Boa Esperança (Espírito Santo)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
BandeiraES.JPG Este artigo é CAPIXABA!

Ele só aparece na televisão quando acontece tragédia, tem o pulmão preto de tanto pó de minério, torce pra time carioca e passeia na Vitória-Minas. Apesar disso, é trabalhador gente-fina, ao contrário dos seus primos sulistas.

Nós não vivemos apenas de Roberto Carlos.

Gnome-searchtool blue.png Boa Esperança (Espírito Santo) é uma pequena cidade desconhecida.
Você pode estar perdendo seu tempo à-toa ao ler sobre essa joça.
Judas perdeu as botas aqui.

Sciences de la terre.svg.png
Wikisplode.gif
Para aqueles sem senso de humor, os espertalhões da Wikipédia têm um artigo (pouco confiável) sobre: Boa Esperança (Espírito Santo).
Night creature.JPG Boa Esperança (Espírito Santo) surgiu das trevas!!

Vamos mergulhar o mundo nas trevas!!

Puro osso.gif
10413.gif

Boa Esperança (Espírito Santo) fez pacto com o CAPETA!
Então é melhor nem se meter com esse artigo, senão o capeta vai atrás de VOCÊ!!!



Cquote1.png Você quis dizer: Ghost, do Outro Lado da Vida? Cquote2.png
Google sobre Boa Esperança
Cquote1.png Você quis dizer: Quinto dos infernos? Cquote2.png
Google sobre Boa Esperança
Cquote1.png Esta cidade non-ecziste! Cquote2.png
Padre Quevedo sobre Boa Esperança
Cquote1.png Não me lembro de ter criado essa merda de cidade Cquote2.png
Deus sobre Boa Esperança
Cquote1.png Adoro o clima de lá Cquote2.png
Satanás sobre Boa Esperança
Cquote1.png Ah, aquela entrada para a Ilha de Lost? Cquote2.png
Morador de outra cidade sobre Boa Esperança
Cquote1.png A cidade que teve o mesmo prefeito desde a criação do Universo Cquote2.png
Guiness Book sobre Boa Esperança
Cquote1.png Só vi gente feia lá Cquote2.png
Venecianos sobre Boa Esperança
Cquote1.png Tem mais puta e viado que aqui! Cquote2.png
Pinheirense sobre Boa Esperança
Cquote1.png Se já tivesse asfalto do Boa Esperança pra cá, não ficaria uma viva alma lá nos fins de semana! Cquote2.png
Mateense sobre Boa Esperança
Cquote1.png Achei minhas botas la Cquote2.png
Judas sobre Boa Esperança
Cquote1.png Que cidade Feia! Cquote2.png
Morador de Sobradinho sobre Boa Esperança
Cquote1.png Eu nasci lá mas não admito Cquote2.png
Gabriel Gava sobre Boa Esperança
Cquote1.png Ai meu cu! Cquote2.png
Dercy Gonçalves sobre Boa Esperança


Nascida de uma pequena sesmaria de 72 alqueires de terra, Boa Esperança é um município insignificante localizado no norte do Espírito Santo. Desde a mais tenra idade, os esperancenses já se acostumam, nas aulas de Geografia, com a ideia de que não é possível localizar a cidade em nenhum mapa. Muitos acreditam, inclusive, que Boa Esperança seja na verdade um portal dimensional secreto para a misteriosa ilha de Lost... Constituída basicamente por uma única avenida principal, a cidade de Boa Esperança já não é o pacato vilarejo de outrora. Semanalmente há registros de algum assalto ou roubo.

Uma acolhedora placa recepciona os vistantes de Boa Esperança


Política[editar]

Basicamente a história política de Boa Esperança se resume ao monopólio estabelecido por algumas famílias, tanto que na administração atual dois dos poderes estão nas mãos da mesma família, o poder executivo e o legislativo, desde os primórdios da criação da raça humana. Essas famílias, as quais não daremos nomes para não sermos perseguidos e queimados em praça pública, controlam o poder central da cidade e administram os bancos, empresas locais, estão infiltrados na política e nas forças armadas, controlam a mídia, o sistema educacional e até mesmo a religião. Muitos, inclusive, estão envolvidos em poderosas ordens secretas, utilizando-se de técnicas espirituais de manipulação em massa.

Clima[editar]

O clima de Boa Esperança oscila entre agradáveis 55 graus no inverno a 88 graus no verão, fazendo assim um excelente resort para aqueles que pretendem passar uma temporada no inferno (¬¬).

População[editar]

A população esperancense é formada por crianças, adolescentes e adultos em fase geriátrica inicial ou avançada, haja vista que aqueles que completam o Ensino Médio e não pretendem freqüentar a Multivix (antiga Univen) fazem as malas e vão para destinos que variam entre Inglaterra, França, Espanha ou Itália, onde realizam todo tipo de trabalho escravo, tais como faxina, restaurante ou mesmo prestando serviços sexuais. Geralmente, estes batalhadores esperancenses retornam a terra de origem após alguns anos de trabalho (quando não são deportados), exibindo todo o poder financeiro obtido na sua jornada pela Europa, através de carros de luxo e orgias regadas a muito sexo, drogas e música caipira ou axé music, ou, na maioria das vezes, mais pobres do que saíram. Passados alguns meses, não conseguindo manter todo o status de poderio financeiro, tentam regressar a Europa, rezando para que a imigração de lá não repare o símbolo de Boa Esperança tatuado em seus passaportes. por ser uma cidade pequena, o auto indice de fofoca é constante, quando tem ascidente todos vão para frente do hospital rapidamentea cidade inteira sabe oque aconteceu.

