Associação Secreta Neoliberal das Mães Homossexuais Solteiras Vegetarianas Negras Judias Ortodoxas em Países Muçulmanos da África Subsaariana que tinham Hanseníase em Bornéu no ano de 1980

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Atenção: leia este artigo com bom humor

A Desciclopédia é um site de humor, não venha nos dizer que pegamos pesado.
Se você levar tudo por trás e ficar com a alma ferida, visite outro artigo.

Por que a garotinha caiu do balanço? Porque ela não tinha braços.

Va-a-merda-porra-(Luiz-Carlos-Alborghetti).gif Este artigo pretende ser ofensivo!

Se você não se sentiu ofendido, edite-o até se ofender.

E se se sentiu ofendido, VÁ A MERDA, PORRA!!!


Cquote1.png Um bando de macaca puta fresca porca capitalista marrana com lepra que devia morrer onde nasceu e não em Bornéo Cquote2.png
Preconceituoso sobre ASNMHSVNJOPMASHB-1980
Cquote1.png É uma minoria, da minoria, da minoria, da minoria! Como uma democracia pode se preocupar com elas? Cquote2.png
Preconceituoso sobre ASNMHSVNJOPMASHB-1980
Cquote1.png A Democracia nos excluí! Cquote2.png
Uma mulher da ASNMHSVNJOPMASHB-1980 sobre todos os países do mundo
Cquote1.png Nós sofremos preconceito em todos lugares do mundo Cquote2.png
mulher associada da ASNMHSVNJOPMASHB-1980
Cquote1.png Deus, eu nem sabia que isso existia! Cquote2.png
Preconceituoso sobre ASNMHSVNJOPMASHB-1980
Cquote1.png Isso é uma Ditadura das Minorias! Cquote2.png
Preconceituoso sobre o fato de a ASNMHSVNJOPMASHB-1980 influenciar todas as decisões do governo da Nâmbia

A Associação Secreta Neoliberal das Mães Homossexuais Solteiras Vegetarianas Negras Judias Ortodoxas em Países Mulçumanos da África Subsaariana que tinham Hanseníase em Borneo no ano de 1980 sediada no Brasil, na cidade de Pelotas no Rio Grande do Sul, é também conhecida como ASNMHSVNJOPMASHB-1980. Se trata de uma organização não-governamental secreta para fins políticos econômicos de uma minoria muito discriminada e que sofre muito preconceito que diz ser voltada para a defesa dos direitos das mães solteiras homossexuais vegetarianas negras judias ortodoxas em países muçulmanos da África Subsaariana de orientação política neoliberal que tinham hansíniase em Borneo no ano de 1980. Fundada em 1980, é a primeira associação de origem em Borneo a chegar no Brasil, e também a primeira do mundo que se presta na defesa das mães solteiras homossexuais vegetarianas negras judias ortodoxas em países muçulmanos da África Subsaariana de orientação política neoliberal que tinham Hanseníase em Borneo no ano de 1980. É uma associação anônima, segundo alguns, por ser muito perseguida, e por outros, por ser muito sacana, pois ela tem uma influência política muito forte do mundo capitalista, de qualquer forma isso justifica o fato de que sabemos muito pouco sobre ela.

Origem[editar]

A origem da ASNMHSVNJOPMASHB-1980 é desconhecida, devido as poucas fontes fiáveis que se resumem ao testemunho escrito por duas mulheres num pequeno livro chamado "Regimento das Mulheres Judias de Borneo", algo muito similar aos Protocolos dos Sábios de Sião.[carece de fontes] Dessas mulheres, assim como dos autores do outro livro, sabe-se muito pouco, porém há mais informações sobre elas do que sobre eles. Uma das mulheres era Judy (pseudônimo), uma ex-mãe-solteira-homossexual-vegetariana-negra-judia-ortodoxa que nasceu no Moçambique de orientação política neoliberal que também tinha hanseníase e morava no Borneo, mas se casou com um russo rico em 1989 que tem ações numa petroleira na Arábia Saudita, e Alana (pseudônimo), uma também ex-mãe-solteira-homossexual-vegetariana-negra-judia-ortodoxa que nasceu no Moçambique de orientação política neoliberal que tinha hanseníase e morava no Borneo até 1983, hoje tem morado nos Estados Unidos e escreve para um jornal americano de renome (The New York Times), e largou o vegetarianismo para se tornar mais radical, indo para o veganismo.

Natureza da Organização[editar]

Segundo Judy e Alana a ASNMHSVNJOPMASHB-1980 nasceu no meio de imigrantes judias ilegais africanas em Bornéo que tiveram vidas bem-sucedidas, e juntas, muito poderosas, elas se uniram para lutar por sua causa. Muitos acreditam que essa sociedade secreta talvez nem exista, mas para os que acreditam nelas, dizem que elas são mais poderosas que a Associação Secreta do Anão e do Duende Sinestésico e/ou Cinestésicos que exerce poderoso lobby político confirmado junto com a Sociedade Teosófica n]] ONU. Muitos falam que que a ASNMHSVNJOPMASHB-1980 é tão poderosa quanto os Illuminati, ou a Maçonaria no Século XVIII, já outros colocam ela em posição de igualdade, já que a Maçonaria é de homens porém é mais aberta, enquanto a ASNMHSVNJOPMASHB-1980 é muito mais fechada e é feminista. Outros pesquisadores classificam a ASNMHSVNJOPMASHB-1980 ao lado do Priorado de Sião, junto a Grande Conspiração Judaico-Bolchevista (ou Grande Conspiração Sionista) pelo fato de se tratarem de mulheres "judias ortodoxas neoliberais", porém, eles não notaram que se tratam também de "homossexuais que tinham hanseníase" o que as torna abominações pelas tradições judaicas. Mesmo assim, essa teoria é muito popular. Embora se declarem Judias Ortodoxas não há registro em nenhuma associação israelita de uma sinagoga para mães solteiras homossexuais, portanto acredita-se que essas mulheres ainda morabn em países muçulmanos, o que explicaria o fato de a associação ser secreta. De qualquer forma é consenso que essa Associação é extremamente poderosa, porém mesmo com toda a influência do mundo, ela não superou o preconceito (como os Judeus, eles mandam no mundo, tem um poderoso Lobby, embora o mundo odeia eles e o país deles não goza de popularidade nenhuma né?). Essa tese é reforçada porque assim como o Priorado de Sião, não há nenhum dado histórico a não ser um relato escuso da sua existência (os Protocolos dos Sábios de Sião).

