Ana Carolina Jatobá

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Va-a-merda-porra-(Luiz-Carlos-Alborghetti).gif Este artigo pretende ser ofensivo!
Se não se sentiu ofendido, edite-o até se ofender.
E se você se sentiu ofendido, VÁ A MERDA, PORRA!!!
Atenção: leia este artigo com bom humor

A Desciclopédia é um site de humor, não venha nos dizer que pegamos pesado.
Se você levar tudo por trás e ficar com a alma ferida, visite outro artigo.

Por que a garotinha caiu do balanço? Porque ela não tinha braços.

1133064800.jpg Este artigo se trata de uma mulher malvada.

Ela é a vilã, é má pra cacete, mesmo assim, você a adora, mas nunca
conseguirá algo com ela.

Michaelmyers.jpg Este artigo é sobre um(a) ASSASSINO!

Este(a) louco(a) sadomasoquista provavelmente esquarteja suas vítimas, sofre de problemas mentais ou foi violentado(a) pelos pais. Se vandalizar o artigo, Dexter virá atrás de você!

Cquote1.png Eles sãos uns monstros ! Cquote2.png
Sonia Abrão falando do casal Alexandre Nardoni e Carolina Jatobá

Cquote1.png Sei que a Palavra MADRASTA pesa aos ouvidos dos outros Cquote2.png
Ana Jatobá contando a verdade.
Cquote1.png Esganar uma menina? Isto é uma barbaridade!E ainda jogar do sexto andar? Balança aí no 9º DP! Cquote2.png
Geraldo sobre Ana Carolina Jatobá
Cquote1.png Você vai ver, tia Carol!Ainda te rebaixo mais! Cquote2.png
Isabella Nardoni sobre Tia Carolina Jatobá
Cquote1.png Isso vai dar uma boa matéria nessa revista..é só botar o Lula no meio e pronto! Cquote2.png
Revista Veja sobre A. C. Jatobá
Cquote1.png Relaxa e Goza! Cquote2.png
Loura Genial sobre A. C. Jatobá na cadeia
Cquote1.png Não pode jogar pela janela, tem que ensinar a pular! Cquote2.png
Chuchu sobre Isabella e A. C. Jatobá
Cquote1.png Vai despencar no colo do capeta! Cquote2.png
Alborghetti sobre Isabella
Cquote1.png Anti Hang-loose pra você! Cquote2.png
Marcelo Adnet sobre A. C. Jatobá
Cquote1.png Beijos, mãe! Oi vovó! Cquote2.png
popular na frente das câmeras de TV
Cquote1.png Tenho medo! Cquote2.png
Regina Duarte sobre A. C. Jatobá
Cquote1.png Isto aqui está uma merda! Cquote2.png
Eu sobre este artigo
Cquote1.png Merda de artiiigoooo! Cquote2.png
Isabella, antes de se espatifar no chão
Cquote1.png Eu sou inocente! Cquote2.png
A.C. Jatobá, enquanto tentava instintivamente esganar o microfone de uma reporter de rua da Sônia Merchan Abraão
Cquote1.png Quem nunca errou, que atire a primeira menininha pela janela Cquote2.png
Ana Jatobá citando o namorado da Madonna sobre Isabella


Ana Carolina Jatobá foi a atração de maior audiência para a patuléia ignara(povo iNgnorante, seus burros) desde o jogo que derrubou o Corinthians para a segunda divisão, além de provocar mais comoção e revolta do que a derrota da Seleção Brasileira para a França de Zidane. Ronaldo, o gordentucho bem que tentou, saindo com três (3!) travestis e ainda assim não conseguiu ofuscar a novela do Nardoni. Fãs queriam sair com Ana Carolina mas não puderam,Ronalducho não deixou.

