Bom Jardim de Minas

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Cquote1.png Você quis dizer: Pelotas Cquote2.png
Google sobre Bom Jardim de Minas
Cquote1.png Você quis dizer: Arco íris Cquote2.png
Google sobre Bom Jardim de Minas
Cquote1.png Você quis dizer: Aonde fica o pote de ouro Cquote2.png
Google sobre Bom Jardim de Minas

Bom Jardim de Minas Lugar feliz
GayViadagem.gif
Bandeira
"Homofobia é crimeeee"
Hino "YMCA","It's Raining Men, aleluia!!", "Macho Man"
Local Minas Gerais do Pau Pão de Queijo
Idioma Mixugays, portugays (minoria)
Geografia
Clima Quente típico para uma azaração (gay)
Locais de Referencia Paradas GAYS, carnaval GAYS, e outras festas GAYS
Economia Baseada na cultura de Seringueiras (tirar leite do pau)
Produtos Exportados uiiiii
Política
Governo
Nuvola apps core.png
Totalmente Liberal
Atual Prefeito
Nuvola apps core.png
Uiii
Vice-Prefeito
Nuvola apps core.png
Aiiiiii
Mídia
Cidadãos Ilustres
Crystal Clear action bookmark.svg.png
Clodovil, Lacráia, Ney Mato Grosso, Ney Mato Grosso do Sul e Você
Esporte Símbolo
Santo Local do pau duro oco


Bom Jardim de Minas mas pode ser chamada de Bom Jardim do RJ, pois aqui a população adora tudo que vem do Rio. É uma cidade orgulhosa, por ser a primeira da região a realizar A Parada GAY. Uma cidade mara, cercada por uma floresta mágica, e seu jardim encantando, que empresta nome a cidade.

Foi afundada em, não sei quando, (ninguém deixou nada escrito), só não é uma ilha por que não é cercado de água por todos os lados, porém de cima abaixo, desce água com vontade e de baixo pra cima sobe um frio que só quem está por aqui conhece. Bom Jardim de Minas é mais um rombo no orçamento brasileiro, do estado de Minas Gerais. Sua população estimada em 2004 era de 6.852 habitantes e a previsão é de que em 2024, mais precisamente se resuma a apenas dois habitantes.

Localiza-se na Zona, do Estado, cuja capital é o Taboão (um buraco pouco menor, ainda não domesticado).

Cidadão típico!

História[editar]

Além do arco-íris, há um jardim com lindas flores aonde todos eram felizes. Criaturas mágicas como fadas, otakus, e emos reinam. E todos viviam em paz e harmonia, respeitando suas diferenças. Um dia este reino encantado se emancipou, e recebeu o nome de Bom Jardim... Sim a cidade era e é um paraíso liberal, aonde tudo é permitido e incentivado! A cidade cresceu sem se esquecer de seu passado. Aqui aconteceram milhares de historias que inspiraram o filme dos cowboys viados homossexuais. A cidade também apresenta uma minoria heterosexual [carece de fontes]


Era uma fazenda, hoje é uma roça, e recebeu a denominação de "Fazenda Bom Jardim", a origem do nome da cidade, devido a um belo e bem cuidado jardim que havia na horta da fazenda, jardim esse com flores sem vergonha e sem beleza. Nas proximidades desta fazenda começaram a surgir pequenas ocas e, logo, formou-se a Freguesia do "Bom Jardim", pois nesta época foram chegando também os portugueses (justos portugueses, imagina como está hoje, o resultado desta aberração) para explorar ouro (tinha que ser portugûes mesmo) no Rio que era Grande.

Quando Mané e seu compatrício, Totonho, viram o desenvolvimento(?) da Freguesia, resolveram fazer uma pequena capela no terreiro da Fazenda Bom Jardim, onde praticavam orações, despachos, batiam um tambor bem legal. Ao terminar a capela, em 1770 (Data impressa no altar-mor da velha matriz), não sei se é certo, por que ninguém vê essa data, e o piro era escrita de caneta BIC, será que existia na época?. Totonho pediu a seu sócio para aumentar o terreiro, já que tinha muita gente procurando e faltava espaço, pois era regra todo mundo de vestido branco e bem rodado.

