Ar Tonelico III: Knell of Ar Ciel

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Virtualgame.jpg Ar Tonelico III: Knell of Ar Ciel é um jogo virtual (game).

Enquanto você lê, o Megaman copia a arma de mais um chefe.


Ar Tonelico 3
アルトネリコ3
Ar-tonelico-3-logo.jpg

Garota: Tyria
Asas de borboleta: parte da armadura de Tyria
Ak-47: arma gigante do jogo

Informações
Desenvolvedor Gust Corporation/Banpresto
Publicador Bandai Namco
Ano 2010
Gênero Magical girl RPG, ecologia
Plataformas pleistêition 3
Avaliação 100%
Idade para jogar gurias de 15 anos

Cquote1.png Este game é a prova cabal e definitiva de que o mundo pode ser salvo se as mulheres tirarem as roupas. Desta vez vamos deixar todos os personagens pelados. Cquote2.png
Desenvolvedor do jogo sobre Ar Tonelico III
Cquote1.png Até mesmo os garotos? Cquote2.png
Outro desenvolvedor sobre frase acima
Cquote1.png ... Faça. Cquote2.png
Desenvolvedor A, finalizando


Você sobre todas as personagens femininas
Imagem extraída da cosmosfera de Finnel

Ar Tonelico 3: Knell of Ar Ciel, ou Ar Tonelico Qoga é o terceiro game da franquia musical de Ar Tonelico onde, controlando um personagem masculino de caráter heróico, você deve explorar a torre do jogo, encontrar personagens que supram as carências intelectuais do protagonista, namorar uma das gatinhas cantoras e salvar o mundo.


Mudanças em relação aos outros 2 jogos da franquia[editar]

  • O jogo é em 3D (já era hora).
  • Mas o sistema de batalha é fudido, e você enjoa depois da terceira luta. Todos os chefes possuem gigantes que os protegem, alguns ficam bonzinhos ou vice versa. Mas independente do personagem, todos os malvados terão gigantes que os protegem, e todos os bonzinhos não tem, e lutam com as mãos.
  • As reyvateils podem absorver reyvateils especiais, deusas, vontades do planeta, sei lá, “personas”. As reyvateils podem se transformar nas personas sempre que quiserem, especialmente em batalhas ou para ativar talk topics. Muitas destas personas não são de confiança e fazem de tudo para se tornar o corpo principal, o que pode deixar a vida da pobre reyvateil muito confusa.
  • As reyvateils podem usar a técnica do “purging”. É um strip. Deixa a magia delas mais forte de alguma forma. Depois de usarem o purging e lançarem a magia, as roupas voltam, e ela pode fazer outro purging.
  • Os garotos da série também podem fazer strip-purgings para ficarem mais fortes. Ridículo. E depois de fazerem o purging, as roupas não voltam, e eles ficam o resto da batalha de cueca (ou biquíni, no caso de Cocona, menos mal).
  • Nos outros jogos é possível usar dives para desbloquear roupas de batalhas para reyvateils. Em AT 3, os dives permitem a fusão com personas e determinam o nível do strip-purging (quanto maior o nível, menos roupas).


Os níveis do purging[editar]

As garotas estão super atrevidas e literalmente arrancam as roupas. Os garotos também. Mas não vamos mostrá-los aqui, pois ninguém vai querer ver.

Ar Tonelico III: a torre[editar]

  • Nome da torre: Harvestasya / Harvestasha (uma sacerdotisa)
  • Administradora: Tilia/Tyria
  • Localização: região de Justine, em Sol Cluster
  • Bateria: suga a energia direto de Ar Ciel (poder mínimo e por causa disso são atacados pelos anticorpos do planeta, se fuderam)
  • Capital: Clustania

Parte da terceira torre foi construída nos mesmos moldes da torre 1, e a outra parte através de uma maldade sem tamanho. Eles pegaram a Tyria e mandaram ela cantar EXEC_REBIRTHIA=PROTOCAL, que a fizeram virar a torre. Quer dizer, agora a torre é uma coisa vagamente com a forma da link suit da Tyria com um penacho em cima e uma bola embaixo. Engraçado que parte da torre na verdade é uma arma de fogo Ak-47 carregada de tamanho colossal. O gatilho é tão grande que só pode ser acionado pela Tyria gigante pelada de chapéu carnavalesco.