O motivo(segundo quem criou o artigo)[editar]

Ana Carolina Jatobá pensando no que irá fazer com o corpo da menina.Coitadinha!Irá sofrer nas mãos da maligna!.
Kenny Mccormick pedindo para ela ser Condenada a cadeira elétrica
  • O advogado-Acredita-se que a morte da tal poderia ter sido por quê a Madrasta torcia para o Corinthians ao passo que Isabella para o Palmeiras. Zangada pelo reaixamento de seu time em 2007; a Madrasta vivia intensa TPM sendo obrigada a passar horas e mas horas ouvindo risos e brincadeiras da pequena cheiradora de gatinhos. Alexandre Nardoni; no entanto nem ligava; só tendo tempo para estudar. No entanto; a madrasta certa vez acordou cedo e comçou a escolhambar o time de Isabella. Com muita raiva ISABELLA disse que ela era uma rebaixada assim como o seu time. Com muita raiva ela a esganou e o seu pai que estava tomando café pegou a menina (não se apercebendo que era a menina; pois tava olhando pro jornal) e jogou-a por janela abaixo. Este foi o breve e rapidíssimo depoimento apresentado por um advogado do casal.
  • ALEXANDRE NARDONI- Segundo Alexandre Nardoni o assassino teria invadido sua casa e assassinado a menina. ele tem algumas suspeitas. Ele alegou que o padre dos balões pousou em seu apartamento e cometeu o crime. Esta versão apresentada por ele é reforçada pelo perito contratado pela família George, O Sanguinário que teria visto em uma das fotos da perícia de São Paulo micro-fragmentos de balões de borracha vermelhos debaixo do sofá.

Relatório da Perícia[editar]

Segundo a perícia, foram encontrados uma camiseta do Corinthians, provavelmente usado para limpar o sangue de Isabella, um boné do Palmeiras, a televisão ligada no canal que transmitia o jogo Corinthians x Palmeiras e restos do porco da janta. A tela da janela estava cortado e logo abaixo, havia uma pichação onde lia-se "Todo rebaixado Timão!!", enquanto a cama encontrava-se totalmente desarrumada e pisoteada. Também foi encontrada uma bandeira do Palmeiras encharcada de detergente QBoa, uma camisa do mesmo time semi-tostada dentro do micro-ondas, com resquícios de mostarda e catchup.

Ana Carolina após ser xingada de rebaixada por Isabella.
Presente dado a Isabella por A.C. Jatobá

Versão das testemunhas[editar]

Segundo os vizinhos, ouviu-se Isabella gritar "segunda divisão, pai,segunda divisão, pai! segunda divisãããããooooo!!" seguido de palavrões inpronunciáveis de A.C. Jatobá. Após um curto intervalo, Isabella teria gritado; "Hey hey, o Dualibi é o nosso rei", tendo então sido abruptamente silenciada. O que teria levado a esse silêncio repentino, os vizinhos não sabem explicar.

Conclusão da Perícia[editar]

Segundo a perícia científica da polícia, Isabella teria cortado a tela, pichado a parede e em seguida pulado sobre a cama e gritado repetidas vezes, "segunda divisão, segunda divisão!", enquanto pulava na cama, assistindo ao jogo Corinthians x Palmeiras. Quando Isabella gritou "Ei, ei, Dualibi é o nosso rei", a madrasta A. C. Jatobá, enfurecida, pegou o porco assado inteiro e enfiou goela abaixo,dizendo "-você quer porco? então tome o porco!" fazendo Isabella sufocar. Não satisfeita em sufocar Isabella, Jatobá teria tentado assassinar a camiseta do Palmeiras colocando-a no micro-ondas, ao mesmo tempo que tentava dar cabo da bandeira, lavando-a com QBoa pura para que desbotasse.

A versão da defesa[editar]

Segundo a madrastra o culpado foi o peter Pan que foi buscar Isabella pela Janela; mas ao invés de levá-lo para a terra do nunca; esqueceu o corpo lá.

