Auxiliar de produção

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de Auxiliar de Produção)
Ir para: navegação, pesquisa


Cquote1.pngVocê quis dizer: Hora ExtraCquote2.png
Google sobre Auxiliar de produção
Cquote1.png Tem pretenção salarial? Cquote2.png
Atendente de agência de empregos sobre desempregado
Cquote1.png Estou guardando a grana que ganho e um dia poderei investir e serei rico Cquote2.png
Auxiliar de produção
Cquote1.png MWAHAHAHAHAHA! Cquote2.png
Rico sobre Comentário acima
Cquote1.png ô viadinho, pega aquele barril lá pra mim Cquote2.png
Chefe sobre Auxiliar de produção
Cquote1.png ô seu bosta, vai lá na oficina pega a serra Cquote2.png
Chefe denovo
Cquote1.png ô filho da puta ganha muito pelo que faz Cquote2.png
Seu chefe e sua mulher conversando
Cquote1.png Senhor fulano de tal aqui é da Agência Pinto, temos uma vaga para auxiliar de produção na Fábrica de Palitos, o senhor está interessado? Cquote2.png
Funcionária de uma agência qualquer
Cquote1.png Craro qui sim carai! Cquote2.png
Pobre super feliz com a notícia
Cquote1.png Mas é temporário, aceita mesmo assim? Cquote2.png
Funcionária desgraçada
Cquote1.png Puta merda, lá vou eu trabalhar mais três meses Cquote2.png
Rotina trimestral do pobre
Cquote1.png Mãe, mãe!!! Fui contratado!!! Serei auxiliar de produção da empresa Rebimboca!!! Cquote2.png
Você, recém-contratado
Cquote1.png Tudo bem, filho, não desanime. Poderia ser pior! Cquote2.png
Sua mãe, tentando lhe dar algum ânimo após a notícia acima

Auxiliar de produção (nome oficial para "capacho") é uma das mais baixas e vergonhosas profissões do mundo, perdendo apenas para garis (segundo Boris Casoy) e para Sysops da Desciclopédia. Em sua rotina, mulheres feias, homens fedidos, uniformes vergonhosos, ônibus lotados, pessoas com auto poder aquisitivo (também conhecidos como filhos da puta) atrapalhando seu serviço, pente marrom (iagual aqueles que seu pai guarda no bolço) e muito trabalho, além de pouca remuneração. Normalmente um Auxiliar de produção não conhece a internet, e os que conhecem só a usam para acessar o Orkut de Raimundas e para enviar currículos para mais de 8 mil agências esperando encontrar mais um contrato de 3 meses, garantindo assim o sustento de seus 4 filhos e da esposa grávida e analfabeta. Geralmente andam de ônibus, mas alguns que "se dão bem" podem se gabar de possuir um lindo Fusca ou um Fiat 157, nalguns casos, o auxiliar de produção pode querer arrumar outros filhos, comprando posteriormente uma Brasília para "viajar" uma vez ao ano para lugares super legais como a Festa Anual da Uva Passa em Taubaté. Auxiliares de produção são os reponsáveis pela qualidade da sua vidinha ai nesse computador. Auxiliares de produção são responsáveis pelo que você come, pelo que você bebe, e pelo papel que você limpa a bunda depois de cagar. Auxiliares de produção são o nosso país. Auxiliar de produção é o seu futuro se você não sair agora dese site e ir estudar!

Tabela de conteúdo

[editar] Função

Como toda indústria que se preze necessita de um engenheiro de produção, com certeza vai precisar de um auxiliar de produção, para que o engenheiro possa pisar normalmente. Na empresa, o auxiliar de produção pode atuar em diversos setores, em várias funções, menos naquelas que os estagiários já atuam, como apontar lápis e grampear papel.

A área de atuação dos auxiliares de produção engloba a área de tecnologia de informação, através do uso de ferramentas avançadas como o Excel e Word, fazendo relatórios importantes que o engenheiro e o diretor de PCP olharão e jogarão fora, a área de organização do ambiente, através de ferramentas avançadas como a vassoura e a pazinha, e até mesmo a área de logística, onde o auxiliar de produção faz o importante serviço de controle de transporte de caixotes. Ele controla os passos enquanto carrega as caixas. O auxiliar de produção é pau pra toda obra, e isto é uma coisa boa pro empregado na função de auxiliar de produção, pois ele é o que mais conhece o pessoal da empresa.

Por não ter uma função definida, nem um setor próprio, o auxiliar de produção é, em todos os sentidos da palavra, um peão, de xadrez e de fábrica. Ele é um peão com mais renome, já que pode mexer no computador de vez em quando, e ainda tem a chance de manusear o saco do chefe quando possível, embora, pelo status que um auxiliar de produção tem normalmente, o máximo que o chefe fará é jogar um osso pro auxiliar.

