Cabo de Santo Agostinho

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Cabo do Santo Agostinho
"Cabo duro ( ͡° ͜ʖ ͡°)"
Bandeira de Cabo de Santo Agostinho.png
Bandeira
Aniversário 9 de julho
Fundação 15 de fevereiro de 1812
Gentílico santo-agostinense-cabense
Lema venha, deixe sua grana e vaze
Prefeito(a) Viado da farmácia
Localização
Localização de Cabo do Santo Agostinho
Estado link={{{3}}} Pernambuco
Mesorregião Recife e suas Pobrezas
Microrregião Sua Pé
Região metropolitana Favelas de Recife
Municípios limítrofes Ipojuca, Jaboatão dos Guararapes, Escada, Vitória de Santo Antão, Moreno
Distância até a capital 0 Km quilômetros
Características geográficas
Área Pequeno igual o pau de um japonês km²
População uns 100 mil, sei lá hab. 2014
Idioma analfabetês
Densidade hab./km²
Altitude meio metro metros
Clima tenso
Fuso horário UTC Ver Brasília
Indicadores
IDH 0,001 (Muito Baixo) PNUD/2016
PIB R$ Devendo 1 real pra o governo do estado IBGE/2016
PIB per capita R$ o que é isso ? IBGE/2016

Cquote1.png Veja bem Cquote2.png
Veja bem sobre Cabo de santo Agostinho
Cquote1.png Não vi, nem quero ver!!! Cquote2.png
Lineu sobre Cabo de santo Agostinho

Cabo de Santo Agostinho é o nome da vassoura que o Santo Agostinho varria a sua igreja na época do Império Romano. O instrumento foi resgatado e posteriormente homenageado como nome de uma das 500 praias de Pernambuco, que uma delas foi jogada fora por Recife e permitida virar um município próprio.

O gentílico de quem nasce no Cabo é cabuloso, mas também depende de quem nasce por aqueles arredores. Se nascer homem e não gostar do 'cabo' é cabra-ômi, se gostar é viado. Se nasce mulher, já que 99,9% não prestam, são vadias, pois se puita fosse flor o Cabo de Santo Agostinho seria o maior jardim do mundo.

História[editar]

Santo Agostinho pegando no tal cabo.

Crido em 1560, é um dos municípios mais antigos do Brasil, criado por antigos recifenses que queriam curtir uma praia sem esgoto como da capital. Claro que essa tranquilidade durou só 5 anos, pois em 1565 Cabo de Santo Agostinho foi descoberto por farofeiros e desde então é anualmente invadido por estes seres, sempre à procura das quengas que desde sempre são abundantes na região, e de biquíni.

A denominação deste município de Pernambuco que homenageia o sagrado cabo de Santo Agostinho, protetor dos genros e dos malandros na sua clássica foto segurando o cabo sagrado da vassoura outrora usado como báculo pela Deusa Atena. A foto é mundialmente elogiada pela bela composição cênica e pelo sorriso enigmático de São Agostinho, comparada apenas ao de Monalisa, além da arte de vanguarda comparável ao teto da Capela Sistina.

Outro fato de extrema relevância da história do município foi a invasão holandesa (1630-1654) que ocorreu numa época em que os holandeses desejavam encontrar compradores para a sua erva. Até então desconhecida, a marijuana holandesa virou mania local, e hoje o cidadão cabense já é completamente adaptado a conseguir viver até os 20 anos de idade fumando erva holandesa.

Clima[editar]

Como você vê nas imagens, no Cabo de Santo Agostinho não chove. É sol o ano inteiro.

Bairros[editar]

  • Charneca - Com a impressionante população de bares por rua quadrada, é o point preferido dos bêbados de plantão.
  • Ponte dos Carvalhos - Um dos bairros mais violentos da cidade. Os habitantes deste bairro sempre carregam uma AK-47, um revólver e uma faca, caso o pior aconteça, mas também tem uma grande concentração de putas e viados!
  • Pontizinha - Uma 'extensão' do bairro descrito acima.
  • Charnequinha Ô povinho feio e brabo.
  • COHAB - Todos os bandidões de lá são da Torcida Organizada Inferno Coral. Em dia de jogo a Inferno Cabo, como são chamados, sempre brigam com a Jovem gay de Ponte dos carvalhos e Pontezinha, às duas(ponte e pontezinha) correm e apanham sempre!pois a inferno cabo é muito violenta são ums marginais que não tem dó nem piedade de ninguém,, mostrando que não estão pra brincadeira,sempre armados com revolveres e bombas caseiras eles não pêrdoam nem mulheres e crianças, a única parte que se salva é a 55 ( Avenida principal ),a parte nobre do bairro com casas xiques e tem também as bocas de fumo.
  • Centro - Reduto de putas e viados metidos a merda que querem ser o que nunca serão, os que se dizem homem são na verdade um bando de enrustidos metidos a bravo, o point preferido destes é o chamado mercadão "pega bebado",e os bregas que rolam em todas as equinas da cidade.
  • Mauriti e Sapucaia - Extensões do bairro acima só que com mais putas e viados!
  • Vila Roca - Os moradores deste bairro são formados por prostitutas e traficantes, também tem as novinhas, as patricinhas que na verdade são umas putinhas que não podem ver uma pica que ficam dôidinhas, e quando chove parece Atlântida.
  • Pirapama - Lar das saudosas piscinas com música ao vivo, toda semana uma banda pior. Jamais visite o local durante o carnaval, sob risco de contrair todas DSTs imagináveis.

Turismo[editar]

Por ser uma cidade desprezível em termos históricos e culturais, a única coisa que importa são seus pontos turísticos, para os turistas cagarem e irem embora sem pagar direito (pois foram continuamente extorquidos pelos vendedores abusados da região), sendo assim, os principais pontos turísticos são:

  • Praia de Gaibú: Maior reduto de gays por metro de areia quadrado do estado (por isso o nome "gaybu"), também reúne uma numerosa quantidade de pobres e metidos a besta. Fora isso, a praia é bonita, mas no fim de semana vira um inferno, sendo comum o diabo aparecer lá em pessoa, geralmente disfarçado de tiazona gorda.
  • Praia de Calhetas - Praia cheia de pedras e lodo.. antes disso tem uma pedra.. muito flagras ocorreram por aqueles lugares de quengas corneando seus maridos com o Ricardão.
  • Praia Suape - Reduto das putas pagas de plantão, se quiser eu te apresento umas que eu conheço.
  • Enseada dos Corais - Não tem nada demais. Só fica antes de Gaibu, aí é ocupada pelos preguiçosos que não quiseram ir até Gaibú.
  • Praia Pedra de Xaréu - Praia mais isolada, numa tentativa de ficar mais vazia, mas não é possível, como farofeiros brotam em toda parte do município, essa também é irritantemente lotada de gente feia e sem noção.

Tem coisa a mais do que praia e gente feia? Felizmente tem! Tem puteiro e uns becos se você não poder pagar um motel decente. Tem puta que nem precisa ser paga, é só pagar umas cervejinhas e correr pro abraço! E se você não poder pagar umas cervejinhas.... você é pobre e não é bem vindo na cidade.