Em 12 de fevereiro de 1892, Totonho e sua esposa D. Sinhana doaram todo o seu patrimônio em terras á Igreja, que hoje não tem mais nada, nem terra nem dinheiro e vive numa pedição que ninguém mais aguenta.

Como detalhe, o cemitério da cidade está localizado na parte mais alta da cidade.

Auguste de Saint-Hilaire fala em seu livro "Viagem pela região do Rio Grande", capítulo 5, página 57, chegando nas proximidades do Arraial do Bom Jardim, em 1819, expressou: "Em meio aos morros nus e desertos que se apresentavam diante de meus olhos quando saí da mata, deparei com a Capela de Bom Jardim do Turvo, construída no alto da colina, quebrava um pouco a monotonia da paisagem" e continua assim até hoje.

Administração[editar]

Continua sem porra nenhuma.

Legislativo[editar]

Venha ouvir ou assistir uma reunião qualquer e tire suas próprias conclusões. Certamente vai ficar assustado. O lugar para trocar nome de rua e de escola o último carteiro pediu demissão é serio tem rua que possui dois nomes a do papel e popular se não ninguem acha e apontam com o dedo é tudo ali!

Além disso, Bom Jardim se orgulha de ter a Câmara municipal mais inútil do estado, e a primiera da existencia humana presidida por uma múmia analfabeta.

Educação[editar]

A primeira escola pública de Bom Jardim foi inaugurada no dia 10 de novembro de 1864, pelo professor Maximiano Lopes Pereira. Ele havia sido nomeado pelo Governo da Província, era Português (olha o resultado...), natural de Beira Alta e tinha 54 anos de idade. Chegou aqui em 8 de novembro de 1864, e foi embora em maio de 1869. Nesta época chamava-se Escolas Reunidas e era até o 3º primário. A primeira autoridade escolar do município foi o capitão Zótico Marcelino de Carvalho, nomeado pela designação de Delegado Literário da freguesia de Bom Jardim do Turvo por portaria assinada pelo inspetor Geral da Instrução Pública da Província de Minas Gerais em Ouro Preto pelo Sr. João Nepomuceno Eubitschek, em 4 de dezembro de 1884. Foi empossado pelo Inspetor Literário do Município do Turvo (Hoje, cidade de Andrelândia), Dr. M.A.do Nascimento Feitosa. Em 23 de junho de 1913, foi instalada a Escola do Sexo Feminino de Bom Jardim do Turvo, regida pela professora Celina Ester Mello, que prestou seus serviços como educadora em nosso arraial até 1914. Até hoje muito pouco mudou.

Atuais escolas da cidade[editar]

  • Escola Municipal Balão Mágico (infantil) - por enquanto, por que a moda é fechar escola.
  • Escola Municipal Taboão(zona rural) - por enquanto, por que a moda é fechar escola.
  • Escola Municipal São Sebastião(Zona Rural) - por enquanto, por que a moda é fechar escola.
  • Escola Estadual Monsenhor Nardy (Ensino fundamental de 1º à 4º série) - por enquanto, por que a moda é fechar escola.
  • Escola Estadual Nossa Senhora Aparecida (Fundamental de 5º à 8º série e Ensino Médio 2º grau, o curso de magistério acabou, é a educação tá danada aqui nessa cidade, tem uma penca de escola, + é um bando d 100ops!vem nessa escola aqui só pro cê ve tem aluno pegando na porrada todo dia o motivo ainda num se sabe, mais já já cai video no youtube exxplicando....) - por enquanto, por que a moda é fechar escola.
  • Escola Técnica de 2º grau - Bom Jardim de Minas (Cursos Técnicos de Contabilidade e de Enfermagem) - por enquanto, por que a moda é fechar escola.
  • Faculdade de Administração de Empresa e Letras(ULBRA )Universidade Luterana do Brasil?? Faliu.
  • Faculdade UNIPAC - Fechada por falta de aluno
  • TELECURSO 2000 - Tava no ameaço de fechar a qualquer momento e foi a primeira obra da atual falta de administração 2009-2012, também quem não estudou vai precisar de escola pra quê? O negócio é fazer festa... Nem precisa ser bem feita, por que no final o disacurso é sempre o mesmo: "A prefeitura tá enfrentando uma crise danada, estamos reduzindo os gastos... É a crise..." Apenas para completar a crise é moral. E também é tudo dos anos 2000.
  • Escola Antonio Miguel - Capoeira Grande - Fechada pra balanço?
  • Escola do Morangal - Fechada pra balanço?
  • Escola do Rio do Peixe - Fechada pra balanço?
  • Escola Debaixo da Serra - Fechada pra balanço?