[editar] Agências de emprego

Cartaz de um curso profissionalizante da profissão (pleonasmo)

Antes de tudo, é preciso conseguir uma firma meia-boca que paga mal a te contratar, algo que você nunca vai conseguir fazer. É aí que entram as agências de emprego, com mocinhas bonitas e decotes até o umbigo, prontas pra te receber com um baita sorriso no rosto mesmo estando morrendo de dó da sua situação humilhante. Quando uma pessoa está trabalhando numa empresa com contrato por uma agência, essa pessoa é ainda mais desvalorizada que os próprios funcionários fixos da empresa, afinal, quem paga o salário nesse caso é a Agência e a empresa só aceita que trabalhem lá por que uma das funcionárias da agência pediu com jeitinho pra todos os funcionários do RH. Para conseguir esse contrato com a agência, o pobre deve acordar todos os dias durante 2 semanas seguidas as 05:50 da madrugada para pegar o primeiro ônibus e conseguir passar por pelo menos 10 agências antes de meio-dia, quando ele vai comer uma marmitex de três reais sem mistura. Em cada agência existe uma enorme fila de umas 80 pessoas todas igualmente feias e pobres respondendo sempre as mesmas perguntas:

  • Fuma?
  • Qual seu salário anterior?
  • Tem pretensão salarial?

Pessoas que respondem que fumam estão fora. Pessoas que ganharam mais de R$ 800,00 no último emprego também estão fora. Pessoas que por terem mais de 8 mil cursinhos profissionalizantes e acham que podem dizer que tem uma pretensão salarial de R$ 3.000,00 também estão fora. Aí sobram os mais fodidos, que mentem não fumar ou são crentes esperando alguma benção de Deus que nunca chega, que receberam R$ 500,00 no último emprego como caixa do Carrefour e que dizem que qualquer salário está bom. São esses que conseguem o contrato de 3 meses em alguma firma qualquer, e que viram alvo das piadas mais desgraçadas das funcionárias de agência logo após o expediente.

[editar] Contrato

Quando o infeliz é contratado para a empresa, normalmente é porque passou nos rigorosos testes que a empresa fez. Com uma quantidade de vagas limitada, e com um número de candidatos muito alto, em torno de 1,2 candidatos por vaga, muitos candidatos correm o risco de continuar desempregados. Os que se saírem bem em testes práticos, como assinar o nome, fazer cálculos de adição, fazer cálculos de subtração, soletrar "macaco" e citar 2 frutas, costumam passar pra próxima fase. Depois eles passam a peneira e contratam o cara que tiver menos experiência, de preferência alguém que nunca trabalhou antes, pois assim as chances de reclamar são pequenas.

Contratado, o auxiliar de produção começa a conhecer todos os setores da empresa, conhecendo os caminhos que terá de percorrer, dezenas de vezes, todos os dias, até o fim do contrato, normalmente por justa causa quando o auxiliar começa a beber mais do que o normal e a se atrasar diariamente. Em seu registro trabalhista, no lugar onde o profissional de RH deve colocar a função, apenas marca como "Burro de carga/Sem futuro/Ha ha trouxa!".

[editar] Testes vocacionais

Normalmente, antes do contrato, na hora da entrevista, o responsável em entrevistar o candidato a auxiliar de produção costuma ir direito ao ponto. Algo que muitas vezes acontece na seleção é um candidato ser descartado por falta de conhecimento.

Entrevistador
Você tem experiência como auxiliar de produção?
Candidato
Um pouco.
Entrevistador
E qual o motivo que levou você a vir fazer a entrevista para a vaga de auxiliar de produção nesta empresa?
Candidato
É que eu preciso de um emprego onde eu tenha futuro.
Entrevistador
Você realmente não sabe o que é um auxiliar de produção. Sinto muito... PRÓXIMO!!!!!

Se tivesse noção do que aconteceria caso ganhasse o emprego, o então candidato agradeceria a Deus por dar bola fora na entrevista.

[editar] Qualificando-se ao cargo

Não é fácil chegar ao posto de auxiliar de produção. Para tanto, são necessários 4 estágios de transição:

  • Desempregado Sênior
  • Auxiliar de produção júnior

Durante esses estágios, é necessário um curso contínuo em Auxiliar de produção, de preferência em locais especializados como o Telecurso 2000 ou o Instituto Universal Brasileiro.

[editar] Atribuições do cargo

  • Furar.
  • Soldar.
  • Carregar caixas.
  • Descarregar matérias-primas.
  • Operar máquina empilhadeira.
  • Aparafusar.
  • Servir o café pro chefe.
  • Grapear papéis.
  • Retirar grampos de papéis.
  • Estudar nas horas vagas achando que algum dia conseguirá se livrar dessa merda.
Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas