Bulgária

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
3447b7d8de8464.jpg
Митре ле, ий!
Stoichkov.gif

Este artigo foi feito na Bulgária. Ele é naturalmente sem assunto e caso você queira vandalizá-lo, Hristo Stoichkov vai chutar a sua cabeça


●България
●The Great (????????) Bulgarian Empire
●República Mitreleísta da Bulgária

Bandeira da Bulgaria.png Bulgariacoat.png
Bandeira Brasão
Lema: Аз обичам мач и боза (Não somos a Romênia)
Hino: Voda (Mitrelê, I!)
LocationBulgaria.png
Capital Sofia
Maior cidade Sofia
Língua Búlgaro
Tipo de Governo Império
Rei Hristo Stoichkov
Heróis nacionais Elitsa Todorova, Stojan Yankulov e Dilma Roussef
Independência Esse império existe a séculos
Moeda Leve
Religião Pagã
População 7.707.495,3 (população de Sofia)
Área Igual a Romênia (Um pedacinho da nada% de água)
Analfabetismo 5%
PIB per Capita 345 USD/hab.
IDH 0.6
Fuso Horário
1
Clima Não tem como se saber
Site do Governo Bulgariam web site
Cquote1.png Съединението прави силата Cquote2.png
Hristo Stoitchkov sobre a Bulgária

Cquote1.png Velho cu o que? Cquote2.png
Seu pai ao visitar Veliko Turnovo

Cquote1.png Mitrelê, I! Cquote2.png
Elitsa Todorova sobre a Bulgária

Cquote1.png Burugaría. Miturerê I! Cquote2.png
Jon Kabira sobre a Bulgária

A Bulgária é um país do leste europeu desconhecido mundialmente. Não fosse o 4° lugar na guerra dos Estados Unidos em 1994, ela seria desconhecida até hoje pela população mundial. Uma realidade mais próxima do Brasil, com seu povo mais pobre, ferrado pelo comunismo, morando em cidades que só têm prédios parecidos com o Singapura do Maluf e reforma agrária. Mas ao contrário do seu país, a Bulgária possui neve, alfabeto próprio, neve, fortes medievais, neve, história milenar e estações para esquiar na neve. Já falei da neve?

Seu sisudo povo adora comer pepino, beber pinga búlgara e passar o verão no Mar Negro, podendo (ou não) tirar as outras épocas do ano para invadir outros países da Europa, já que finalmente conseguiram entrar na União Européia.

É governada com mão de ferro pelo rei Caralhovisk Pintudus III, desde 1966 e ferrada por Rússia, Turquia e Grécia desde sempre.

História[editar]

Crystal Clear app xmag.pngVer artigo principal: História da Bulgária.

A guerra contra a Espanha[editar]

O rei Stoitchkov em 1989 decidiu ampliar os domínios da Bulgária conquistando a Espanha.

Assim, neste mesmo ano, Stoitchkov infiltrou-se em uma das mais poderosas organizações Espanholas, o FC Barcelona.

Recebendo intenso treinamento militar de Johann Cruyff, ao lado de guerreiros reconhecidos internacionalmente como Andoni Zubizarreta, Ronald Koeman, Pep Guardiola, Gary Lineker, Michael Laudrup e mais tarde Romário, Stoitchkov aprendeu tudo sobre táticas de guerra.

Através do FC Barcelona, Stoitchkov conquistou a Espanha por diversos anos consecutivos.

Conquistando o Mundo[editar]

Stoitchkov, rei da Bulgária, em sua batalha para conquistar a Espanha

Não satisfeita com a conquista da Espanha, e muito empolgada com seu desempenho em território espanhol, a Bulgária põe em prática seu mais audacioso plano: Ampliar seu domínio e conquistar o Mundo na guerra dos Estados Unidos em 1994.

No entanto, na primeira batalha a Bulgária perde para a Nigéria por 3 x 0 e percebe que pode não conseguir alcançar seu objetivo.

Porém a derrota só serviu para levantar o espiríto gerreiro do rei Stoitchkov, que brilhantemente conduziu seu país a duas vitórias consecutivas, por 4 x 0 contra a Grécia e 2 x 0 contra a Argentina... CHUUUUUUUUUUUUUUUUPAAAAAAAAAAA!

Classificada para a segunda fase, a Bulgária esbarra no México em um emocionante empate por 1 x 1. Porém os guerreiros búlgaros conseguem a vitória nos pênaltis por 3 x 1 e prosseguem.

Na batalha das quartas-de-final, batem fácil a Alemanha por 2 x 1 e ficam a apenas duas batalhas da conquista do Mundo.

Porém o clima de "Já ganhou" toma conta do exercito búlgaro, e eles entram na próxima batalha da semifinal de salto alto, perdendo vergonhosamente para a Itália por 2 x 1.

Abatidos e desnorteados, perdem também a disputa do 3° lugar para a Suécia por 4 x 0.

Este 4° lugar foi a melhor colocação da Bulgária em guerras, das quais nunca mais participou.

