Bian de Cavalo Marinho

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa


MontyPython.jpg UNCLEFUCKER!!

Este artigo contém humor canadense, eh? Seu autor é um lenhador que vive em uma floresta de pinheiros. Se você vandalizar, a Polícia Montada e o Toronto Maple Leafs irão atrás de você!


Montfortpoulpe.jpeg Este artigo é aquático!

E é especialista em natação. Se você vandalizar, ele te joga uma tsunami, então cuidado com os tubarões e não leia sem usar uma máscara de oxigênio.


Bian

BianX.jpg

Classificação Marina
Cavaleiro
Deus a que serve Poseidon
Armadura Cavalo Marinho
Golpes Assopro Divino (God Breath)
Ventos de Furacão (Rising Billows)
Perfil
Nacionalidade Bandeira do Canadá Canadá
Local de Treinamento Templo Submarino
Nascimento 17 de maio (Touro)
Frase Favorita Cquote1.png Você não é páreo para mim! Cquote2.png


Cquote1.png Você quis dizer: Plágio do Misty de Lagarto? Cquote2.png
Google sobre Bian de Cavalo Marinho
Cquote1.png Experimente também: Misty de Lagarto Cquote2.png
Sugestão do Google para Bian de Cavalo Marinho
Cquote1.png Meu sósia, só que eu o matei morreu! Cquote2.png
C&A de Pégasus sobre Bian de Cavalo Marinho
Cquote1.png Se não fosse por nós, ele teria vencido. Cquote2.png
Cavaleiros de Ouro sobre Bian de Cavalo Marinho
Cquote1.png Meu melhor pupilo! Cquote2.png
Misty de Lagarto sobre Bian de Cavalo Marinho
Cquote1.png Meu mestre! Cquote2.png
Bian de Cavalo Marinho sobre o comentário acima
Cquote1.png Cavalo! Cquote2.png
Bozena sobre Bian da Cavalo Marinho
Cquote1.png Oi! Eu sou o Goku! Não, pera... Cquote2.png
Bian lendo o texto errado

História[editar]

Bian de Cavalo Marinho é um dos Sete Generais Marinas (que são os mais fortes dentre os cavaleiros do Templo Subaquático) do Imperador dos Mares, Poseidon, pertencente ao anime yaoi Cavaleiros do Zodíaco. Foi agraciado com a "poderosa" (tão poderosa e resistente quanto um fio de cobre) Escama de Cavalo Marinho e ficou sendo o protetor do "indestrutível" Pilar do Pacífico Norte (um termo que é muito controverso nesse anime, já que tudo que eles dizem ser indestrutível acaba em ruínas ao primeiro golpe desferido por qualquer um).

A Escama de Cavalo Marinho, plágio da Sagrada Armadura de Pégasus.

Não se sabe muito sobre o seu passado, mas devido as suas técnicas plagiadas muito idênticas a de Misty de Lagarto além do fato de ser tão afrescalhado quanto o mesmo Cavaleiro de Prata, acredita-se que tenham tido um caso no passado sido mestre (Misty) e discípulo (Bian) em algum lugar de um passado não muito distante. Bian provavelmente tinha o objetivo de ser um Cavaleiro de Athena (talvez um de Prata, ou de "ferro velho", como o seu suposto mestre), mas os deuses reservavam um outro destino para ele, colocando-o como um dos subordinados do Imperador das Águas (e que nada tem haver com Iemanjá).

Escolhido como um Cavaleiro de Poseidon, mas que na verdade nem foi pelo próprio Imperador que a escolha foi feita, mas sim pelo seu, no momento, "representante", Kanon de Gêmeos Dragão Marinho (que controlava o Imperador à distancia, através do Satã Imperial), foi nomeado General Marina pela falta de um outro cavaleiro mais forte para ocupar o cargo. E Bian, até o final, tentou cumprir bem a sua função de proteger o seu obelisco que segurava o Oceano do Pacífico Norte, até aquele fatídico encontro sexual com os Cavaleiros de Athena (principalmente UM em potencial).

Saga de Poseidon[editar]

Bian, o Garanhão Canadense.

Tendo o conhecimento da chegada dos Cavaleiros de Athena, que a vieram resgatar das mãos de Poseidon, e que estava trancafiada no Pilar Principal do Templo de Poseidon, Bian de Cavalo Marinho resolveu ir em direção ao seu pilar, para esperar os "valente e corajosos" cavaleiros que o enfrentariam, afim de tentar derrubar o monumento. Tétis de Sereia tentava distrair os Cavaleiros que acabavam de chegar do buraco escuro aberto em Asgard, mas como ela é tão inútil fraca, resolveram colocar alguém do mesmo nível dela para enfrentá-la, o pequeno e mais inútil ainda Kiki. Com isso, os cavaleiros seguem para os sete pilares.

A poderosa Barreira de Purpurina Invisível.