Atrativos Turísticos[editar]

  • Buracos Grutas e Picos: Caverna das Pitangueiras. Serra da Bandeira, Serra da Mira (altitude: 1.500 m.), Serra do Cruz (Se for conhecer cuidado com as onças)(altitude: 1.650 metros) e Serra dos Gerais (geralmente não tem nada de especial)(altitude: 1.250 metros.)
  • Cachoeiras e Corredeiras: cachoeira do Pacau (pertence a Santa Rita do Jacutinga, eita mania de pegar o que é dos outros), cachoeira do Presépio (Taboão), cachoeira dos Dois Córregos (imagina o tamanho, 2 córregos juntos pra não formar nada.), corredeira do Rio Grande Começa em cocaínaBocaina e termina não sei onde), cachoeira das Três Quedas, cachoeira das Pitangueiras, cachoeira Véu da Noiva (é a mesma Cachoeira do Pacau e continua pertencendo a Santa Rita do SapucaíJacutinga, eita mania de pegar o que é dos outros), cachoeira do Imbutaia, cachoeira da Mandioca, cachoeira da Fumaça (Incrível, mas é de água mesmo sem pegar fogo.)

Locais Pitorescos[editar]

  • Toca do bichinho - (Várias piscinas naturais, pra ser mais exato 1 e meia), local o pessoal vai no dia seguinte às festas curar a ressaca de ypitocaypioca com coca-cola ou 88 e fumar um de leve se refrescar nas cristalinas, e segundo reza a lenda medicinais, águas do lugar. Ótimo lugar para se fazer caminhadas ecológicas naturalistas, onde você pode andar descalço e pelado e ter a oportunidade de cortar o pé em cacos de vidro históricos (isto mesmo, cacos de vidro das décadas de 30, 40 e outras) e também nos jogados recentemente por lá. Em épocas mais remotas é muito usado como "motel", lugar para se levar a namorada ou "amiga colorida". Na última piscina há também um paredão de pedra com "um monte de coisa retardada escrita", lindas assinaturas também históricas de pessoas cheias de erva ou álKohlcool na cabeça, felizes por estarem em um lugar tão privilegiado pela natureza.


  • Dois Córregos - (Ideal para pesca e acampamento, não esqueça da barraca e do peixe)
  • Recanto das Trutas - (Pesque e Pague, pague mais do pesque)- Fechado pra balanço também
  • Parque das Trutas - (Pesque e Pague, pague mais do pesque)Isso quando tem peixe. A desculpa é sempre a mesma: Não tô dano conta de atender os pedidos... HelOOOOO???? é hora de expandir os negócios e aumentar a produção. é pra parar de criar barriga azeda e dar ração pros bichos que dão lucro... Dica: Conheça o SEBRAE- Fechado pra balanço também
  • Taberna das Gerais - (Restaurante e lazer) Fechado pra balanço também
  • Rancho Mineiro - (Restaurante típico mineiro)- ainda no município de Arantina. Esse é bom mesmo.
  • Bom Jardim de Minas - está inserida no "Circuito Turístico das Montanhas Mágicas da Mantiqueira", onde participam as seguintes cidades: Aiuruoca, Andrelândia, Arantina, Baependi, Carvalhos, Cruzília, Liberdade, Minduri, São Vicente de Minas, Seritinga e Serranos. Este circuito tem 280 km. e conta com aproximadamente 86.000 habitantes.

