Braço do Trombudo

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Luís Henrique da Silveira.jpg Se quésh quésh, se non quésh, dish!

Este artigo é catarinense! Já entrou em coma alcoólico na Oktoberfest, sabe o que é boi-de-mamão, tem um poster do Guga e pensa que é alemão!

Venha para o lado barriga-verde da força você também!

Gnome-searchtool blue.png Braço do Trombudo é uma pequena cidade desconhecida.
Você pode estar perdendo seu tempo à-toa ao ler sobre essa joça.
Todos os habitantes usam a mesma operadora de celular. Isso quando existe alguma.

Sciences de la terre.svg.png
NovoWikisplode.gif
A nossa sátira autorizada, a Wikipédia, tem um artigo sobre: Braço do Trombudo.

Cquote1.png Braço de quem? Cquote2.png
Qualquer um sobre Braço do Trombudo
Cquote1.png Do trombudo, ué! Cquote2.png
Alguem sobre comentário acima

Braço do Trombudo é um município brasileiro do estado de Santa Catarina. Como a maioria das cidades catarinenses essa também foi colonizada pelos emos nazistas alemães. Que souberam roubar as riquezas da cidade da melhor maneira possível.

História

Cidadão ilustre.

Entre 1920 e 1921, Braço do Trombudo recebeu seus pioneiros, vindos de Blumenau e regiões vizinhas, e que se aventuraram subindo as margens do rio Itajaí-Açu. Procediam, essencialmente, das mais diversas regiões da Alemanha. As primeiras famílias desbravaram terras através de precárias trilhas entre as matas.

Nesta época, já havia ligação entre o planalto serrano e o litoral catarinense que passava por Braço do Trombudo,uma conhecida linha de pirataria. Por estradas precárias, sendo inicialmente feito o transporte em lombo de animais, depois por carroceiros, até a chegada dos primeiros caminhões, que faziam suas paradas nos pontos estratégicos como Serril um lugar ótimo para serrar.

Uma das primeiras referências ao nome Trombudo datam de 5 de Maio de 1791. Naquela data " o Capitão-Mór de Lages remetteu ao Governador de S. Paulo o “auto de demarcação, em 30 de Abril, no novo caminho, que da Villa de Lages vai para Santa Catharina, do lugar Serra do Trombudo até onde chegava o limite da Capitania de S. Paulo” ; demarcação a que assistio um agente por parte de Santa Catharina". ( do livro – Questão de Limites de Manuel da Silva Mafra, 1902, página 47) Posteriormente o nome da serra serviu para denominar novos lugares, surgiram daí nomes como Barra do Trombudo, Trombudo Central, Trombudo Alto (Agrolândia) e Braço do Trombudo. Braço do Trombudo possuia pequenas agroindustrias(amido de mandioca) ceramicas e serrarias(não falei!).

Na década de setenta começou a desenvolver-se quando da criação de industrias do setor metal-mecanico(fixadores, parafusos, balanças, etc) mantendo ainda o setor ceramico e moveleiro, que levou a seu desenvolvimento e busca pela emancipação politica. Seus lideres politicos locais foram sempre atuantes, notabilizando-se regionalmente pela atuação buscando o desenvolvimento, tais como Heinz Schroeder(Vereador por Rio do Sul, Prefeito de Trombudo Central por duas vezes), Arnoldo Rinnert(Vice Prefeito e Prefeito de Trombudo Central e Deputado Estadual por SC).