Apagão aéreo

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Para outras incompetências do governo veja Apagão
Aviso importante: Politicagem aqui NÃO, cazzo!
A Desciclopédia é um site de humor, logo, NINGUÉM aqui se importa com sua opinião sobre a maconha, as armas de fogo ou o aborto. Seja engraçado e não apenas idiota.
Novo software capaz de destruir o sistema aéreo brasileiro.
Cotidiano da aviação brasileira...

Cquote1.png Relaxa e goza! Cquote2.png
Marta Suplicy sobre Apagão Aéreo
Cquote1.png Eu tenho medo. Cquote2.png
Regina Duarte sobre Apagão Aéreo
Cquote1.png Companhêro, eƒtou ƒerto de que nunca anteƒ na hiƒtória deƒƒe paíƒ tanto ƒe feν pela aviaƒão ƒivil! Cquote2.png
Lula sobre Apagão Aéreo
Cquote1.png Get out of there, it's gonna blow! Cquote2.png
Jogador de Counter-Strike sobre TAM 3054
Cquote1.png Isso non ecziste! Cquote2.png
Padre Quevedo sobre Apagão Aéreo
Cquote1.png Essa turminha do barulho vai aprontar todas pra se divertir, tornando a vida de um pacato país um verdadeiro caos Cquote2.png
Narrador da Sessão da Tarde sobre Apagão Aéreo
Cquote1.png Eu não fei de nada Cquote2.png
Lula sobre Apagão Aéreo
Cquote1.png Mayday! Mayday! Cquote2.png
Piloto americano sobre acidente aéreo brasileiro

Logo pais sem popresa.jpg
Paisdetolos.jpg

O Apagão Aéreo é o nome dado ao maior golpe mundial de negócios de todos os tempos.

Iniciou justamente quando as Companhias Aéreas brasileiras resolveram que não mais iriam contribuir com passagens gratuitas para as viagens dos políticos, dos membros da ANAC e da Infraero e dos oficiais da Aeronáutica.

O Boicote[editar]

Para que voar se você pode andar?

O DesGoverno da República das Bananas decidiu apoiar e investir na utilização de "software livre" em todos os órgãos do governo: estatais, Congresso Nacional e outras merdas.

A medida acertou em cheio os bolsos de Bill Gates, que sentindo o impacto decidiu retalhar o pobre e indefeso Governo.

A decisão do presidente da Microsoft foi de cortar o fornecimento do jogo Flight Simulator ao centro de treinamento de pilotos da República das Bananas, alegando que o sistema operacional utilizado pelo governo violava mais de 8 mil patentes de software, 42.666.777.171.024.069 para ser mais exato.

Os resultados foram imediatos, sem o jogo para prestar os devidos treinamentos aos pilotos recém contratados para expansão da malha aérea brasileira, estes foram colocados em atividade sem qualquer experiência de voo, causando assim vários acidentes, dentre os que ficaram conhecidos como os "ataques de 11 de setembro", o "acidente do voo 1907" da GOL e a sua continuação "acidente do voo 3054" da TAM.

Eis o resultado do Apagão...

Cquote1.png O senhor sabe voar, Sr. Piloto? Então me leva... Cquote2.png
Capitão Nascimento, desesperado na Ponte Aérea, durante o Apagão Aéreo

Cquote1.png Vai fazer o que com esse avião? Vai voar? Não? Então vai enfiar no cu??? Cquote2.png
Capitão Nascimento para mocinha do check-in da TAM

Cquote1.png Aeromoça, traz o saco! Cquote2.png
Capitão Nascimento pedindo para a aeromoça da GOL mais um saquinho de amendoins

Cquote1.png Da cara não, que é para não estragar minha imagem... Cquote2.png
Capitão Nascimento pedindo para repórter não fotografar seu rosto, pois há 20 dias dormia no saguão do aeroporto

Segundo definição do Governo, o Apagão Aéreo é a transferência de dinheiro das classes A e B para os donos de cafés de aeroportos, incluindo mais assistidos pelos programas sociais brasileiros.

O Golpe[editar]

E tome café a R$ 4,00 na lanchonete do aeroporto...

O esquema funciona assim, o Governo simula uma crise de equipamentos, controladores de voo e infra-estrutura, e assim mantém as classes mais ricas presas nos aeroportos esperando voos e os mais pobres assistindo à novela das 8.

Acuados, sem o que fazer, as classes ricas ficam nas lanchonetes tomando cafezinhos superfaturados a R$ 4,00, transferindo sua renda para as máquinas registradoras desses comerciantes.

Ainda não está comprovada, mas a Receita Federal é a principal acionista dos cafés de aeroporto em seu esforço por arrecadação.

Brasil Canteiro de Obras[editar]

Eis um típico "Aerotrouxa"

Também já foi esclarecido que o Apagão Aéreo nada mais é do que um golpe de marketing para lançar o programa "Brasil Canteiro de Obras" que será iniciado com um avião caindo sobre cada capital do país, promovendo implosões de edifícios, recolhimento de entulhos, reformas em todas as edificações ao redor da queda.

Foi uma sacada que Lula copiou de José Serra com o "Buraco do Metrô", e adaptou para escala nacional.

A TAM, Tranqueiras Aéreas de Marília, foi convidada especial para promover o "Brasil Canteiro de Obras", superando a GOL no quesito problemas aéreos, mais uma vez.

Porém, como Lula nunca sabe de nada, ele ainda não está sabendo como causar tanta desgraça junta, mas:

Cquote1.png Companhêro, eƒtou ƒerto de que nunca anteƒ na hiƒtória deƒƒe paíƒ, tanto ƒe tentou acabar com a burgueνia que anda de avião Cquote2.png.

Lula tentou o apagão aéreo logo no começo do primeiro mandato pelo CTA, explodindo o foguete VLS com o Saci I e uns coitados juntos.

Mas como só tinha aqueles técnicos, acabou a graça. Ai ele demorou todo esse tempo, bebendo e imaginando como poderia acabar com a classe burguesa do país.

Consequências para você[editar]

Como pobre só anda de carro de boi, jumento e pau-de-arara, o Governo está estudando uma forma de promover apagões também nas rodovias, já que as ferrovias são um artigo em extinção no Brasil, daí o Apagão sempre existiu.

É um esforço supremo pela democratização do transporte popular.

Causa do Apagão Aéreo[editar]

A inútil da Infraero disse que o apagão aéreo foi culpa do Cindacta.

Faz sentido, todo mundo ficou Cindacta pra embarcar, Cindacta pra viajar, Cindacta pra chegar, Cindacta pra honrar seus compromissos...

Ver também[editar]

Motel 5 cavalos.jpg #Bolsomito2018

Aê, meu, este artigo é verde-amarelo, mano! Só fala de futebol, come feijoada, exporta diplomatas e prostitutas, puxa o saco de políticos e de picaretas em geral, paga imposto pra caralho e põe a culpa no governo pela corrupção e pelo alto custo de vida.