Arvorezinha

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Gauchodanc.jpg Mas bah, tchê!

Este artigo buenaço e tri-legal é do mais puro humor gaudério dos pampas, vivente, então veste tua bombacha, recolhe teu pelego no galpão e toma um mate amargo com a gente, macanudo!

Chima.jpg
Casas aglomeradas de Arvorezinha. Me pergunto como há gente que ainda mora nessa espelunca.

Cquote1.png Aqui as árvores são tão finas que não serve nem sequer pr lenha. Cquote2.png
Um morador de Arvorezinha sobre a qualidade das florestas por lá
Cquote1.png Você quiz dizer maconha ?. Cquote2.png
google sobre Arvorezinha

Arvorezinha é um município brasileiro do estado dos grandes machões do do Rio Grande do Sul. O nome faz menção à figueira (nome do distrito antes da emancipação, óbvio) ainda localizada ao lado da igreja matriz de Arvorezinha de onde eles colhem os tributos mensais.

Sua história[editar]

Arvorezinha teve como primeiro habitante Lino Figueira, que se estabeleceu na região por volta de 1900 já que não tinha mais nada importante no que fazer em sua vida.

Grande parte de sua população é descendente de imigrantes italianos advindos das cidades de Antônio Prado, Veranópolis, Bento Gonçalves (tatara-tatara neto da Dercy Gonçalves, ou não), Caxias do Sul e Garibaldi, além de um monte de pobretão que começaram a se estabelecer na região no início do século XX.

Antes da emancipação, em 6 de fevereiro de 1959, o território do atual município pertenceu a Taquari e, depois, a Encantado e após muita confusão e tiro pra tudo que tiver no caminho é que a Arvorezinha se tornou-se indepedente.

Não podemos esquecer que hoje em dia é uma metrópole, com região metropolitana que engloba Ilópolis, Putinga, Anta Gorda e Soledade, o conjunto dessas 4 cidadezinhas forma a Região Metropolitana de Arvorezinha.

Seu clima[editar]

Ela é praticamente o clima dos europeus, frio pra caralho.