Com a Tyria fora de ação a capital virou uma cidade governada tiranicamente por uma das droids de manutenção, onde só tem reyvateils e os humanos só entram para prestar favores sexuais. E como Clustania foi construída por reyvateils, e reyvateils são meninas... então imagina o tipo de cidade que foi erguida.


Enredo[editar]

Era uma vez um garoto chamado Aoto, que vivia sua vidinha chata e sem graça, em um vilarejo onde todo mundo tem mais de 50 anos de idade e onde a única pessoa que se veste bem é o próprio Aoto (graças aos clichês de protagonistas de RPG). Até que um dia ele encontra caras de Clustania atacando covardemente uma mulher bonita com armadura completa, cavalo e espada. Aoto derrota os caras, e a mulher pede pra tomar conta dela. Ela se transforma em uma coisa pequena, fofa e rosa chamada Saki. E assim começa a aventura épica.

Com seu enorme senso de justiça, como dita o figurino, Aoto deve salvar o mundo junto com suas “amigas” reyvateils. Porque o mundo está morrendo graças a uma catástrofe estúpida que ocorreu no passado, e a vida se foi na superfície, restando apenas 3 torres habitáveis. Graças a Aoto o mundo volta a ser o que era antes, ele escolhe uma das gurias reyvateils para casar e têm uma vida feliz, alegre e contente. Ou não.


Personagens jogáveis[editar]

Opção 1: Aoto está morto no consultório de Gojo
Opção 2: Gojo, Saki e Tats esperam a viagra fazer efeito

Aoto (Lyner Jerk Edition)[editar]

Protagonista albino que usa uma roupa feita de bichinhos ameaçados e usa uma arma que é metade espada, metade broca retrátil. É bem parecido com o Lyner do primeiro game da franquia, só que muito mais esnobe, tarado, aproveitador e ronca alto. Trabalha no setor de construção, fazendo coisas em grandes altitudes, sem que seus pais reclamem. É espancado pelo chefe, e mora num lugar horrível com pessoas superficiais e chatas. Herói perfeito!

Aoto sofre de Síndrome jRPG: não tem pais, parentes ou passado (e não se importa com isso). Possui um colar misterioso que supostamente pertenceu a seu pai (se é que ele teve um pai) e que é igual a outro colar que pertenceu a um pesquisador bonzinho e misterioso que já morreu. Também descobrimos que Aoto é um reyvateil – só que garotos não podem ser reyvateils, o que deixou ele com uma doença chamada de Transtorno Borderline, que quase o matou. Deve ser mesmo muito constrangedor descobrir que nasceu menino, mas é menina por dentro.

Enfim... Aoto se diverte muito realizando dives em Saki e Finnel, principalmente Saki, que fica a metade do tempo fazendo arrancando suas roupas. Saki sabe que Aoto não teve lá uma infância legal, pois na vila onde cresceu não há crianças. Tatsuki foi a primeira pessoa de 16 anos que Aoto conheceu. Isso foi 3 meses antes de começar o jogo. Aoto também adora as cosmosferas de Ar Ru, que estão lotadas de garotas se oferecendo e forçando Aoto a mostrar o que ele tem de pior.

Aoto ganhou o concurso de personagem masculino mais sexy da franquia Ar Tonelico com quase 50% dos votos, mas só porque ele aparece de cueca, num jogo onde todas as personagens femininas também aparecem de calcinha e sutiã (ou menos) se jogando em cima dele. Os protagonistas dos 2 últimos jogos empataram em 2º lugar com 10% dos votos, miseravelmente.

