Arlene Miller

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Deppmorte.gif
Arlene Miller
é uma vítima infeliz e sem sorte!

Escolheu uma péssima hora para fazer sexo

250px-Wario WWare.gif Este artigo é sobre um personagem secundário!

Quase ninguém sabe da existência deste zé ruela que só serve pra encher linguiça na trama e provavelmente está morto. Se bobear, nem no Google tá!

Clique aqui para ver gente que só fãs alienados conhecem.

Arlene Miller é uma MILF que adotou a protagonista Heather Miller, em O Massacre da Serra Elétrica - 3D. E só. Ela nem aparece direito no filme, por isso nem os fãs mais entusiastas da série lembram de sua existência, ela só serviu mesmo apenas para Leatherface vingar-se pela morte de sua família, considerando que Arlene estava no meio da galera que matou os canibais, por não concordarem com seus hábitos alimentares peculiares.

Biografia[editar]

Leatherface acha Arlene muito gostosa, especialmente após misturá-la com batatas e molho inglês.

Era era apenas mais uma caipira daquelas que ficam o dia inteiro fofocando no portão com as comadres, até que ela ficou sabendo que uma família que habitava ali por perto, os Sawyer, estavam sequestrando pessoas, fatiando e botando elas no forno, para suprir suas necessidades de proteína diária que nem os Whey conseguiam dar conta.

A princípio ela queria ligar o foda-se, e continuar com sua rotina de fazer um monte de filhos com seu marido Gavin Miller, porém ao perceber que a população estava se mobilizando com tochas e pedras para dar cabo dos canibais, Arlene entrou lá no meio, e participou do genocídio daqueles inocentes que não mataram mais do que duzentas pessoas para alimentar-se.

Após o massacre, Arlene e seu marido foram fazer uma vistoria na casa, para ver se os pau no cu estavam mortos mesmo, até que encontrou uma garotinha abandonada com olhos azuis, que decidiu adotar, pois ela era bonitinha, e futuramente poderia ajudar no orçamento familiar com seu salário de stripper ou de garota de programa.

Depois da adoção legal da criança, os Miller mudaram-se para a cidade grande, pois aquela cidade pequena texana onde moravam era conservadora demais para aceitar seus hábitos de pedofilia e zoofilia, ignorando as liberdades individuais.

No filme[editar]

Após alguns anos, Heather cresceu, e virou uma boa garota, muito boa mesmo, como previu Arlene em seus tempos áureos. Ao saber que sua filha adotiva recebeu de herança uma mansão lá na sua cidade de origem, Arlene foi visitá-la, com boas intenções, claro, ela apenas queria aliviar sua filha adotiva de ter que limpar a mobília da casa, levando ela embora para revender em um brechó qualquer para cobrir suas dívidas de cocaína.

O que Arlene não esperava é que o penúltimo dos Sawyer, Leatherface, o imortal, estava por lá, apenas esperando para afiar sua serra-elétrica que na verdade é uma motosserra nos ossos tanto de Arlene quanto de seu marido Gavin, por eles terem participado do assassinato de sua família. E assim a protagonista deste artigo acabou empacotando da pior maneira possível, virando o jantar daquele dia.

Atualmente[editar]

Está a sete palmos debaixo da terra, ou pelo menos os seus ossos estão, fazendo companhia aos canibais que ajudou a matar, quando segurou uma tocha durante o massacre dos Sawyer/Hewitt.

A sua carne foi temperada com molho de fígado e servida por Leatherface em um banquete que ele fez com sua prima gostosa perdida.


v d e h
BUUUUUZZZZZZZZZZZZZZ!!! O Massacre da Serra Elétrica...
Leatherface montagem 2.jpg