Belgorod (óblast)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Belgorod(em russo, Бeлгopoд), o berço do proletariado russo como o conhecemos.

História[editar]

Operários promovendo algum tipo de baderna. Atitude estimulada em Belgorod.

Belgorod durante a época antiga foi uma extensão do grandioso Império Austro-Húngaro-Iugoslavo e sua capital era Nova Belgrado.

Durante a formação do Império Russo, a região foi conquistada a custo de muita guerra, os sérvios são bons de briga, Nova Belgrado venho a se tornar território apenas no inverno quando Ivan, o Terrível, em tática brilhante embargou os casacos produzidos no Casaquistão e os sérvios com o tempo se retiraram de Nova Belgrado de frio, enquanto os russos já eram adaptados ao clima hostil. Como Nova Belgrado não soava legal mudaram o nome do estado para Belgorod, em homenagem às cervejas belgas, baratas na região.

Como durante a época antiga, escravos eram algo normal, a Russia tratou de separar o território de Belgorod para fundar a maior senzala do mundo, assim como pior, pois o frio era terrível.

Por causa de uma certa Isabel que baniu a escravatura, Belgorod perdeu importância para a Russia, a região porém, refloresceu durante a reforma de Catarina II que imaginou que se escravos eram proibidos, a solução seria instalar em Belgorod um proletariado oprimido e aproveitando de todo o aparato que Belgorod guardava da época da escravidão.

Os operários de Belgorod trabalhavam 30 dias por mês, 15 horas por dia escavando gelo, construindo ferrovias, ou prédios monumentais e recebiam Rb$ 3,67 rublos por ano.

O quadro do estado belgorodo mudou quando seu herói nacional, Karl Marx pisou em Belgorod. Ele vendeu seus livros mostrando como a vida da burguesia era mansa, a massa operária de Belgorod convocou seus irmão armados de martelos e foices e em 1917 viraram a Russia de cabeça para baixo matando os burgueses e governantes e conquistando assim a Russia e fundando a União Soviética.

Etnia[editar]

Povoada ainda por algum resquício de sérvios e belgas, a etnia predominante em Belgorod são os russos amantes do vermelho com um martelo numa mão e uma foice em outra.

A população de Belgorod preza o trabalho e odeiam os vagabundos dos brasileiros. Todos trabalham para o governo do estado belgorodês.

Economia[editar]

Belgorod é o único lugar no mundo onde operários ganham mais que os intelectuais. Esse fenômeno causou o chamado Inflação do Excesso de Trabalho, onde toda a população trabalha em produção e então acontecem coisas malucas, surreais, mentirosas, impossíveis e máximas descritas em O Capital, a bíblia Belgorodia.