Autofelação

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de Auto-felação)
Ir para: navegação, pesquisa
Esta página se adequa à Nova Política de Conteúdo Sexual.
Conteúdo impróprio para menores de 18 anos! Tirem as crianças da sala! Este artigo tem conteúdo impróprio para menores!
Este artigo pode conter pornografia pesada ou leve. De preferência, leia-o de olhos fechados...

Se ele estiver cometendo uma infração à Política de Conteúdo Sexual, por favor, reporte à moderação.
60px-Bouncywikilogo.gif
Para os fanáticos religiosos entre nós que escolhem acreditar em mentiras, os supostos experts da Wikipédia têm um artigo sobre: Autofelação.

Cquote1.png Autofelação não é homossexualismo, é apenas um ato altamente narcisista, afinal eu estou chupando a mim mesmo! Cquote2.png
Praticante sobre Autofelação

Autofelação é, de fato, o ato de chupar a própria rola, só que com um nome nerd.

Para praticar a autofelação, você precisa ser do sexo masculino (não necessariamente homem) ou o mais viado possível!, ter uma flexibilidade do cão e ainda correr riscos de fraturar a coluna. É claro, se seu pênis tiver uns 40 centímetros(vide Fofão), isso vai ser mamata (literalmente) pra você.

Se você realmente estiver disposto a praticar autofelação pode também realizar uma simples cirurgia que elimina o seu último par de costelas (que não servem para nada normalmente) e aumentar consideravelmente sua flexibilidade. É claro que talvez seja um pouco estranho marcar uma cirurgia para realizar tal ação mas se o seu médico for meio esquisitão é capaz dele dar até um desconto (nem que seja em serviços sexuais).

Tabela de conteúdo

[editar] Verdades sobre as quais nem todos comentam porque podem sentir-se constrangidos

Sabe-se, devido a pesquisas recentes publicadas na revista científica "New York Times", que os homens contorcionistas do circo indonésio "Cirque du Soleil", e dos circos em geral, são, na verdade, pessoas que, durante a aborrescência, sentiram-se atraídos pelo próprio cacete e decidiram, então, entrar para a vida do circo, sabendo que com isso aprenderiam as artes malabarísticas do contorcionismo, tornando-se capazes de lamber, chupar e succionar o próprio membro, bem como tomar o próprio leite, diretamente saído da fonte.

Tal constatação trouxe à tona uma possibilidade exuberante para a comunidade gay, que jamais tinha pensado em aprender contorcionismo. Com isso, as chances de os gays começarem a se matricular em cursos de contorcionismo, cada vez mais, é de 100%. Inclusive, se você estava pensando em autochupar-se, mas não tinha opções em mente, e não queria submeter-se a processos intracirúrgicos, matricule-se no primeiro curso de contorcionismo que vir, pois amanhã é possível que já não haja mais vagas.

[editar] Indução ao "Autofelatio"

A auto felação ou "felatio in sum induti" como diriam os nossos amigos do latim, sempre foi uma arte desdenhada pelas “so called” man in black da arte sexual. Já no Kama Sutra esta arte de autofelaçao foi esquecida. Não poderia deixar de mencionar, a obra de um senhor de nariz comprido e de uma pele a descair para o branco embaciado, que agora não me lembra o nome, mas que como pode ser obviamente interpretado pelo aforismo utilizado em relação a seu nome, a coisa não iria muito bem. Foi este senhor que deu origem à revolução em termos de autobrochanço, se assim se pode dizer.

Em termos médicos a questão pode ser complicada mas tem resultados garantidos. Uma costela aqui e outra tirada ali deverá ser meio caminho para o sucesso. É obvio que as dores serão agoniantes, chegando certamente a desvalorizar o prazer daí retirado, mas como não há nada que o tempo não cure, a história ditaria.

Em termos morais tem as suas vantagens e desvantagens, sendo essas de foro afectivo ou de foro rabeta. A questão é a seguinte: Conseguirá a namorada aguentar um total desdenho pela sua boca? Como é óbvio, certamente a senhora irá ficará um pouco desconfortada pensando que a sua boca já não é suficiente, o que leva ainda a outras questões, como por exemplo, a questão de a “autofelação” ser ou não considerada traição. Por último a questão fulcral será: Serão considerados homossexuais enraivecidos e doidivanas paneleirascas por comer o próprio “besugo” ? A resposta pertinente é a seguinte: Nem sim, nem não, mas muito pelo contrário. Por um lado se bater uma pívia não é considerado rabetice também o autobrochanço não poderá ser, pois utilizam ambas partes da nossa própria entidade física pessoal. O problema será passar da entidade pessoal para a pública, ou seja, na esfera pública tudo é mais complicado.


[editar] Fatos

Praticar Autofelação é uma arte perigosa, já que deixa o cu exposto; normalmente seus praticantes ignoram tal perigo, porém outros procuram tal perigo.
  • 72,5% dos homens conseguem praticar a autofelação.
  • Se você é gay e consegue praticar a autofelação, você é um cara de sorte.
  • Se você é heterossexual e consegue praticar a autofelação, você não é gay.
  • Se Marilyn Manson faz isso, você também pode.
  • Se você é virgem chupar a propria rola é bom ja que ninguem chupa a sua.
  • 98,2% dos adolescentes que leram a estatística acima (72,5% dos homens conseguem praticar a autofelação) correram para o banheiro e tentaram praticá-la. O que prova que apenas 1,8% dos adolescentes não tem tendÊncias homossexuais reprimidas.

[editar] Ver também

Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas
Outras línguas