Claro que a luta do enconsto Seiya de Pégasus tinha que ser a primeira (quem sabe assim ele morre mais rápido na saga). Aproximando-se do primeiro pilar, e não vendo ninguém, resolve destruí-lo com o seu "foderoso" (mais uma palavra relativa nesse anime) Meteoro de Cágados Pégasus, mas com esse golpe o pilar só faz rir pra ele, pois precisa muito mais do que isso para derrubá-lo, já que é feito mais do que simplesmente cimento e tijolos, mas também com (muito amor do imperador Poseidon) um pouquinho do cosmo do Imperador dos Mares, para deixá-lo ainda mais resistente, tanto quanto as Escamas Sagradas dos poderosos Generais Marinas. De repente aparece o Guerreiro protetor do Pacífico Norte, Bian de Cavalo Marinho.

Depois de todas aquelas apresentações de praxe, Seiya resolve lutar com Bian, lançando contra o cavaleiro o seu (sempre o mesmo) golpe. Bian simplesmente nem se mexe, o que faz com que os ataques de Pégasus sejam todos detidos por uma barreira invisível que envolve o General de Cavalo Marinho. Com a impressão de ter tido um deja vú (mas não sabendo de onde já havia visto aquilo), Seiya se distrai e é atacado pelo ataque Ventos de Furacão de Bian, e acaba de cara no chão. Mesmo com esse golpe (e com mais alguns que rolaram), Seiya se levanta mais umas porrilhésimas vezes, mas não morre (como de costume). Vendo que o cara ainda resiste (ele ainda não viu nada), Bian utilizada do seu mais foderoso ataque, o arroto Assopro Divino, jogando Seiya para o alto e além, fazendo-o alcançar a superfície.

A derrota do Cavalo Marinho[editar]

Cquote1.png Morra C&A... Ventos de Furacão! Cquote2.png
Bian para Seiya de Pégasus, antes de conhecer o encosto

Na superfície, Seiya percebe que seus golpes são inúteis contra Bian e não sabe o que fazer para derrotá-lo, pois, mesmo que antes tenha reconhecido que o poder dele não era igual a de um Cavaleiro de Ouro, acabou mudando de ideia depois, tinha que reconhecer que o sua derrota estava sendo humilhante. Nesse momento, a Armadura de Jumenta Voadora Págasus começa a brilhar como um pisca-pisca de Natal (porque, para consertá-las, foi necessária a merda o sangue dos Cavaleiros de Ouro) e, num passe de mágica, ele tem uma ideia de como derrotar o General Marina, baseado em um ataque que ele já havia visto a um bom tempo (ou não).

Cquote1.png No final... nós venceremos ... arg... Cquote2.png
Bian de Cavalo Marinho e suas últimas palavras

Já se vangloriando por derrotar o primeiro cavaleiro de Athena, Bian já comemora a vitória. Nesse momento, um ki Chakra soma cosmo corta o seu do local onde ele está e cai bem perto dele. Dessa cratera que aparece, surge Seiya. Admirado com o retorno dele (só ele pra ficar admirado), acaba recebendo o ataque dos meteoros, só que dessa vez os ataques surtem efeito em Cavalo Marinho. Indagando-o de como foi que ele conseguiu isso, Bian se surpreende ao saber que Seiya já havia lutado (e comido derrotado) o seu possível mestre Misty de Lagarto, que possuia o mesmíssimo ataque (por isso ele já sabia como atravessar a barreira).

Muito puto da vida, Bian o ataca com o seu Ventos de Furacão, mas acaba que Seiya nem sente nada do ataque, pois "Um golpe não funciona duas vezes contra um cavaleiro". Com mais medo ainda, Bian utiliza-se do seu poderoso arroto Assopro, mas o mesmo golpe também é falho (já que Seiya o havia sentido em seu corpo uma vez). Com isso a armadura de Pégasus mostrar o seu brilho dourado e super fashion, recebido dos Ouríves do Santuário, sentindo-se mais confiante, Seiya ataca Bian com o seu cometa de Pégasus. Agora sim, Bian acaba tendo a sua Escama completamente destruída (apesar dela ser "indestrutível") e acaba morrendo, mas não sem dizer que no final, ELES é que venceriam (ou não).

Golpes[editar]

O ataque de Bian, bolinhas de sabão, medo!

Bian conta exatamente com três poderes, sendo dois de ataques e um de defesa, são eles:

  • Barreira Invisível- Ok, não é esse o nome, pois no anime ele não cita nome nenhum para o golpe, então vai esse de consolo. Aqui, Bian faz alguns gestos de maõs (que nem aqueles mímicos de rua) e constroi uma parede invisível, que bloqueia qualquer ataque. Porém tal golpe não chega nem perto da incrível Muralha de Cristal de Mu de Áries.
  • Ventos de Furacão- Bian solta várias bolinhas de sabão um forte e nada discreto golpe que gera ventos que chegam a mais de 200 km/h.
  • Assopro Divino- O golpe mais forte de Bian, que faz o inimigo parar nas alturas, sendo que poucos conseguem voltar para o Templo de Poseidon depois desse ataque.

Ver também[editar]



PoR-Death.gif
Bian de Cavalo Marinho já morreu!

Foi enfrentar madeireiras na Amazônia...

Clique aqui pra ver quem te espera no inferno


Cavaleirospredef2.jpg