Arukenimon

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
1133064800.jpg Arukenimon se trata de uma mulher malvada.

Ela já enganou todo o mundo, mas provavelmente vai se arrepender de tudo o que fez e terminar com os miguxos.

Cquote1.png Você quis dizer: Mulher-Aranha Cquote2.png
Google sobre Arukenimon

Cquote1.png Experimente também: Spider Queen Cquote2.png
Sugestão do Google para Arukenimon

Briga de casal

Cquote1.png Como ousam me comparar com essa feiosa? Cquote2.png
Mulher-Aranha sobre Arukenimon
Cquote1.png Prima, há quanto tempo! Cquote2.png
Spider Queen sobre Arukenimon
Cquote1.png A Arukenimon subiu pela parede, veio a chuva forte e a derrubou... Cquote2.png
Música sobre Arukenimon
Cquote1.png Sabe aqueles chifres? Ela ganhou depois que eu a troquei pela Mary Jane. Cquote2.png
Homem-Aranha sobre Arukenimon
Cquote1.png Personagens de anime baseados em aracnídeos ownam. Cquote2.png
Milo de Escorpião sobre Arukenimon
Cquote1.png Ih bicho, fumei uns becks com esse broto lá em Woodstock... Cquote2.png
Hippie sobre Arukenimon

227 arukenimon.gif

Arukenimon é uma digimon muito sacana que anda por aí disfarçada de hippie gostosa pra te seduzir, mas quando você for finalmente transar com ela, verá a aranha mais horrorosa do universo (e eu nem estou me referindo à vagina dela).

Características e personalidade[editar]

Não se engane, Arukenimon não é assim
E nem assim, nesse fanart ela está muito mais bonita

Arukenimon tem duas formas completamente diferentes uma da outra que só se assemelham pelas cores, a forma que você comeria e a forma que comeria você. Para melhor entendimento do artigo (foda-se, estou pouco me lixando pra isso! É só pra encher linguiça mesmo!), vamos analisar melhor cada uma delas:

Forma humana[editar]

Apenas um disfarce que Arukenimon usa para poder transitar livremente por nosso mundo sem ser descoberta e praticar suas maldades há vontade, a forma humana tem a aparência de uma bela e elegante mulher com longos cabelos na cor azul, um vestido vermelho com capa na mesma cor acinturado por um cinto (dã) roxo. Ela ainda usa botas e luvas igualmente roxas, óculos escuros e um chapéu listrado ridiculamente brega um pouco menos pontudo que o de uma bruxa, além de sempre estar maquiada com um batom escuro. Aprendeu a tocar flauta doce, salgada, amarga e azeda com o Flautista de Hamelin (sim, ela é mais velha do que aparenta), mas ao inves de ratos, Arukenimon atrai é insetos com sua melodia. Pode parecer idiota, mas infestar os lugares com insetos nojentos é mais pavoroso que os ataques toscos de muitos digimons metidos a fodões.

Forma original[editar]

Sinto muito em lhe informar, mas a forma acima é fake. A forma verdadeira é essa aqui. Arukenimon na forma original é uma aranha gigante com uma bunda igualmente gigante e uma feiura maior ainda. Como toda aranha, ela também possui oito patas, no caso dela, seis pernas com garras metálicas no lugar dos pés (ui, um chute dela deve doer) e dois brações deformados que começam fininhos nos ombros e terminam gigantescos nas mãos (um tapa dela também não deve ser dos mais fraquinhos). Como se isso não bastasse, essa monstrenga ainda fica com os olhos esbugalhados, uns dentões de tubarão que fariam inveja ao Baraka e até chifres maiores que aqueles que a tua mãe coloca no teu pai! Nem o cabelo de Arukenimon foi poupado: parece que ela foi cortá-lo em um barbeiro cego. A digimon ainda possui ataduras em todas as patas (deve ser influência de Mummymon) e pra deixar sua bunda maior ainda, esta é toda listrada nas cores vermelho e roxo e com bolinhas amarelas. O resto do corpo da digimon é predominantemente vermelho. Na forma original, Arukenimon domina a técnica do futton e também sabe criar e disparar teias (nossa, que original).

História[editar]

Agora sim, as duas versões de Arukenimon como realmente são

Arukenimon surge na segunda temporada como escrava sexual de VenomMyotismon em sua forma humana, mas é dispensada assim que o vilão descobre sua verdadeira e horrenda forma (como se ele fosse muito lindo). Então, ela arruma o emprego de empregada doméstica de Ken, o digiescolhido-emo-possuído-por-alguma-merda-das-trevas-que-acha-que-é-vilão e tenta dar pra ele, mas é impedida porque já havia outro digimon artrópode na fila, Wormmon. Muito triste, ela acabou indo procurar seu velho amigo Mummymon (aliás, põe velho nisso, uma múmia!) para desabafar que não conseguia fazer sexo com ninguém só porque era "um pouquinho" feia. Claro que Mummymon sempre foi apaixonado por ela, desde os tempos de colégio, mas Arukenimon nunca reparou e ele sempre foi muito tímido para contar. Então, a "moça" decidiu criar seu próprio parceiro sexual e juntou o maior número de torres negras que conseguiu, um total de 100, e criou BlackWarGreymon (não me perguntem como ela fez isso). Você já deve imaginar porque ela preferiu um digimon negão para fins sexuais, não é? Quando soube daquilo, VenoMyotismon ficou furioso. Ele não gostava de Arukenimon, mas não admitia dividir suas putas com mais ninguém, pois era um cara muito ciumento e possessivo. Então, ele matou-a sem pestanejar com um chinelo havaiana, já que ela era um aracnídeo e portanto mostrou-se resistente a insenticida. Mummymon tentou revidar, afinal ele matara seu amor, mas acabou indo pra casa do caralho também. Infelizmente, Arukenimon e Mummymon ressuscitaram e voltaram a aparecer na quarta temporada.

A linha evolutiva de Arukenimon