Butão

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa


●Druk Yul
●Botão
●Bundão

Bhutanflag.png Brasão do Butão.png
Bandeira Brasão
Lema: Pum!
Hino: Vai Popozuda, vai po-popozuda!
Bhutan image.PNG
Capital Thimphu
Maior Cidade Nádegas
Língua Peidos e Pum Arcaico
Tipo de Governo Popozão democrático
Chefe de Estado Mestre Kame
Heróis Nacionais Primeira-Dama Clodovil
Independência da Índia em 1949
Moeda Personal ultrasensível
Religião Bundismo
População Desconhecida
Área o popzão é grande (depende da excitação% de água)
Analfabetismo 70%
PIB per Capita passar a mão 10 conto USD/hab.
IDH 0.8
Fuso Horário +5
Clima Mau-cheiroso
Site do Governo www.butaopaisnocudomundo
montanhasaltascomnevebundaboa.com
Cquote1.png Futebol de Butão? Aquele de tampinhas? Cquote2.png
Joselito sobre Butão

Cquote1.png O Butão se recusou a abrir-se para meu longametragem. Cquote2.png
Kid Bengala sobre Butão
Cquote1.png Prefiro a República Checa Cquote2.png
Eu sobre Butão
Cquote1.png Gosto deste país, mas ainda sim prefiro o Peru Cquote2.png
Clodovil sobre Butão
Cquote1.png Fou tão bundão quanto cada um de vofêif Cquote2.png
Lula sobre Butão em discurso em Timphu
Cquote1.png Nádegas a declarar Cquote2.png
Gabriel o Pensador sobre Butão
Cquote1.png BOCA SUJAAAAMMMMMMMMM, SEM VERGONHAAAAAMMMM! Cquote2.png
Sílvio Santos sobre Butão

Butão(português europeu) Botão(português brasileiro) (ou ainda *, grafia preferida pelas autoridades locais) é um grande mosteiro de nome não menos exótico lá no meio da Ásia. Por ser um reino fechado e de difícil acesso, acredita-se que ali estejam escondidas as Esferas do Dragão o que é representado em sua bandeira nacional.

Tabela de conteúdo

[editar] História

Os primeiros a habitarem o Butão chegaram no século VII quando um monge xaolin bem doido de chá de papoula decidiu ir para as montanhas do sul do Tibete armar um mosteiro para ganhar direito treinando kung fu, o problema é que nenhum aluno apareceu e o negócio faliu.

Somente muito tempo depois no século XVII, Ngawang Namgyel que deu um calote no Tibete e fugiu para o Butão, encontrou o povo local muito separado e com o intestino preso, foi então que unificou toda a galera e fundou o Butão, tornando-se no primeiro Shabdrung do Butão, "aquele a cujos toletes todos se prostram".

[editar] Economia

A economia é baseada principalmente na exportação de gás metano, que sem dúvida existe em excesso sendo possível ver o ar amarelado lá do Tibete. Mas felizmente os butãoneses conseguem pelo menos respirar e viver graças a ventiladores de oxigênio importados com a renda obtida pela exportação de botões, seja de camisetas, blusas ou pijamas, e também botões de controles de Playstation 2 que são exportados todos para o Japão.

[editar] Geografia

Localizado na Ásia Central, perto do meu pau Nepal os dois países só não fazem conexão (Butão+Nepal=sexo anal) porque a Índia fica no meio dos dois. O Butão é conhecido como o "cu do mundo", alcançando esse título por ser uma região de difícil acesso e do conhecimento de poucos.

O relevo do país resume-se a duas montanhas principais e um vasto e profundo vale central.

Situado entre duas grandes montanhas o Butão é um pais de altos e baixos, tendo entre as montanhas um grande e profundo vale, o país ainda está situado às costas da Índia e próximo a Chechênia. Está acima do Peru e a leste do Meridiano de Sandwich.

[editar] Subdivisões


[editar] População

Futebol de Butão. Mania nacional.

O Butão tem características próprias. Os Butãozudos e Butãozudas não são muito receptivos, porém, algumas butãozudas são sim bem receptivas.

[editar] Política

Desde os primórdios o Butão vem sofrendo invasões, algumas delas mal-sucedidas, sendo impedidos pelas butãozudas mais ortodoxas, porém, sabe-se que as butãozudas mais liberais, e butãozudos do Partido GLS - Gyll Lnos Santh (Partido da Frente Liberada), vem facilitando a entrada de frentes inimigas. O Meu Pau após conquistar a Chechênia passou a sua investidura para o Butão, o qual apoiado pelas butãozudas liberais e butãozudos do Partido GLS, cedeu e se abriu à frente Nepalzuda, daí em diante não teve mais jeito, as invasões são constantes, há quem duvide da hostilidade do Nepal, mas o fato é que o Butão já se acostumou.

[editar] Religião

A autoridade religiosa butanesa, Shen Long, recebe o papa.

O povo butãozudo é muito religioso, sendo as principais religiões o Bundismo (80%), o ComPUMcionismo (15%) e sentanismo (5%).

[editar] Demografia

  • 39% - Bundões;
  • 27% - Bundas;
  • 40% - Tua mãe
  • 4% - Outros.

[editar] Cultura

Povo conhecido felicidade, o que é um grande mistério pois lá tem porra nenhuma, nem Atari, como ser feliz num lugar desses? O segredo, dizem seus moradores, é o Símbolo Butanês da Felicidade, uma piroca que eles desenham na porta de suas casas o que representa que ali há um casal com a vida sexual ativa, o que faz bem para o ego todos da aldeia saberem, o que termina por trazer a felicidade.

Flag-map Butão.png Butão
HistóriaPolíticaSubdivisõesGeografia
EconomiaCulturaTurismo
Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas
Outras línguas