*Talk Topics:
AOTO: Eu não sabia que esse colar era algo tão importante.
TYRIA: Estou feliz por você nunca tê-lo perdido quando era criança.
AOTO:...
TYRIA:...Você já o perdeu antes?
TYRIA: .. Qual a primeira coisa que se faz quando entra no quarto de um garoto?
FINNEL: Procurar debaixo da cama dele!
SAKI: Bem... vocês estão procurando pelos “livros azuis”, né?
TYRIA: Certo. Estes livros estão normalmente escondidos debaixo da cama.
AOTO: Bem, eu não tenho nenhum.
TYRIA: Você acabou de negar sua masculinidade!?
PS: Uma explicação se faz necessária aqui, porque Playboy não é azul, nem é um livro, é revista.
Livro azul é um caderno onde o garoto coloca dados de seus ídolos, sem que seus amigos chamem ele de
panaca.
Também serve pra fazer colagens de artigos ponôs sem que os pais saibam, ou como diário secretíssimo
(garoto com diário é gay, todo mundo sabe).
Por isso os livros azuis são escondidos debaixo da cama, onde ninguém vai nem pra limpar.
A garota que encontra o livro azul namora o dono do livro, normalmente a base da chantagem.
TYRIA: Sei, Aoto deve ter nascido com o destino de um herói de comédia quase-romântico.
FINNEL: Tudo se encaixa! Isso é exatamente o que Aoto é.
SAKI: Tytia, você é um gênio! Estou surpresa com seu senso para nomear as coisas.
AOTO: ...Vocês poderiam falar sobre essas coisas quando eu não estiver presente?

Saki (Aurica Silly and Happy Edition)[editar]

Opção 1: Aoto implora para que Lumei não mate fulano.
Opção 2: Aoto quer sexo.
Opção 3: Aoto pede para que Lumei espere um pouco mais, que a viagra já vai fazer efeito.

Protagonista tola e rosa. Ela é bem idiotinha, precisa de suporte pra fazer tudo e consegue isso graças a sua fofura. Ela adora realizar purgings, especialmente para salvar Aoto, fazendo os inimigos virarem bolos. Isso também pode ser explicado porque Saki trabalha numa creche e ela é responsável por alimentar as criancinhas. As coitadinhas. Ela um tipo de reyvateil especial que possui mais de 20 níveis de cosmosferas (porque ela é uma reyvateil diferente, chamada gama sublimada, blá, blá, blá). Haja maluquice para preencher todas elas. Seu guardião é o Homem Bombástico e suas cosmosferas são todas bonitinhas, com predominância das cores verde e rosa.

Suas personas são:

  • Sakia Lumei: reyvateil cabra-muié, usa uma espada e muito bem. Sua missão é proteger Saki, inclusive das investidas de Aoto. Também possui pontapés muito bons. A despeito de sua personalidade masculinizada, ela é muito bonita, mesmo coberta dos pés a cabeça com placas de armadura. Para uma reyvateil, estar completamente de armadura quer dizer uma placa de aço no peito, outra na virilha e botas de cano longo de metal.
  • Sarapatra: é uma espécie de irmã mais velha de Saki, gostosa e de peitos grandes, que fala demais e faz de menos. Para unir Saki e Aoto (sob protestos de Lumei) ela espalhou um boato de noivado que correu toda a cidade de Aoto e em 2 horas a decoração do casório já estava toda pronta. Ela quase consegue, porque Finnel marmelou tudo na hora do “pode beijar a noiva”, fazendo um tackle attack na nuca do Aoto.
  • Filament: freira mumificada expulsa da academia das freiras. Ela sabe de muitas coisas graças aos seus conhecimentos pagãos de adivinhação.
*Talk Topics:
AOTO: Gama-type...?
TEPPO: Sim, uma gama. De acordo com meus arquivos, as gama-type sublimadas... são
reyvateils que possuem cosmosferas mais profundas em suas mentes... que elas precisam para
acessar freqüências mais altas de ondas-H, e para manter sua santa benevolência.
Isso influencia as profundezas de suas cosmosferas... e é por isso que vai além do nível 9.
AOTO: Zzz...Zzz...

Finnel (Misha Egocentric and Masochist Edition)[editar]

A bunda da Finnel brilha hahahahah!

Protagonista tsundere, azul, suicida, masoquista, alpinista e que usa uma roupa de pin up curtíssima, com cintas-ligas, lacinhos e peles de bichinhos. Suas cosmoferas são todas estranhas, pretas e com um olho gigante espreitando. Seu guardião é ainda mais suspeito: é uma garota-raposa com tapa-olho que não ajuda Aoto em nada, só atrapalha, é feia demais, desista dessa personagem, pegue a Saki ou a Tyria, que são bem melhores, pelamordedeus.

