Arquitetura

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
60px-Bouncywikilogo.gif
A nossa sátira autorizada, a Wikipédia, tem um artigo sobre: Arquitetura.


 

Pra onde foi a porta?

Cquote1.png Quem é o Grande Arquiteto? Cquote2.png
Pergunta de um Maçon para um iniciado
Cquote1.png Mais com menos é mais. Cquote2.png
Ludwig Mies van der Rohe, dando uma aula de Matemática
Cquote1.png Aproximamos os seres humanos de Deus Cquote2.png
Arquiteto arrogante com síndrome de grandiosidade
Cquote1.png Arquiteto é aquele cara que não foi homem o suficiente pra prestar engenharia. Cquote2.png
Grande sábio sobre Arquiteto
Cquote1.png Não, sou hétero. Cquote2.png
Resposta de engenheiro civil, ao ser confundido com arquiteto
Cquote1.png Não, sou mais que um pedreiro com curso técnico superior. Cquote2.png
Resposta de arquiteto, ao ser confundido com engenheiro civil
Cquote1.png Arrogância e Arquitetura I Cquote2.png
Primeira disciplina do Curso.
Cquote1.png Egocentrismo e Arquitetura Cquote2.png
Pré-requisito para: A arte de esnobar I
Cquote1.png Porque sou foda! Cquote2.png
Arquiteto quando indagado sobre qualquer coisa
Cquote1.png Plantinha é com agrônomo! Cquote2.png
Arquiteto respondendo a uma pessoa que quer uma "plantinha" quase de graça
Cquote1.png Arquitetura é um ofício! Cquote2.png
Arquiteto questionando se seus companheiros de sala serão capaz de exercer a profissão.
Cquote1.png Depois dizem que Deus era arquiteto! Cquote2.png
Arquiteto quando trafega pelas cidades pobres brasileira.
Cquote1.png Por que ele usa Preto, é meio afeminado, se acha a última bolachinha do pacote e mal aparece aqui? Cquote2.png
Pedreiro perguntado ao engenheiro da obra sobre o aparecimento relâmpago do arquiteto
Cquote1.png É, se a construção fosse feita no vácuo... Cquote2.png
Engenheiro ao analisar o projeto de um Arquiteto.
Cquote1.png Pelo que você desenhou é possível depreender que suas noções de física são praticamente nulas. Cquote2.png
Engenheiro sobre projeto arquitetônico que, na prática, é totalmente inviável.

O Curso[editar]

O curso de arquitetura é constituído de 10 fases, porém querem transformar em 14 fases. Tal fato deve de que os alunos ainda estão com um senso de arrogância e prepotência não tão aguçado quanto ao dos advogados.

O orificio é dividido em três módulos:

  • Modulo I: Arquitetos Deuses: Neste módulo os alunos estudam a história das artes, filosofia e ciências, e todos chegam à mesma conclusão. “Arquitetura é arte maior!” Bem... não se sabe ao certo o que isto quer dizer, porém serve de sustentação para a máxima. “Deus, o Arquiteto do Universo!” Neste módulo ainda existe uma boa relação entre os colegas de sala, os professores são respeitados, não existe preconceito e todos os outros centros de ensino estão no mesmo patamar do curso de arquitetura.
  • Modulo II: O Arquiteto Deus: Neste módulo, dentre todos os arquitetos da humanidade, o acadêmico encontra o arquiteto deus para ele, do qual se tornará discípulo, como em qualquer ofício. Assim, todos os demais arquitetos passam da posição de Deus para Diabo, pois o contraste de ideologias para a criação de um novo mundo começa a entrar em atrito. As relações entre acadêmicos aqui começa a entrar em declínio, o ego começa a inflar, e 50% do corpo docente começa a falar besteira para o acadêmico. O etnocentrismo começa a florescer, e uma guerra de sobrenomes se instaura. Passa a ser necessário cursar mais três línguas, e usar palavras rebuscadas da língua portuguesa, como também desconstruir o valor das coisas e colocar o ouvinte em conflito com suas afirmações.
  • Modulo III (FINAL): Eu sou DEUS! : Agora não restam mais dúvidas! Este é o momento mais crítico do curso. Dentre os 25 que chegaram até aqui, 5 já são deuses, e questionam o motivo de não existir o Ministério da Arquitetura. O seu ego já não cabe mais no pensamento, e ficam advogando a todo o momento sobre suas ideias. Entendem que muitos diplomados em seu curso não são suficientemente inteligentes para conceituar o que fazem. Assim, quem diria então os diplomados em outras áreas. Considera apenas os médicos e advogados por suas relações históricas com a Arquitetura. Conhecer vinhos, música clássica, e todas as artes é a base de sua cultura esnobe.


Afirmam-se como ARCHITEKTON aqueles que têm um pingo de bom senso, e Lordes os arquitetos britânicos conservadores.</s>

Com isso chega-se a conclusão que todo arquiteto é Deus e vice-versa sem querer,

O Profissional[editar]

Projeto bem sucedido.