Conquistando o Mundo parte 2 - O Mitrele ij[editar]

Elitsa Todorova e seu assustador grito "EnooOoOoOoooOoOO", que NÃO é emo

Devido à não tão bem sucedida tentativa de conquistar o mundo através do futebol, a Bulgária tentou através da música.

Durante 150 anos, os maiores experts em dominação do mundo, música e afins, tais como Pinky e Cérebro, Rita (dos Power Rangers), Dr. Pompeu Pompilho Pomposo, entre outros, enviaram diversos estudos de como controlar os 4 cantos do planeta através da música, mas todos foram em vão.

Até que Elitsa Todorova e seu fiel escudeiro Stojan Yankulov realizaram um projeto mesclando técnicas vocais dos monjes tibetanos, a lei da gravidade e tambores da África do oés-leste. Funcionou!

A mistura de tudo isso resultou em "Voda" que, em 2007, se tornaria o hino da Bulgária, concorreria com uma das 7 novas maravilhas do mundo e ainda teria tempo de ser a representante búlgara no Eurovision.

Vendo que o mundo estava querendo ser tomado pelo Mitrele ij, os dois resolveram fazer shows por todas as partes, exigindo que os telespectadores usassem IPods especiais que transmitiam, além das músicas tocadas por eles, mensagens subliminares de devoção ao Mitrele, à Bulgária e aos ideais daquele pais.

Conquistando a América - O Mitrele ij invade os Jogos Panamericanos[editar]

Stefanie ensaiando uma posição de ataque EnooOOOoooOOoooOOoOOOoooO

Quando o mundo estava já se esquecendo dos poderes de Elitsa Todorova e seu "Mitrele ij", ela atacou novamente.

Elitsa treinou uma menina para propagar o Mitrele em um público em que ele ainda não muito conhecido, o da América. Stefanie Carew, canadense, jovem e ginasta, ensaiou durante meses, exaustivamente, para fazer uma apresentação usando a música "Mitrele ij". A oportunidade de mostrar seu show não podia ser melhor: os Jogos Panamericanos do Rio de Janeiro.

No dia 26 de julho de 2007, o dia amanheceu frio e nublado. Era um presságio muito ruim, o Mitrele Ij entraria em ação, tomaria as mentes dos americanos e os tornariam escravos. E foi assim! A apresentação foi forte, marcante e, principalmente hipinotizante... hipnotizando todos os juizes que classificaram Stefanie para TODAS as finais. "Voda" tocaria mais 2 vezes, tomando as mentes de mais pessoas.

Onde essa onda macabra vai parar? Ninguém sabe ao certo... mas será o fim do mundo que conhecemos e o surgimento de uma nova era Mitreleística, dominada por Elitsa Todorova e seu leal ajudante Stojan Yankulov.

Subdivisões[editar]


Mensagens Subliminares no Mitrele Ij[editar]

Dizem alguns especialistas que partes da música têm duplo sentido e, se forem escutadas com atenção, poderam revelar coisas surpreendentes.

-"More Mitra pe na rekata" - Todorova já pensava en invadir alguma competição esportiva. No principio, pensava em invadir alguma regata das Olimpíadas, mas se contentou com o GRD no Pan.

-"EnoooooOOO OooOoOoOoOoOo AaaAAaaaAAaAAAaAAAaaaa AaaAAaaaaAaaaaAaAaAAAAaAaAAAAA" - Poderia ser um grito para acabar com a população emo da Bulgária (Emo Morra), que estaria crescendo demais e queria acabar com os planos de dominação mundial de Elitsa.

Flag-map Bulgária.png
Bulgária
HistóriaPolíticaSubdivisõesGeografiaEconomiaCulturaTurismo
Eu!naz1.gif
Europa
v d e h

Países: Albânia | Alemanha | Andorra | Armênia | Áustria | Azerbaijão | Bélgica | Bielorrússia | Bósnia e Herzegovina | Bulgária | Cazaquistão | Chipre | Croácia | Dinamarca | Eslováquia | Eslovênia | Espanha | Estônia | Finlândia | França | Geórgia | Grécia | Hungria | Irlanda | Islândia | Itália | Letônia | Liechtenstein | Lituânia | Luxemburgo | Macedônia | Malta | Moldávia | Mônaco | Montenegro | Noruega | Países Baixos | Polônia | Portugal | Reino Unido (Escócia - Inglaterra - Irlanda do Norte - País de Gales) | República Tcheca | Romênia | Rússia | San Marino | Sérvia | Suécia | Suíça | Turquia | Ucrânia | Vaticano

Territórios: Abecásia | Açores | Akrotiri e Dhekelia | Åland | Chipre do Norte | Crimeia | Ilha da Madeira | Ilha de Man | Ilhas Canárias | Ilhas do Canal | Ilhas Faroé | Jan Mayen | Kosovo | Nagorno-Karabakh | Ossétia do Sul | País Basco | Svalbard | Transnístria