Opção1: Aoto e Finnel sendo torturados com choques.
Opção 1: Aoto ajuda Finnel com uma porno-instalação de hymm crystals.
Opção 3: pornô tradicional (viagra fez efeito).

Finnel é especialista em alguns ataques pokemons, como o tackle attack voador que ela usou no casório do Aoto. Também descobrimos que ela detonou seu tanque de maturação ainda bebezinha, indicando sua patológica agressividade, provavelmente genética.

Suas personas são:

  • Soma: garota vestida de palhaço e que usa uma foice, versão feminina do Ronald. É reputada a maior assassina de Clustania. Vive forçando uma maneira para assumir o corpo de Finnel, matar pessoas e sair impune, deixando a pobre Finnel em locais remotos e abandonados, como rochedos encarrapitados em cima de outro rochedo e prestes a desabar.
  • Yurisica: enfermeira sexy que, quando usa o purging, ficamos sabendo que não usa calcinha pra não marcar o vestido. Para evitar a nudez total, suas chuchinhas de cabelo censuram as partes estratégicas.
  • Suzonomia: princesa a moda antiga, cheia de cricas e exigências, uma delas se apossar de Finnel para sempre e controlá-la.
*Talk Topics: 
FINNEL: O que!? Porque eu tenho que entregar a ele minha virgindade em dives!?
Opção1: Yusirica encontra Aoto desmaiado e vai ajudá-lo.
Opção 2: Aoto será raptado por Yurisica.
Opção 3: Yurisica espera a viagra fazer efeito.

Tyria / Tilia (Shurelia Freak Edition / Female Verison of Croix)[editar]

Administradora malvada da terceira torre. Ela é completamente maluca e é a personagem que se veste pior (esteticamente é agradável, mas só para o expectador masculino. Ninguém usaria uma coisa dessas). O design de sua linkage suit é sofrível que, de acordo com a imagem da logomarca, deveria lembrar asas de borboleta. Acabou que deixou ela com ombreiras enormes e incovenientes que esbarram em tudo toda vez que ela se vira. Debaixo da link suit ela usa uma roupa de mergulho branca e lilás com decote até na virilha. Fora isso todos os seus diálogos são engraçados.

Ela também desenvolveu um programa de dives, chamado Tyriasoft, que é todo bugado e incoveniente. Nele, Aoto joga como Masakado, o guarda de Tyria, e tem que ajudá-la a cumprir seu objetivo sem a interferência do cientista malvado. Há 3 finais: o ruim (para Tyria, onde ela fica traumatizada), o normal (onde Aoto morre), e o bom (cheio de arco-íris e flores).

Tyria só possui uma persona, Ar Ru, que é uma garota gótica ruiva maníca; e a melhor reyvateil do jogo. Único problema: quando ela faz o purging e materializa seu ataque... é... bem... o ataque... é uma sereia grávida que dá a luz golfinhos kamikazes que, de alguma forma, são mais fortes que Ar Ru fazendo strip. Em contrapartida suas cosmosferas são as melhores do jogo.

*Talk Topics:
TYRIA: Eu aprendi um monte de coisas sobre os humanos. As esposas jovens humanas vestem aventais direto
em seus corpos nus e cozinham para seus maridos burros. Você quer tomar um banho primeiro? Ou
quer comer o almoço antes? Ou outra coisa... você me quer primeir?
AOTO: Eu não acho que isso seja exatamente preciso.
Opção 1: todos estão preocupados com a saúde de Aoto.
Opção 2:Aoto está dormindo e quando acordar vai receber esporro de todos.
Opção 3: Aguardando a viagra dar efeito.

Hikari Gojo[editar]

Reyvatologista com um visual ao mesmo tempo maduro e esquisitérrimo, ligeiramente nerd. Mas não se engane pelas aparências. Ele é um predador de reyvateils, e usa seu título de doutor reyvatologista para examinar “melhor” suas pacientes, que sempre saem satisfeitas. Não é a toa que Gojo seja o reyvatologista mais conhecido da região.

Seus ataques são baseados em raios saídos de seu kit médico. E ele criou um programa chamado Teppo, com a forma de coelho, que se infiltra nas cosmosferas alheias para bagunçá-las.