Segundo a defesa, Isabella teria provocado a madrasta A.C. Jatobá, fazendo-a chorar. Arrependida, Isabella teria dito "perdão, pai! perdão pai!", e em seguida teria tentado destruir os objetos ofensivos enquanto degustava um pouco de carne, pois estava com fome. Ao espirrar por reação alérgica à QBoa, Isabella teria engasgado com o porco que comia. Sentindo falta de ar, Isabella teria corrido para a janela para respirar melhor, usando os chinelos de seu pai para não escorregar no caminho e prolongar sua falta de ar. Ao pular sobre a cama, teria tropeçado e caído, arrebentando a tela de proteção. Antes da queda definitiva e irritada com a madrasta, Isabella teria dado uma parada no ar a lá Neo de Matrix e pichado as palavras ofensivas ao Corinthians usando como tinta a sujeira acumulada debaixo de suas unhas. Ainda segundo a defesa, a camiseta do Corinthians suja de sangue foi resultado das lágrimas de sangue que como todo(a) corintiano (a), A.C. Jatobá derramou na ocasião da queda para a segunda divisão. Mas... e o boné? O boné? Você enfia ele onde quiser!

Conclusão da perícia contratada pela defesa[editar]

"-Naquele dia não teve jogo Corínthians x Palmeiras, seus idiotas! Além de tudo, era muito tarde para ter jogo de futebol! E outra; como poderia ter um jogo do Palmeiras com o Coritiba e logo após um outro jogo às 11:00h contra o Corinthians?"



Consequências do Crime[editar]

Sanguinetti é um homem justo e inocente.

Economia[editar]

Segundo o economista Sardinha Aberta, o crime provocou um aquecimento da economia local, gerando a inflação do aluguel dos imóveis das redondezas por causa da presença dos jornalistas em busca do melhor ângulo para filmagens. Também subiram os preços da água, dos refrigerantes e dos salgadinhos vendidos pelos bares e ambulantes da região. O faturamento das malharias da região cresceu 5.000% graças à venda das camisetas "Saudades Isabella", "chega de impunidade Isabella", "Isabella está no céu!", "Free Isabella"(ops)...

Transportes[editar]

Segundo a ANAC, o elevado volume de tráfego de helicópteros da imprensa na região, todo o tráfego aéreo da cidade ficou afetado, gerando atrasos nos voos particulares que saíam do Campo de Marte, além de obrigar os pilotos com destino a Cumbica e Congonhas a efeturarem desvios que atrasaram os pousos e decolagens.

Segundo a CEET, todo o trânsito das zona norte, oeste e leste ficou congestionado devido ao volume de furgões e veículos de reportagem que dirigiram-se ao local do crime, à delegacia e o apartamento do pai dos acusados.

Comunicação e mídia[editar]

Os pais pediram que colocassem fita nos olhos da menina assassinada para que ninguém sabe-se quem era.

Segundo o IBOPE, a simples menção do caso Isabella fazia mais efeito do que Viagra: bastava uma chamada sobre o caso e a audiência subia de forma surpreendente. Programas desinteressados, imparciais e éticos como Fantástico, Datena, Ana Maria Braga e outros programas menores que nem valem a pena serem citados dedicaram um loongo espaço de tempo apresentando matérias sérias e coesas sobre o caso. Especulou-se sobre a entrada de Galvão Bueno para fazer uma narrativa da reconstituição do caso no Linha Direta, mas a ideia foi vetada por ciúmes do apresentador oficial do programa.

A revista Veja analisou o crime de forma imparcial e sem sensacionalismo, acusando diretamente os pais de Isabella, baseadas em fontes isentas e confiáveis. Segundo o departamento de relações públicas da revista, o fato do caso ter sido capa da revista deveu-se a uma coincidência, já que não havia nenhum assunto para criticar o Lula naquela semana, exceto o caos das janelas dos edifícios.

O autor Aguinaldo Silva planeja uma participação de a.C.Jatobá como o sufocador da novela Duas Caras, onde ela seria presa pelo Juvenal Antena, após uma misteriosa ida ao Rio de Janeiro, com direito a merchandising da TAM.

Update: Como Aguinaldo Silva está dando o cu por ai de férias, outro autor extremamente criativo aproveitou a história e fez a "A Favorita", uma novela idiotas como todas as outras, com Patricia Pillar (Flora) e Claudia Raia (Donatella) no papel de Ana Carolina Jatobá e Ana Carolina Oliveira.

Ver Também[editar]

Patrocínio: este artigo é patrocinado pela Red Bull, porque só Red Bull te dá asas!