Após se formarem em suas "magnificas" Faculdades, grande parte dos deuses são iniciados na maçonaria tradicional, com o sonho de um dia serem o GRANDE ARQUITETO DO UNIVERSO, para exibir seus anéis e botons com seus compassos e esquadros em ouro (coisa de bicha). Se esconder em associações é uma expetise dos Arquitetos, criam associações para tudo, desde trafico de influências (maçonaria) até para receber suas RT's (comições obscuras), por isso não existe arquiteto maçon pobre e honesto. Depois que chegarem ao ponto de encontrar caminho livre para construir uma cidade como Brasília ou remodelar como curitiba, viverão em programas de TV respondendo arrogantemente as perguntas idiotas dos reporteres

É comum nos dias atuais uma parceria entre arquitetos, médicos e advogados, para juntos realizarem grandes sacanagens em nome da história de suas profissões, num pacto denominado "EFIDO, EFICA e EVOCA": ( Eu não fico doente, eu não fico sem casa e eu não vou para cadeia), assim eles garantem uma vida digna e de qualidade conforme seus juramentos. ( você nunca verá arquiteto ou médico preso por negligência, nem tampouco advogados morando em barracos e assistidos pelo SUS.)

Essa junção Bombástica de bichas, faz com que o poder de persuasão transcenda os limites da corrupção, assim eles fundam cooperativas para não pagarem impostos, e pagam propinas para desburocratizarem os processos, além de garantirem papéis em novelas da 20:00hrs.( Adoram ser Protagonistas)

É comum entrar num escritório de Arquitetura e encontrar um enorme compasso na sala de espera com alguns dizeres em grego, ( Arquiteto nenhum fala grego, más idolatram esse idioma), o Homem vitruviano de Da Vinci e modulor de Corbusier também faz parte da breguisse.

Características de um arquiteto/estudante de arquitetura[editar]

Ops...

Você é/reconhece um estudante arquiteto quando:

  1. Você não tem mais vergonha de babar durante as aulas, especialmente nas de Sistemas Estruturais;
  2. Café e coca-cola não são guloseimas, mas ferramentas de trabalho;
  3. Briga com objetos inanimados;
  4. Seu irmão ou irmã pensa que é filho único;
  5. Não é visto em público;
  6. Usa um filme ou um cartão inteiro para fotografar uma calçada;
  7. Recicla todo o seu lixo fazendo maquetes;
  8. Se sente ofendido quando oferecem uma caneta bic;
  9. Quando pedem um lápis emprestado, logo pergunta "Carvão, grafiti, aquarelável,...?";
  10. Quando pedem lápis GRAFITI, pergunta: "2B, 4B, 6B...???"
  11. Toma café da manhã, almoça e janta em uma mesma refeição;
  12. Feriados: "Feriados? Opaaa! Pondo meus trabalhos em dia!";
  13. Tem mais fotografias de prédios do que de pessoas;
  14. Você leva seu namorado assumido para ver uma construção e fazer troca troca atrás do muro;
  15. Você pode viver sem contato humano, sem comida, sem luz do dia, mas se não consegue plotar é um CAOS;
  16. Carrega tanta coisa de papelaria que, na rua, o confundem c/muambeiro;
  17. Nada, nem mesmo a gravidade, importa para arquitetar um ambiente;
  18. Passa 5 anos aprendendo a fazer uma pipa com cartolina e papel celofane;
  19. Tem até o 5º semestre pra assumir que é viado;
  20. Acha que estuda mais que os outros cursos, mas na verdade estuda o mesmo tanto;
  21. Se acha o gênio, mas pede pros engenheiros operar o TQS (pois eles não sabem mais calcular), afinal você não tem tempo para coisas funcionais

Arquitetos Famosos[editar]

Fail

Outros Cursos Esnobes[editar]

Uma falha de arquitetura


Minigiz2.pngMinigiz.png Cursos da faculdade Minigiz3.png
descansa, vai!
AdministraçãoAgronomiaAnálise e desenvolvimento de sistemasArquiteturaArquivologiaArtes cênicasBiblioteconomiaBiologiaBiomedicinaComércio ExteriorCiências ContábeisCiências SociaisCiência da ComputaçãoDesignDireitoEconomiaEducação FísicaEnfermagemEngenhariaFarmáciaFármacia-bioquímicaFilosofiaFísicaFisioterapiaFonoaudiologiaGastronomiaGeografiaGeologiaGestão da informaçãoHistóriaHotelariaJornalismoLetrasLiteraturaMarketingMatemáticaMateriais, Processos e Componentes EletrônicosMedicinaOdontologiaPedagogiaPsicologiaRede de computadoresQuímicaSistemas de InformaçãoTeologiaTurismoVeterináriaZootecnia