Culinária[editar]

Seguindo a história da sua formação e do seu povo, a culinária da cidade é predominantemente mineira, predominando o trivial simples como: arroz, feijão, angú, couve e torresmo ou queijo. O bonjardinense também não dispensa uma boa feijoada ou frango com quiabo e angú.

Não podemos de deixar de comentar que Bom Jardim de Minas é terra de grandes músicos, Susan Boyle, nasceu aqui e foi extraditada pra Suécia, depois da copa de 50. cantor popular Wando outra mentira, e a Corporação Musical União Bonjardinense, que foi resgatada por um grupo de baderneiros no ano de 1997.

Festas Religiosas[editar]

As principais manifestações religiosas e social da cidade são as seguintes: Festa de agosto, já em fase terminal, ocorre na comemoração ao Padroeiro da cidade, o Glorioso Senhor Bom Jesus do Matozinhos.

Festa de maio esse ano foi em junho (2009) comemora Nossa Senhora Aparecida e São Benedito, é também uma maravilhosa festa na cidade. A Festa do Taboão comemora o padroeiro do distrito que é São Sebastião. A Semana Santa, que também já não tem mais, só tem a semana de domingo a domingo e pronto, onde a paixão e morte de Nosso Senhor Jesus Cristo era toda encenada ao vivo por supostos atores da própria comunidade, e os devotos se reúnem na praça da igreja onde ficam profundamente emocionados diante de magnífica apresentação.

Tanto a festa de agosto do Senhor Bom Jesus do Matozinhos, a Festa de maio, a Semana Santa, ou a festa de São Sebastião (no distrito de Taboão) envolve uma série de eventos, como o leilão de gado, pedição de esmola, leilão com prendas doadas pelos fiéis das comunidades, e a tradicional alvorada musical nas ruas, sempre animadas com foguetes e bandas músicais da cidade e região. Estas alvoradas são realizadas pela Igreja Universal madrugada na intenção de acordar o povo com bastante alegria e euforia para as festas que estão sendo realizadas. As festas também possuem uma extensa programação social e religiosa, contando com missa e procissão pelas principais ruas da cidade e distrito, sendo estas sempre acompanhadas por banda de música e queima de fogos e põe queima de dinheiro, digo fogos nisso, de artifícios e muitas barracas de camelôs pela cidade onde se vendem de tudo do Paraguai e China (Comércios exterior, somos fera nisso.).

Datas das Festas Religiosas:[editar]

  • Festa de Maio: Último final semana do mês de maio. ou em junho, conforme a cabeça do padre.
  • Festa de Agosto: Inicia-se na segunda sexta-feira do mês de agosto e termina no domingo, dia dos pais. Esclarecemos portanto, que apesar da festa de agosto ser em data móvel, a comemoração oficial do dia do Padroeiro da cidade é no dia 15 do mês de agosto, mas não há grandes festividades.
  • Festa do Taboão: Comemora-se no dia 20 de janeiro. Pode cair na segunda, terça, quarta enfim a festa é da comunidade e para comunidade e se você for turista será muito bem recebido apesar de não ter pousada e muito menos restaurante e chooove, um barro na estrada e quando menos você espera o carro agarra. Tem banda de música e depois animado forró. Bebado e molhado você dança sem saber, tem é que beber o povo que bebe cachaça a mulheres então (tudo de Bom Jardim mesmo) tira gosto é bala e quando volta se seu carro não agarra ele fica ilhado porque o rio inunda a ponte e ninguém vem nem vai. A festa de Julho no Tabuão é quase a mesma coisa é só trocar a chuva por poeira.
  • Semana Santa: Data móvel, segue o calendário religioso. Começa num domingo e termina do outro.
  • Carnaval - Após um período de declínio, eterno, diga-se de passagem, o carnaval de Bom Jardim de Minas vem se recuperando bastante nos últimos anos e já é considerado o melhor que o do Rio de Janeiro, onde os visitantes são recebidos de braços abertos pela população local. A festa atualmente é realizada no centro (aqui só tem centro, então mobiliza a cidade toda) da cidade (carnaval de rua) onde a festa é popular e accessível a toda a população, já que anteriormente era realizado no interior de clubes sociais, e este acesso era restrito, só entrando a população mais privilegiada..

