Bom Jesus do Amparo

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Aqui você vê uma cidade, mas eu vejo um formigueiro que está nascendo entre dois seios.

Bom Jesus do Amparo é uma cidadezinha localizada perto da puta que pariu que fica em Minas Gerais. Bom Jesus do Amparo tem esse nome porque quando os fundadores se arrependeram de ter fundado uma cidade no meio do nada e longe de qualquer rota de comércio, eles precisavam de ajuda urgente. Foi aí que teria aparecido uma empresa chamada "Siririca Sand" que queria estabelecer controle sobre os habitantes da cidade apareceu para "salvar" a cidade.

História[editar]

A história da cidade começa quando economistas estavam calculando uma "suposta" queda na bolsa do Rio de Janeiro, ainda na época em que Rio de Janeiro era a capital do país. Então, os economistas ficaram morrendo de medo de perderem tudo e pensaram que a melhor solução era fugir o mais longe possível, fundar uma fazenda e assim milhares de pobres iriam pedir emprego para eles. E como o chefe ganha mais que o empregado, garantiriam que não virariam mendigos.

Enquanto alguns iam para o Paraná, São Paulo, Mato Grosso e até mesmo para lugares que não existiam, outros preferiam Minas Gerais: o porquê disso era que a população de lá era só de caipiras e caipiras são intelectualmente frágeis e fácies de manipular.

Fundação[editar]

A igreja construída que representa o poder econômico da cidade... Sim, ela obrigatoriamente tem que ser pequena.

Foi fundada em 1958, quando a fazenda ficou 300 anos até finalmente dar algum lucro. Após 5 gerações de pessoas que ficaram no meio do nada esperando o dinheiro, finalmente puderam fundar alguma coisa lá.

Porém, a cidade era uma droga: não rendia nada e o nome antigo era escroto: Amparo. Mas tinha um bom motivo: eles precisavam de ajuda realmente, e colocar o nome da cidade como Amparo fazia com que já entendessem a situação da cidade.

Economia[editar]

Amparo só continuou se afundando na merda. Tiveram que aumentar o nome: foram implorar para o governo de Minas Gerais para mudar a droga do nome. Colocaram um nome religioso para dizer que era uma cidadezinha: o novo nome era Bom Jesus do Amparo.

Isso atraiu a atenção da Siririca Sand, uma empresa mineradora que descobriu que havia urânio embaixo das terras de Bom Jesus do Amparo. A radiação teria afetado a cabeça das pessoas, expicando os níveis baixos de QI.

A empresa fica rica a cada dia, mas a cidade não. É bem justo, certo?