Papio

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de Babuíno)
Ir para: navegação, pesquisa
Babuíno
Um babuíno clássico
Um babuíno clássico
Classificação científica
Reino: Animal
Filo: Acordados
Classe: Mamadores
Ordem: Homem Primata Capitalismo Selvagem
Subordem: Nariz seco
Família: Cerco com pistaches
Gênero: Babão

Cquote1.png Babuínos bobocas balbuciando em bando! Cquote2.png
Minerva Mcgonagall sobre babuínos

Papio é um gênero de macacos bundudos chamados também de babuíno. É um animal parente do Donkey Kong, do King Kong e do Larry King. Este macaco destaca-se no mundo animal por apresentar o bozó mais vermelho e menos cheiroso do mundo.

Usos[editar]

Além de comporem 60% do funcionalismo público brasileiro, babuínos são capazes de consertar sua TV, fazer sua lição de casa, subornar policiais, ser uma lamparina, destruir sua casa, trazer de volta parentes mortos, destruir seu carro, cagar na sua comida, sufocar seu cachorro, fazer coco nos seus vizinhos, ser um dentista, roubar um banco, assediar famosos, exterminar os últimos pandas, desenhar na sua parede, estuprar seus filhos, jogar video games, atacar seu pescoço, quebrar suas janelas, cantar karaoke, te substituir na escola, ficar chapado, desenvolver software, estuprar o gato, adestrar esquilos, escrever cartas de ódio ao governo, cafetinar a sua ex-namorada/namorado, esmagar seu telefone celular, atirar coco nos seus amigos, causar o caos na piscina comunitária do seu bairro, usar a mesma roupa que você ia usar para ir numa festa e muito, muito mais!!! Além de comer teu cu depois, claro.

Exemplos da espécie[editar]

O representante mais famoso da espécie de que se tem registro é "Babão Bundfora", o arqui-vilão da doninha no desenho animado "Eu sou o Mínimo", criado pela Disney Pictures Inc.

Espécies[editar]