Tatsuki / Cocona[editar]

Carinha misteriosos vidrado em V-board (um esporte que mistura skate com foguetes) e que tem uma solução para qualquer tipo de problema que fugitivos tenham com o governo. Até que um dia, antes da competição de V-board, Aoto resolve ajudar Tats a se acalmar e entra na banheira dele para esfregar suas costas. Parem de pensar coisas erradas, crianças... Enfim, Aoto entra e descobre que Tats é menina (fica difícil defender qualquer envolvimento afetivo não-sexual aqui).

Pois bem, Tats na verdade é Cocona, personagem de Ar Tonelico II. No game anterior ela era uma garotinha suja que se vestia muito mal. Aqui ela está mais madura, bonita e bem vestida. E é a melhor lutadora. E a mais inteligente do bando, depois de Gojo.


Personagens encostos[editar]

Aoto descansa tranquilamente enquanto um palhaço assassino entra na casa

Harvestasha Module Vista Edition / Sub Frame / Shit Frame / Kusofure-Sama / Bitch[editar]

Harvestasha Module Vista Edition (informalmente conhecida como Harvestasha Vista, Harvy ou Sua Divindade) é uma garota azul com asas de anjo. É uma droid, por isso sua personalidade pode ser reprogramada. A maior parte de jogo sua programação ficou em “shitframe”, tornando-a ditadora de Clustania. Muitos de seus apelidos são igualmente espirituosos, como Tsundere ou Ultra Masoquista.

Possui uma irmã-droid gêmea chamada Harvestasha Module XP Edition (Master Frame), que é igualzinha, só que rosa e não causa problemas a ninguém.

Harvy Vista pode usar um hymmno que deixa ela em “modo de segurança”. Quando ela está assim, ela vira uma mulher tribal vermelha e magenta. Vamos chamá-la de Harvestasha Seven, então.

*Talk Topics:
TYRIA: Hum? O que aconteceu? Quem customizou esse pedaço de poo poo?
AOTO: De qualquer forma, estou feliz por ela não ser mais uma vadia.
Akane cantando e dançando EXEC_METEMPSICHOSYS

Akane[editar]

Reyvateil irmã de Finnel. Ela é totalmente frígida e sem emoções, uma pré-psicopata.

Raphael[editar]

Vilão esperto e estrategista do jogo. É totalmente psicopata e almeja transformam todos os humanos em “reyvaroids” (menos ele mesmo) porque acredita que os humanos (menos ele) são a praga do mundo e devem ser controlados (por ele). Para criar os reyvaroids ele se utilizou de mendigos e reyvateils inocentes.

  • Humano (base) + enxertos de DNA de reyvateils (cola) + anticorpos do planeta + controle remoto + hymmno EXEC_Z = reyvaroid ou humano evoluído.
*Talk Topics:
TYRIA: Esse senhor é um mentiroso. Suas calças vão pegar fogo.

Coisa Rosa[editar]

Outra personagem que se veste com as roupas que compra na sex shop. Ela é a Richaryosha, é fissurada pela cor rosa, tudo nela é rosa (o cabelo também), exceto as botas de cano longo. Está plenamente ciente das curvas que possui e usa de todas elas para se jogar em cima do Gojo (não que precisasse disso para levantar o defunto muito bem acordado de Gojo). O grande detalhe da personalidade de Richa são seus peitões.

Ela é muito leal a Raphael, mesmo ele tratando ela que nem uma escrava, pois as reyvateils estão acostumadas a serem tratadas assim.

*Talk Topics:
RICHA: Gojo, você se assustaria com as coisas que fiz.

Mute[editar]

Opção 1: Mute segura Raphael para que Aoto o golpeie.
Opção 2: Aoto impede que Raphael e Mute acasalem

Cocona edição halterofilista. Ela usa um hymmno chamado EXEC_CUTYPUMP (bomba linda????) para adquirir uma bizarra forma masculina que apenas um nerd pode aprovar.

Katene[editar]

Nerd ruivo estranho que não tem vida social, exceto por sua enorme sociabilização com máquinas. Aparece do nada, vai embora sem ninguém notar. Deixou Mute grávida, porque ele disse que adora seus músculos (imagina então como FOI...). Credo.

*Talk Topics:
KATENE: Eu adoro estes músculos.

Krushe[editar]

Personagem de Ar Tonelico 1 que ainda mantém o objetivo de achar e aporrinhar seu namorado Luke. Este se antecipa e morre, deixando Krushe na mão.

Jack[editar]

Personagem de Ar Tonelico 1 que persegue Krushe, mesmo ela não estando nem aí. Possui um braço metálico bastante conveniente para se defender de lasers da morte lançados por inimigos.

*Talk Topics:
AOTO: Eu acho que quero um braço mecânico como o do Jack.
TYRIA: Aoto, isso é tão aleatório. Você não é diferente para mim.
Bom, mas isso é tão legal! E tem uma arma! A primeira fantasia de todos os garotos é ter uma broca!
A segunda é uma arma! A terceira é poder transformar! É como uma combinação dourada da segunda
e terceira fantasias!
TYRIA: ... Eu acho que as coisas mudaram. Caras de 700 anos atrás nunca fantasiavam sobre essas coisas.
Antes, o segundo sonho seria cordas de Shamisen. A terceira seria uma cana-de-espada.
AOTO: ... Este ranking de fantasias não está um pouco tendencioso?
Bem, e qual seria a primeira fantasia?
TYRIA: Uma broca.
Aoto e Finnel em coreografia de batalha

Ciela[editar]

Boss final. É o Planeta. Ciela gera anticorpos contra a torre 3 por esta estar roubando sua energia. Se apresenta na forma de uma coisa humanóide branca com cabelo maior que o corpo. É um dos bosses, junto com Ar Ru, que não podem ser derrotados. Grande sacanagem. E você também não pode morrer pra acabar com a batalha, igual em uma das lutas com Lavos, forçando Hikari Gojo lotar sua maleta com kits medicinais.


Saki e suas personaes cantando EXEC_ARPHAGE

Lista de Hymmnos[editar]

Todos os hymmnos com extensão EXEC só podem ser cantadas por reyvateils linkadas as torres, e os com extensão METHOD por um outro servidor, Metafalica. E os que possuem complemento FLIP fazem a reyvateil mudar a forma do corpo (exeto em Rebirthia protocol, onde o estagiário esqueceu de colocar o FLIP).

  • EXEC_EP=NOVA: cantada por Saki. Fala sobre dois gatos que vivem brigando.
  • EXEC_FLIP_ARPHAGE: cantada por Saki. Ela vira uma seringa contendo a vacina contra anticorpos. Fala sobre a felicidade de se sacrificar por pessoas que não se importam com você.
  • EXEC_FLIP_FUSIONSPHERE: cantada por Finnel. Fala de uma garota (Finnel) presa em gelo (suas obrigações impostas por livre e espontânea pressão), e os sentimentos ternos (sic) do jovem herói (Aoto) faz ela virar água (morrer), que vai ao céus (na forma de uma música) e retorna como chuva (um ataque). Meio complicado né, era só fazer um purging que dava no mesmo.
  • EXEC_REBIRTHIA=PROTOCAL: cantada por Tyria para fazer ela se transformar na Terceira torre. O nome do hymmno foi escrito errado, faltou o FLIP, culpa do estagiário. Foi candidata para ser a canção de ninar que Misha canta em Ar Tonelico 1.
  • EXEC_COSMOFLIPS: cantada por Tyria para absorver Ar Ru.
  • EXEC_ViiBaCi_MjiiRa: cantada por Finel, possuída por Ar Ru.
  • EXEC_CUTYPUMP: cantada por Mute. Serve de anabolizante ultra rápido.
Efeito de EXEC_METEMPSICHOSYS
  • EXEC_METEMPHSYCHOSIS: cantada por Akane.
  • EXEC_Z: cantada por Richaryosha para ferrar as pessoinhas.
  • METHOD_HYMMELI: cantada por Cocona para sugar a energia de Metafalica (na torre 2) e jogá-la na torre 3 via raios da morte.
  • Harmonics Tyria: musiquinha de abertura do jogo.
  • Chmod b111000000: cantada por Harvestasha Shitframe para entrar em modo de segurança
Essa tirinha capta bem o espírito de Ar Tonelico 3
v d e h
Ar Tonelico logo.png