Astracã (óblast)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Zorak.jpg Você está entrando em um mundo desconhecido nas imensidões da escuridão, onde
ninguém pode ouvir seus gritos!

Agora, viajar pelo espaço ficou mais fácil depois que inventaram a Coca-Cola.
Se aconchegue em sua nave e vá tomar um "chazinho" com o E.T. de Varginha.


Boratturistguide.jpg
Sm khazakhstan.jpg

Jagshemash!

Este artigo é proveniente da Gloriosa Nação do Cazaquistão! Ele "fala russo", exporta o melhor potássio do mundo e tem momento sexy com a sogra. Cuidado ao meter seu khramm, pois um urso pode estuprar sua irmã! SHENQUIE!

Borat está de olho em você!

Cquote1.png Astrologia não caralho! É astronomia! Cquote2.png
Astracão sobre Astrologia

Astracã (em russo, Acтpaka), o resquício cazaque russo.

História[editar]

Um canhão de defesa disfarçado de telescópio.

Astracã sempre foi apenas mais um deserto cazaque sem vida, inóspito e inabitado.

Só foi começar a haver vida humana naquele lugar na época da formação da União Soviética, quando o Cazaquistão se tornou o glorioso depósito de lixo soviético e o estado de Astracã foi o mais utilizado nesse quesito.

Durante a Corrida Espacial, o governo soviético encontrou em Astracã, o lugar perfeito para as pretenssões dos astrônomos. Instalou-se em Astracã tudo quanto é parafernália russa secreta para lançar foguetes e encher a vida dos americanos.

Assim que a raça humana gloriosamente pisou na lua e um muro em Berlim caiu, todos aqueles cientistas em Astracã jogaram a toalha e foram todos para suas casas abandonando os observatórios e tristes da vida, deixando apenas os mais loucos dos astrônomos trabalhando por lá. Quando a União Soviética acabou e o Cazaquistão caiu fora, o estado de Astracã que já havia descoberto tantos asteroides, cometas, super novas e pedregulhos em nome de Stalin e o Cazaquistão era tão fudido, Astracã resolveu então ficar com a Federação Russa.

Em Astracã a única coisa que acontece atualmente são lançamentos de satélites de espionagem russos, lançamentos de brasileiros no espaço e muito tédio, que na língua de Astracã significa procurar planetas pelo universo.

Etnia[editar]

Com exceção de alguns cazaques que acham que Astracã é o Cazaquistão ou que de fato estão no Cazaquistão, Astracã é povoada pelos russos cientistas loucos astrônomos que ficam olhando para o céu o dia todo. Iuri Gagarin é herói nacional, Neil Armstrong é persona-non-grata.

Com um pouco de paciência é possível encontrar ETs.

Geografia[editar]

Região plana, desabitada, desiluminada e sem movimento nenhum foi perfeita para a instalação de observatórios astronômicos, bases de lançamento e pouso de foguetes e qualquer coisa que precise de espaço ou silêncio.

Especula-se que a chamada Área 89, a Área 51 russa se localiza em algum lugar secreto do vasto deserto astracão.

Economia[editar]

Astracã mantem seu estoque de vodka em dia graças aos royalties que a comunidade astronômica mundial paga pelos mais de 100.000 pedregulhos no espaço.

Previsões Astrológicas Astronômicas[editar]

Yoda.jpg
Este artigo ou seção trata do futuro. Tudo que for escrito a partir daqui foi baseado nas premonições do Mestre Yoda.
Clique aqui para mais premonições do mestre Yoda você ver.

De acordo com a rota do recem-descoberto Cometa 06AYT543JHY6, a Terra vai acabar destruida por completo após uma colisão de primeiro grau, às 04h43min, numa sábado, 21 de outubro de 2017.