradição de sempre vencer seus poucos jogadores bons a preço de banana para times brasileiros ou argentinos.

História[editar]

Fundação[editar]

Este time cretino foi fundado em 1901, sendo um dos mais antigos da América do Sul a ser criado. Ninguém sabe ao certo a causa, motivo ou circunstância em que o Alianza Lima foi criado, mas certamente a pessoa que o fez hoje se arrepende amargamente ao observar os resultados de sua criação. Destacou-se na Era Amadora sempre sendo vice no irrisório campeonatinho amador de fim-de-semana realizado nos campinhos de terrenos baldios da cidade de Lima, perdendo frequentemente para o Lima Cricket Club, um time que já nem existe mais no futebol e que foi ir jogar críquete assim que o esporte deles surgiu no Peru em 1913, pois de 1901 a 1912 jogou futebol, e mesmo assim venceu, ainda mais que não existiam regras, e eles usavam tacos para repater a bola de futebol e agredir os rivais do Alianza Lima.

Décadas de 1940 a 1970[editar]

A partir da profissionalização do futebol peruano, o Alianza Lima tornou-se o único time peruano existente de futebol, e mesmo assim jogando sozinho, foi campeão meras 7 míseras vezes do campeonato peruano, considerado um dos torneios mais molezas da América Latina.

Tem como maior mérito o bi-campeonato de 1977 e 1978 (mesmo que o Universitario já tenha sido bi umas 5 vezes, o Sporting Cristal já foi bi também umas 4 vezes, sem falar que ambos rivais já chegaram ao tri algumas vezes). Nos anos de 77 e 78 o Alianza Lima formava a base da seleção peruana, o que explica o desempenho péssimo da seleção nacional na Copa do Mundo de 1978, apesar de que oitavo lugar para os peruanos é muito, ainda mais quando são inspirados pelo Alianza Lima que comemora oitavas colocações na Libertadores como títulos.

Libertadores de 1978[editar]

A primeira participação notável do Alianza Lima numa Libertadores foi em 1978. Apesar do time ser peruano, sempre se inspirou na cultura paraguaia de sempre morrer na praia. Na edição de 1978 não foi diferente. Pois avançou em primeiro de um grupo forte com o rival Sporting Cristal e o boliviano The Strongest, e chegou no grupo decisivo já ganhando a primeira partida por 3x0 do Cerro Porteño, dando todos indícios de que seria campeão dessa vez... Mas então perdeu 3 jogos consecutivos e foi eliminado na lanterna, inclusive com uma derrota por 4x1 em casa para o Deportivo Cali

Desastre de 1987[editar]

No ano de 1987 o Alianza Lima estava na segunda divisão peruana, e nessa oportunidade viajou para enfrentar o poderoso Deportivo Pucallpa nas ilhas Amantaní. Como o time estava em crise financeira, foi alugado um ultra-leve para transportar os 11 jogadores da equipe. O ultra-leve infelizmente caiu no lago e toda equipe do Alianza Lima morreu na tragédia.

Investigações demonstraram que os limites de peso pareciam estar em ordem, porém o atacante da equipe havia mentido que estava pesando 120kg, para que não fosse vetado, e seu sobrepeso custou a estabilidade da aeronave que caiu e matou a todos.

O time do Alianza Lima continuou a competição usando seus jogadores do sub-12, que perderam todas partidas e rebaixou o clube mais uma vez.

Década de 1990[editar]

E lá se foram mais 10 anos só de "quases" na década de 90, época em que ganhou o apelido de "El Equipo del Casi" (o time do quase), devido às inúmeras oitavas-de-finais e semi-finais em que o clube atingiu em Libertadores e Copa Conmebol, mas sempre perdendo todas, especialmente se os adversários fossem colombianos.

O Alianza Lima é um daqueles times sortudos que nunca enfrentam times brasileiros ou argentinos, e mesmo assim nunca consegue deslanchar.

Centenário[editar]

No ano de 2001 o Alianza Lima comemorou o seu Centenário perdendo a vaga na Libertadores de 2001 para o Sport Bueyes no campeonato peruano de 2000. Aproveitou-se, porém, que os principais times do país estavam na Libertadores, e em seu centenário ganhou o irrisório campeonato peruano de 2001.

Títulos[editar]

Verdadeiros

  • Campeonato Peruano: 22 vezes (1918, 1919, 1927, 1928, 1931, 1932, 1933, 1948, 1952, 1954, 1955, 1962, 1963, 1965, 1975, 1977, 1978, 1997, 2001, 2003, 2004 e 2006).

Inventados