Existem mais ou menos 13.119 habitantes em Boa Esperança, dos quais:

  • 4.724 são evangélicos fundamentalistas;
  • 3.456 são professores semi-analfabetos;
  • 2.365 são ladrões aba-retas usuários de crack;
  • 1.987 são funcionários da prefeitura;
  • 369 são estupradores;
  • 218 são pastores evangélicos.

Emprego & Serviço[editar]

Aos heróis da resistência local, aqueles que não querem buscar uma nova vida do outro lado do Atlântico, Boa Esperança oferece quatro opções de emprego: a prefeitura, o comércio, a escola e o tráfico.

Em casos que o cidadão não seja parente do prefeito ou tenha aliança pactuada com o sobrenome das já citadas famílias, as chances de encontrar um emprego chegam a quase zero porcento.

Tendo a prefeitura e o comércio descartados, resta apenas o sistema educacional (o Estadual, já que o Municipal está nas mãos dos Senhores do Destino). Atualmente o número de professores excede o número de alunos.

Boa Esperança tem cerca 40 empregados da prefeitura , onde 41 são da familia do prefeito.

Eis uma Boa Esperança.

Demografia[editar]

Atualmente, esse abismo dimensional situado no ânus da Via Láctea conta com uma população de 13.119 habitantes, segundo dados altamente não-confiáveis do IBGE, sendo que deste total, 7.666 estão na Europa se prostituindo ou limpando chão, 3.169 estão morcegando numa das trocentas lan-houses igrejas da cidade e o resto está atuando como figurantes do seriado LostThe Walking Dead.

Religião[editar]

Boa Esperança é conhecida também pelo fanatismo religioso. É possível encontrar uma “igreja” de fundo de quintal em qualquer garagem, pois esta é uma forma alternativa de ficar rico com pouco investimento (a outra forma, obviamente, é o tráfico de drogas e a prostituição na Europa).

Basicamente, existem dois segmentos religiosos majoritários em Boa Esperança. Primeiro, a facção evangélica fundamentalista extremista de esquerda, a qual tem como objetivo dominar a população através de constantes e persistentes lavagens cerebrais a todo e qualquer custo, promovendo eventos nos quais há prática de hipnose coletiva.

Povoados de mulheres-obreiras altamente peludas vestidas de saias longuíssimas (as quais são usadas para disfarçar o fogo que ali embaixo se esconde), esses ambientes são liderados por pseudo-pastores, os quais quando não estão “pregando”, estão “pegando” as fiéis. Geralmente essas servas celestiais adoram ir aos cultos para exibirem o vestidinho recém adquirido numa das agro-butiques da cidade ou mesmo para vender produtos da Avon e da Jequiti.

A segunda facção, composta pelos católicos carismáticos chatolinos de direita, não representa uma ameaça ao evangélicos fundamentalistas, mas ainda assim são chatos pra caralho, já que adoram “canonizar” os indígenas esperancenses, convencendo-os a venerar divindades como os padres Marcelo Rossi e Fábio de Melo.

Recentemente, um pequeno grupo de ateus surgiu via Facebook, composto basicamente por pós-adolescentes fracassados que postam asneiras ateístas 24 horas apenas para demonstrar sua pseudo-rebeldia e encher a porra do saco de todos que têm a infelicidade de tê-los como amigos na rede social citada.

Atrações[editar]

O município reserva grandes atrações, como a Praça Central, a qual não possui sequer um único banco para se sentar tem bancos cobertos de fezes frescas de pássaros. Esses assentos foram patrocinados pelo comércio local (já que a prefeitura não tem arrecadação suficiente para pagar qualquer coisa que não seja salários dos funcionários públicos e apadrinhados do prefeito).

Esta maravilhosa praça possui ainda um palco no qual pretende-se queimar qualquer cidadão incauto que se atreva a criticar a cidade, mistério que inclusive foi relatado pelo Discovery Channel no programa “Mistérios das Civilizações Perdidas”, exibido em março de 2008.

Outras atrações são as lanchonetes locais, nas quais é possível realizar um lanche e saber da vida alheia em tempo recorde, além de trocar fotos de senhoras casadas de meia-idade semi-nuas pelo Whatsapp.

A cidade já foi conhecida também pela expressiva quantidade de lan-houses, cerca de duas por avenida. Em algumas, inclusive, era possível ver fotos e acessar e-mails quando havia internet disponível. Esses ambientes eram, em sua maioria, frequentados por pré-adolescentes, adolescentes e pós-adolescentes sem quaisquer perspectivas de futuro, os quais num ato de total desespero, ofereciam suas almas a uma entidade online chamada Dota. Atualmente, o número de lan-houses caiu drasticamente, pois ganha-se muito mais dinheiro abrindo-se uma dessas franquias de igrejas evangélicas neo-pentecostais.