Assíria

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
T-rex.jpg
Este artigo ou seção de artigo trata do passado. Tudo que for escrito a partir daqui só os dinossauros, o Dom Quixote e outros
fanfarrões da idade média ou da pré-história estavam presentes.


40967074 nikita.jpg
Início do Brasil.png

Este artigo é relacionado à história.

Não estranhe a pederastia da Grécia Antiga. Tá bom, só um pouco.

Não entre na Cortina de Ferro!


●Não há mais idioma nativo
●Não-Síria
●Assíria

125px-Flag of Iraq.png Human headed winged bull facing.jpg
Bandeira Brasão
Lema: Matar!
Hino: Habib-al-Habib
LocationSyria new.png
Capital Assur
Maior Cidade Assur
Língua AAAA
Tipo de Governo Empresa Imperial
Imperador Azul
Heróis Nacionais Assurbanipal, Vovô Radical e Jason Voorhees
Independência Faz tempo
Moeda Porrada
Religião Comer todos na porrada
População Quase todos os idosos do oriente-médio
Área Meça! (Tinha% de água)
Analfabetismo 00%
PIB per Capita 000 USD/hab.
IDH 0.0000
Fuso Horário 00000
Clima Desértico do jeito que árabes gostam
Site do Governo  ??
Cquote1.pngVocê quis dizer: SíriaCquote2.png
Google sobre Assíria

Cquote1.pngExperimente também: Império Romano Cquote2.png
Sugestão do Google para Assíria
Cquote1.png Eles que me ensinaram tudo que eu sei. Cquote2.png
Vlad Tepes sobre Assírios.
Cquote1.png É isso aí! Cquote2.png
Gengis Khan concordando.
Cquote1.png Filhos da Puta! Cquote2.png
Judeu sobre assírios.
Cquote1.png Esses velhinhos da pesada vão aprontar muitas confusões para mostrar que independe da idade, todos podem ser marginais da pesada que são pura encrenca! Cquote2.png
Narrador da Sessão da Tarde sobre Assirios


Assíria, ou Império do Asilo, foi mais um daqueles impérios da Antiguidade, como o Império Nazista, Império Galactico, Império do Leite com Goiaba entre outros, que com a mesma velocidade que se tornou a potência da época, sucumbiu pelas mãos de outro povo igualmente sanguinário, se bem que no caso dos assírios eram apenas igualmente sanguinários se comparados com a Inquisição Espanhola.

Assim chega ao fim o Império Assírio, ou Império do Asilo como foi também conhecido.

Tabela de conteúdo

[editar] Fundação

Velhinhos remando pelo rio, prontos para saquear.
Marca registrada dos asilos Assíria mostrando um velhinho que era uma verdadeira fera, bicho!
Imagem do asilo as margens do rio Tiger Robocop.

Sem (sim, isso é um nome) era um idiota grande vagabundo da região da Mesopotâmia, conhecido por ser um cara sem criatividade, sem emprego, sem nada além de um filho igualmente fracassado chamado Azul. Sem foi ficando velho e dando trabalho para o filho, e o filho sem porra nenhuma não tinha como continuar a cuidar do velho, foi visitar um asilo e viu como os caras ganham uma puta grana com aquilo, assim surgiu a ideia de criar seu próprio asilo. Como ele não tinha muito dinheiro, o jeito foi construir o asilo perto de um rio chamado Tiger Robocop, e para sua surpresa, o Rio tinha poderes mágicos clichês que faziam o pai dele se sentir mais jovem, além de não precisar usar fraldas e tomar dúzias de remédios, mas Azul também reparou que as águas do rio deixavam todos com vontade de cair na porrada, assim dizem os sobreviventes. Algum tempo depois, surgiu o golpe chamado Tiger Robocop. Ele guardou esse segredo, e apenas espalhou como o rio fazia bem para pessoas idosas e fudidas, com isso ele atraiu uma continuidade maciça de idosos e doentes de todo o mundo conhecido. Deixando de ser um simples "sem nada", Azul começa uma franquia de asilos, o nome da franquia seria Império Assíria. E é assim, com muito dinheiro, idosos e doentes fieis e uma ideia na cabeça ele começa seu processo expansionista.

A história de Azul é, inclusive, bastante similar à conhecida e recente história de um outro senhor, sendo bastante considerada a hipótese de reencarnação neste caso.

[editar] Apogeu

Ambiente confortável, limpo e seguro. Mande seu vovô para cá!

Durante esse período áureo, a Assíria estendeu-se até o Egito, e Azul já estava podre de rico.

Isso ocorreu durante o período onde o mundo foi agraciado com a maior quantidades de brigas, brutalidades e bailes funk por hora. Os idosos do império, durante suas diárias sessões de almoço, gostavam de observar pessoas sendo empaladas; eles diziam que esse tipo de hábito aumentava o apetite, além de deixar o intestino preparado para aguentar aquela buchada de bode.

Esses velhinhos fuleiros praticam sua onda de violência espancando crianças, espartanos, ninjas, lutadores de luta livre, entre outros fracotes. Nessa época não existia BOPE, e mesmo que existisse, eles não poderiam fazem os velhinhos pedirem para sair.

Azul, posando em um dos vários comerciais, apresentando o asilo.

Apesar disso, o povo estava se fudendo para o que os velhos faziam, afinal ninguém gosta de velhos. Assim, continuou a onda de terror desses velhos, que destruíam tudo pela frente com suas bengalas e dentaduras.


[editar] Queda

Com as quantidades absurdas de mortes, um grupo com alguns médicos, sacerdotes, macumbeiros, e farmacêuticos sofrendo por não serem mais consultados (ou por não venderem mais remédios) começaram a investigar o que tinha por trás desses asilos, pois ao contrário de qualquer outro asilo os idosos não procuravam reclamar com os parentes por serem colocados lá, na verdade eles adoravam ficar nos asilos e só saíam de lá para brigar e torturar e comer e não pagar. Esse grupo descobre que o que mantém essas pessoas saudáveis e violentas é a água do nefasto rio, e assim decidem dar um fim a isso. Mas eles não tem como matar o rio, então eles contam esse segredo para a Vigilância Sanitária e para os outros grupos de asilos. A vigilância sanitária descobre vários coliformes fecais na água, além disso... Descobrem que a água do rio, na verdade vem da descarga do vaso de Chuck Norris! Azul, caindo em desgraça sobre uma série de processos, perde todo seu dinheiro, com isso ele se mata, vindo a reencarnar tempos depois.


[editar] Ver também

Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas
Outras línguas