Alegações da Associação Secreta Neoliberal das Mães Homossexuais Solteiras Vegetarianas Negras Judias Ortodoxas em Países Muçulmanos da África Subsaariana que tinham Hanseníase em Bornéo no ano de 1980[editar]

Esse é o Tio1.jpg o ex-cafetão da Associação Secreta Neoliberal das Mães Homossexuais Solteiras Vegetarianas Negras Judias Ortodoxas em Países Muçulmanos da África Subsaariana que tinham Hanseníase em Bornéu no ano de 1980, o atual tem quem diga ser Barack Obama.

Segundo a Associação Secreta Neoliberal das Mães Homossexuais Solteiras Vegetarianas Negras Judias Ortodoxas em Países Muçulmanos da África Subsaariana que tinham Hanseníase em Borneo no ano de 1980 existe ainda uma ampla barreira de preconceito no mundo com esse grupo na sociedade, segundo dados da própria Associação 80% das mulheres em todo planeta são mães solteiras homossexuais vegetarianas negras judias ortodoxas em países muçulmanos da África Subsaariana de orientação política neoliberal que tinham hanseníase em Borneo no ano de 1980, e que todas essas mulheres estão excluídas da sociedade. Segundo ainda os dados da Associação é necessário uma mudança total nas estruturas de Estado e organização social que são todas patriarcais. A críticas muito fortes a Associação e seus dados, e embora é bastante consenso que os dados são suspeitos, a atitude de questiona-los é vista com maus olhos por organizações como Grupo Gay da Bahia, Maçonaria e os Cavaleiros Templários, pois é interpretado como preconceituosa, alguns diriam criminosa. A grande crítica que é levantada por grupos moralistas fascistas de extrema direita é que a Associação defende os interesses de uma minoria que não representa um terço de um milésimo de décimo elevado à centésima potência negativa de 10 da população feminina de mulheres casadas, e que criar essa gama de privilégios tornaria qualquer Nação do mundo em uma Ditadura de Minoria. Felizmente, a sociedade já está vendo o movimento com outros olhos, e pouco a pouco, a voz moralista está sendo vencida, já que é completamente honrável dá acesso à essas minorias a ferramentas de transformação da sociedade e detrimento da maior parte da população. Entre as listas de privilégios que a Associação luta para estas mulheres está:

Privilégios civis que a ASNMHSVNJOPMASHB-1980 luta para conseguir / serem reconhecidos[editar]

  • O direito a 40% de cotas nas universidades públicas.
  • O direito de privilégio jurídico quando há conflito de direitos com pessoas de grupos majoritários da população, sobe a égide do princípio da igualdade.
  • O direito de cagar a céu aberto.
  • A restrição do direito de liberdade de expressão, quando criticar ideais desta minoria com uma criminalização taxativa e hedionda.

Negação da existência[editar]

Para alguns racionalistas modernos, a ASNMHSVNJOPMASHB-1980 assim como o Priorado de Sião não existe, isso porque é mais que óbvio que a influência dessas hordas judaicas se existissem é notoriamente ínfimas, pois elas não tem apoio da imprensa mundial a não ser em locais específicos (Israel, EUA, e?), o que coloca em cheque tudo que se fala sobre, mas estes racionalistas modernos estão errados como todo mundo sabe - e só tem bons argumentos, porque quem os financiam tem muito dinheiro. E isso tudo é tão controverso e contraditório que essa história já deu no saco.

Objetivos[editar]

O ASNMHSVNJOPMASHB-1980 declara ter três propósitos objetivos e três subjetivos. Os propósitos objetivos são:

  • 1.Lutar contra o preconceito contra mães solteiras homossexuais vegetarianas negras judias ortodoxas em países muçulmanos da África Subsaariana de orientação política neoliberal com hanseníase ou não pelo mundo.
  • 2.Conscientizar acerca dos direitos das mães solteiras homossexuais vegetarianas negras judias ortodoxas em países muçulmanos da África Subsaariana de orientação política neoliberal com hanseníase ou não para que estas possam lutar por sua cidadania, dando cumprimento ao princípio da igualdade, expresso na Declaração Universal dos Direitos Humanos.
  • 3.Dar apoio principalmente em questão de saúde.

Os propósitos subjetivos são:

  • 1.Dominar o mundo.
  • 2.Exterminar todos os homens.
  • 3.Tornar todas as mulheres em homossexuais vegetarianas negras judias ortodoxas com orientação política neoliberal.


Veja também[editar]


Illuminati.jpg
Th heyleyroy.jpg