Outro novo destaque do carnaval 2009 foi o excelente telão do Grupo Gíria de Volta Redonda, montado na pracinha, bonjardinense que adora aparecer estava lá no Show do Intervalo do telão. Quem apareceu, queria vender autógrafos. apresentando grandes novidades. Espero que o telão volte em outros carnavais.

  • Banda Puxa Saco, só toca quando o suposto prefeito é situação. Ou quando os musicos aguentam parar em pé um nome bastante sujestivo para banda seria Puxa Copo.

Energia elétrica[editar]

A luz elétrica ainda vai chegar com qualidade no Arraial de Bom Jardim, (hoje, se molhar o poste, é apagão geral) e no dia 15 de setembro de 1928 e no dia 23 de dezembro foi iluminado pela primeira vez o Morro da Igreja, justo onde fica o cemitério, sinal de inteligência einh?

Rádio e Televisão[editar]

Bom Jardim só conheceu o rádio em 21 de março de 1933, sendo este adquirido pelo comerciante sr. Gumercindo Gonçalves da Cunha, e a segunda pessoa também a adquirir um aparelho foi o português Sr. Joaquim Manoel de Macedo Manoel José Lopes. Aproxinadamente entre 1959/1960 foi adquido pela família do farmacêutico Sr. Aristeu Augusto de Mattos, o primeiro aparelho de televisão e nesta época não havia antena repetidora e o aparelho "pegava" apenas chuviscos e vultos, mesmo assim foi um sucesso fabuloso onde aguçava a curiosidade de toda a sociedade para conhecer a novidade. Em 1961, com apenas 16 anos de idade, com ainda criança, mas com conhecimentos em eletrônica, o jovem Waldecide Landim de Carvalho montou e colocou no ar uma estação clandestina de rádio com o nome de Agripina Ermengarda "Rádio Manda Brasa" em homenagem a Jovem Guarda da época. O principal objetivo desta estação de rádio era tentar conquistar o mundoutilizar da primeira "Cola eletrônica" que se tem notícia, pois o jovem estava mal de notas no ginásio, e sua dedicação á eletronica era tanta que mal tinha tempo para estudar para as provas finais e o recurso foi a "cola eletrônica". Esta rádio ficou pouco tempo no ar, pois por ser clandestina, foi logo interceptada pelo exército de Juiz de Fora que enviou um oficial a Bom Jardim com ordens expressas para fechar a estação e prender o radialista. O oficial ficou surpreso ao ver que em tal empreendimento só participava crianças, ficando limitado apenas ao sequestro dos equipamentos do rádio. Foi também nesta mesma época que o jovem Waldecide montou e instalou na cidade a primeira estação "repetidora" de televisão. E pouca coisa mudou, só que hoje quem domina é o Edir Macedo, já montou até igreja aqui.

Cinema[editar]

Fechado pra balanço desde 1954.

O primeiro cinema em Bom Jardim de Minas foi construído no início de 1928 e seu proprietário foi Honório Teixeira. Como a cidade ainda não tinha energia elétrica, utilizava-se um gerador a gasolina. Os primeiros filmes exibidos eram mudos, por este motivo, a casa de espetáculo era animada durante os filmes por um jazz-band. Em 1929 foi exibido o primeiro filme brasileiro falado e o primeiro desenho animado. Em 1948 foi inaugurado o "Cine Central" do português, Sr. Manoel José Lopes, e neste período os filmes já eram legendados e em 1950, também foi inaugurado o "Cine Teatro Matozinhos" de propriedade de Marques e Mattos e Cia. Em 1953, com a explosão do progresso em Bom Jardim de Minas, foi apresentado ao público desta cidade o primeiro filme colorido ou Techinicolor, e o seu título era "Mulher Satânica", com Maria Montez, Jon Hall e Sabu. Os panfletos eram muito bem feitos, na frente estampava a propaganda do filme e no verso o dia e hora da exibição, além do preço a ser cobrado pelo espetáculo. Para que o povo tomasse conhecimento, estes panfletos eram distribuidos nas residencias. Tem gente que guarda os panfletos até hoje, a espera da reabertura do cinema e na esperança de ganhar desconto no bilhete.


