Brochier

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Gauchodanc.jpg Mas bah, tchê!

Este artigo buenaço e tri-legal é do mais puro humor gaudério dos pampas, vivente, então veste tua bombacha, recolhe teu pelego no galpão e toma um mate amargo com a gente, macanudo!

Chima.jpg
Tá aqui uma prova que a cidade Brochier existe.

Brochier ou então a cidade que tem o clichê infame de ser chamada de Brocha é uma das milhares de cidades do Rio Grande do Sul que foram esquecidas pelo governo e pelo resto do país. Brochier é a única cidade do mundo que tem hospital, mas te manda para outra cidade (Montenegro) para ser atendido e onde 90% dos habitantes já trabalhou nas antigas fábricas de calçado.

Origem[editar]

Sua origem está ligada ao fato que, os motoristas da centenária Viação Montenegro S.A precisavam de algum lugar para ir ao banheiro e comer sua 20º refeição do dia. Então, Brochier é na realidade uma "cidade-lanchonete", serve apenas como parada parada para quem vai para Maratá.

Cidade[editar]

O centro de Brochier se resume em um T invertido. Quando chegamos a essa pitoresca cidade, logo vemos o Cemitério da cidade, lugar muito frequentado lá pelas épocas de novembro. Logo após vemos a nova sensação da cidade, o novo posto de gasolina, onde existe a maquina mais cara da cidade, o Calibrador de Pneu. Logo após vemos o famoso hospital da cidade, citado acima, onde consta um anexo que é o Asilo 7 Estrelas de Brochier, onde o chão é com carpete, um jardim maravilhoso e atendimento prioritário. Passamo pela Biblioteca Municipal onde é anexada a Prefeitura Municipal Ovo de Galinha, nome dado pela sua coloração amarelada devido a antiguidade e por ser do tamanho de um ovo. Quando chegamos ao meio do "T" vemos a única sinaleira da cidade, onde o único propósito é de distração dos açougueiros do Açougue Da Esquina e dos cachaceiros do Bar ao Lado, que ficam contando até quantos carros param lá de uma vez só. Dobrando a esquerda, atravessamos a pontedo rio que corta toda a cidade e encontramos o Parque da Cidade, 'point' de casais que passam o dia todo no bancos para furnicar a vontade. Dobrando a direita, logo vemos a Delegacia Ovo de Codorna de Brochier, devido ao seu tamanho, também vemos o antigo mercado Leco e a majestosa, espetacular, explêndida Escola Erni Oscar Fauth que mantém o Blog com milhões de acessos atualizado diariamente.

Economia[editar]

A Lei Municipal nº00000069, consta que: "Toda rua situada dentro do limite do município de Brochier deverá ter uma Farmácia, com excessão a Avenida T, onde deve ter uma farmácia a cada cruzamento". A economia de Brochier sobrevive com os idosos do Asilo 7 Estrelas gastando todas suas aposentadorias com remédios nas farmácias. Outros pontos econômicos são os milhões de mini mercados, o Posto de Gasolina, o Açougue da Esquina, o Bar Ao Lado Do Posto de Gasolina, os jogos no campo de futebol abandonado dobrando a direita na forquilha logo após a ponte, indo reto na Avenida T, que daí vira uma Avenida Cruz.

Turismo[editar]

O turismo em Brochier é fazer trilhas com seu trator lá pelos lados de Batinga Sul, Novo Paris, Pinheiro Machado, Reta Grande, Bela Vista, Vila Nova, Rincão de São Bento e Linha Tigre. Nadar na Cascata de Maratá, que fica em Maratá,nem pensar! Mas não vem ao caso.