Bom Progresso

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Gauchodanc.jpg Mas bah, tchê!

Este artigo buenaço e tri-legal é do mais puro humor gaudério dos pampas, vivente, então veste tua bombacha, recolhe teu pelego no galpão e toma um mate amargo com a gente, macanudo!

Chima.jpg
Bom Progresso e seu bairro principal...Peraí, aquilo lá é a cidade inteira? E a estrada é de terra? Não tem asfalto? Mas que porra de cidade é essa?

Bom Progresso é uma cidade cujo nome não condiz com seu estado atual. A cidade não tem um bom progresso na economia, turismo, agricultura, política e cidadania acima de tudo: os habitantes parecem não ser humanos e macacos treinados para apreciar música clássica desaprendem todos os comandos e treinos quando estão juntos com os habitantes de Bom Progresso, assim mostrando que eles tem um forte poder de negativizar todo o conhecimento humano ou de outra espécie.

A cidade já ficou conhecida também como "cidade que não produz nada". Estão redondamente enganados: Bom Progresso produz algo sim... Aumenta o número de municípios no Rio Grande do Sul.

Cquote1.png ¬¬ Cquote2.png
Alguém decepcionado pensando que a cidade realmente produzia algo

História[editar]

Cquote1.png Somente na década de 1940 lá passaram a se instalar colonizadores proveniente de outras regiões, principalmente da chamada "Colônia Velha". Inicialmente chamada "Boca da Picada", era passagem obrigatória para quem seguia para Três passos, a então chamada "Colônia Militar do Alto Uruguai". Cquote2.png
O maior pecado dos colonizadores de Bom Progresso

Bom Progresso teria sido iniciada após o trecho histórico ter acontecido. Aquilo foi uma desgraça: dizem que a terra tremeu no dia em que disseram que iriam fazer uma cidade e que ela teria um formato de concha, poucos metros de cidade e envolta dela teriam hortas.

Só os colonizadores para criarem algo tão mal-feito quanto Bom Progresso.

Pedro Diniz foi o primeiro maluco a morar na região. Tio Pedro como era chamado, praticava botanofilia com alguns vegetais que tinha em sua horta, quando foi descoberto pela mulher, morreu de parada cardíaca e ninguém mais teve vontade de continuar na terra. Assim iniciava o processo de retirada de pessoas da região.

O antigo sentimento que eles tinham de que iriam ganhar dinheiro e iriam gastar tudo em prostitutas já havia passado e eles voltaram para si. O que contribuiu foi as terras férteis que significam em Bom Progresso, um mal regresso... Bem, você não entendeu, sei que é paradoxo.

Atualmente[editar]

A cidade talvez nem exista mais, os últimos registros envolvendo ela foi uma onda de suicídios pela região causada pelo tédio que os habitantes passavam e pelos atos de botanofilia que eram frios e que os habitantes reclamavam que seus amantes (as frutas) não respondiam mais as suas chamadas e não queriam falar da relação.

Conclusão: não pratique Botanofilia: pode ser divertido mas as plantas só querem sexo mesmo.

Ver também[editar]