Correios A Agência Postal foi criada em 1879 e seu primeiro agente foi James Bond Sabino Tertuliano de Novais. Em agosto de 1950 foi inaugurado o "Correios e Telégrafos" na cidade e hoje já comunicamos por telepatiatambor e fumaça associados.

Jornalismo A imprensa escrita foi introduzida em Bom Jardim em 1907 com a publicação do Jornal "A Palavra", redigido pelo Sr. Luiz Sebastião de Souza, sendo na mesma época também criador do jornal "O Sonho". Em julho de 1938 Leybnitz de Assis redigiu o jornal "O Ipiranga", e Antonio Troufa fundou em 2 de julho de 1929 o jornal "O Cruzado'. Além destes, a cidade possuiu vários outros jornais, tais como: "O Sorriso" redigido pelo Sr.José Augusto da Rocha, "A Independência" em 1928, redigido pelos Srs. Anésio Carneiro Sobrinho e Antonio Peixoto Pereira. "O Satélite" em 1937, redigido pelo Sr. Honório Teixeira, "Jornal Renascer" em 1982 o "Jornal Bejotaminas" em 1987, e o mais atual " O Bonjardinense" em 2001.

Só pra lembrar, um jornal de grqande sucesso entre a população soa os boletins descendo a lenha nos que se dizem políticos bonjardinenses, que de políticos verdadeiros pouca coisa tem... Tem gente fazendo arruaça na gestão pública e os nosso amados boletins sumiram...

Hoje quem domina são os fofoqueiros de plantão, e olha que não são poucos, em média 09 por rua com no máximo 10 habitantes.

Corda Camelo Sumiu. Esta corda medindo 54 metros encontra-se no Acervo Cultural da Cidade e foi encontrada em 14 de outubro de 1971, durante uma reforma da antiga Igreja Matriz do Senhor Bom Jesus do Matozinhos edificada em 1856. Apesar dos seus 150 anos de existência, é perfeito o estado de conservação, pois, segundo o historiador do museu Mariano Procópio de Juiz de Fora, onde estão 12 metros da mesma os construtores antigamente colocavam os objetos sobre a areia para conservá-los. Foi publicado no "Jornal Diário da Tarde" de Juiz de Fora - MG. em 15 de março de 1974, página 04, descreve esta corda tratar-se de um "Camelo" que no evangelho de Marcos 10-25 Jesus ressaltou: é mais fácil passar o camelo pelo fundo de uma agulha do que entrar o rico no reino de Deus.

ATRAÇÕES TURÍSTICAS Nenhuma, tudo que é feito é destruído antes de ser inaugurado e tudo que é inaugurado já foi destruído, exemplo: Cristo no Morro do Caxambú (até o morro já tá condenado)

LOCAL PARA DORMIR O banco da praça, é meio duro, mas de graça... A coisa aqui tá feia que nem bandido se arrisca

FESTAS Parada Gay, na última tiveram três integrantes, parados. Advinha quem eram? Expo,mas pode chamar de Expagode ou Expo da panelinha ou Expo do 15, pois aqui quem manda são os organizadores da panela. Que são a turma do inho. ORGULHO DA CIDADE Ninguém tem orgulho de nada, é tudo gente muito simples

ROTEIRO TURÍSTICO RECOMENDADO Venha rápido, por já tá no finzinho.

NOVIDADES NO LUGAR Coca-Cola Espremedor de suco a mão Andar pra frente