Caixa Econômica Federal

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Joao Maozinha - RJ.jpg Esty artygo é dy pobry!

Esty artygo é sobry koyzas dy póbry, peçowas póbrys y o dono
taméyn dévy dy sê un pobretãwn do karáy!


Caixa Econômica Federal
Caixa-2-logo.png
Banco favorito dos ímprobos
Slogan A vida pede mais que a merda desse banco!
Vem pra caixa se foder você também, vem!
Tipo Estatal
Gênero Banco
Fundado em 12 de janeiro de 1861
Fundador D. Pedro II
Destino Arrombado no ano de 2015
Sede Brasília, Detrito Federal
Proprietário Luis Inácio Lula da Silva
Executivo Gilberto Oxi, Presidente
Empregados ver. população do Distrito Federal
Produtos Desserviços bancários, FGTS, PIS, seguro-desemprego, trambiques, Bolsa Família, Minha Casa, Minha Vida, FIES, bolsas-permanência dentre outras esmolas federais.
Acionista(s) Governo do Brasil (100%)
Valor Abaixou R$ 1,99
Lucro Abaixou R$ alguns bi
Sítio
http:www.caixa.gov.br
® Desciclopédia

Cquote1.png Foi Maluf que fêz! Cquote2.png
Maluf sobre Caixa Economica Federal
Cquote1.png Uma das 150 melhores empresas para se trabalhar! Cquote2.png
Pinóquio - Superintendente Nacional de Pessoas
Cquote1.png Vim pra recebê o PISO e o siguru dizimpregu. Cquote2.png
Pobre querendo sacar o PIS e o Seguro Desemprego
Cquote1.png Eu abri minha poupança na Caixa! Cquote2.png
Bruna Surfistinha
Cquote1.png CEF udeu, véio. Cquote2.png
Você quando achou que pegaria 200 reais pra reformar seu barraco sem ter que fazer seguro da Caixa.
Cquote1.png Eu quero fazê um "presti" para comprar uma "tevelisão" nas casas Bahia Cquote2.png
Cliente Pedreiro para funcionário da Caixa
Cquote1.png Na Holanda, a Caixa vai para ela mesma, não precisa de VOCÊ!! Cquote2.png
Reversal Holandesa sobre Caixa Econômica Federal
Cquote1.png Vem para FILA você também! VEEEMMM!!!! Cquote2.png
Cliente da Caixa sobre você
Cquote1.png No momento o sistema esta fora ar. Cquote2.png
Menininha do auto atendimento sobre o sistema estar fora do ar
Cquote1.png Este serviço não está disponível no momento Cquote2.png
Internet Banking da Caixa, entre as dez da noite e seis da manhã
Cquote1.png Desculpe, nosso adicional de segurança não funciona no Linux, use um sistema mais seguro, pelo menos Windows 98 Cquote2.png
Suporte técnico da Caixa sobre o banco "mais seguro"

Caixa Econômica Federal (CEF ou apenas CAIXA) é um banco estatal brasileiro e como tal, é conhecido pelo mal atendimento, enormes filas formadas por gente feia e mal educada que vai sacar algum benefício assistencialista do governo, atendentes que mal sabem o que estão fazendo ali e também pelo guichês de autoatendimento sempre quebrados. O banco é considerado o burro de carga do governo brasileiro quando se trata de assuntos financeiros e mesmo com outro banco estatal disponível (o banco autotitulado) o governo insiste em mandar para tudo quando é tranqueira pra ser feito neste banco.

Por se tratar de um banco "público" é o governo quem nomeia o presidente da Caixa, como nos ministérios e assim como nos ministérios, ocorrem todo o tipo de desvios institucionais que você possa imaginar, sem contar quem costuma ser os indicados.

História[editar]

Pagamento de Bolsa-Família

A Caixa surgiu de uma demanda do império brasileiro de um rei português. Depois de muitos estudos, perceberam que apenas o recém criado Banco do Brasil não teria capacidade de abrigar toda a corrupção que o país prometia. Assim nascia a Caixa Econômica Federal, um banco tão pobre tão pobre que nem agenda de papel distribui e falta papel higiênico em seus banheiros, e por ser um banco tão mendigo que é conhecido por todos como o tamborete da Dilma Rousseff, que vive faltando dinheiro em seus caixas eletrônicos. Seus funcionários são facilmente reconhecidos dentro das agências pelas suas caras de pedintes mortos de fome, suas roupas puídas e remendadas, seus sapatos furados, seus dentes cariados, e devendo a mil agiotas, ou seja, são os mais fodidos deserdados do sistema financeiro nacional. Os gerentes são os únicos que tem direito a trocar a dentadura a cada 15 anos, desde que comprada na feira de Caruaru, por quê na feira de Caruaru? Porque lá tem dentaduras de tamanho pequeno, médio e grande vendidas em bacias de alumínio, é preciso só um pouco de paciência para achar uma dentadura de baixo que case com a de cima.

O propósito da Caixa é de ser um banco social, ou seja, que enriqueça a alta-sociedade e os parentes de políticos em geral e socialize ainda mais a pobreza. Uma das metas iniciais era a de acabar com a pobreza, seja matando os pobres de fome, de doenças super contagiosas, ou mesmo de porrada, mas o projeto não foi para a frente devido a enorme capacidade de reprodução desta camada menosprezável da população brasileira. O Ditador Ilustre e Sanguinário Marechal de Campo, de Cidade, do Mar e do Espaço Sideral Floriano da Fonseca, após abafar mais uma revolta popular em uma das agências da Caixa, teria exclamado a seguinte frase:

Cquote1.png Pobre é quem nem biscoito. Você mata um e vem dezoito Cquote2.png
Floriano da Fonseca sobre pobres da Caixa.

Caixa Econômica Federal

Recentemente a caixa passou a ser chefiada por ratos de esgoto. Desde o presidente indicado pelo cleptomaníaco presidente da república brasileira até os esnobes gerentes, todos associados e empenhadíssimos em desviar dinheiro público, lavar dinheiro do crime organizado e se locupletar a todo custo.

A caixa também sofre com o mal do funcionalismo público, se tornando assim, um imenso cabide de empregos, onde comissionados são chamados pelos brothers apenas para coçar o saco distribuindo senhas que já são emitidas automaticamente. Além disso, milhares de funcionários saíram do ralo igual baratas, grande parte vindos do extinto BNH, da antiga poupança Delfin e de outros órgãos falidos após gestões fraudulentas.

Hoje o cabide bancário desvia bilhões de reais todos os anos nas contratações de prestação de serviço superfaturadas, nas compras de sistemas de informática inúteis, equipamentos eletrônicos (que nunca foram e jamais serão utilizados), na renovação do parque tecnológico (que nunca muda, diferente do seu irmão público), na abertura de novas agências, pagamento de aluguéis de agências superfaturados, reformas de tribunais superfaturados, mudanças de layouts e mudanças de modelos de atendimento, Minha Casa Minha Vida, que desvia dinheiro para as prefeituras, para as construtoras, para as superintendências. Fora alguns acordos com as maiores empreiteiras do país, justamente aquelas com a ficha mais suja que seu pau de galinheiro.

Mesmo enquanto oposição, no desgoverno Fernando Henrique, o PT nuca aceitou falar em privatização da CEF, depois em situação de governo só fez depender ainda mais da instituição. Enquanto governo, lapidaram mais uma fonte (funding) que a CEF administra, mas não lhe pertence: O FGTS dos brasileiros!!! Emprestam o recurso a juros baixíssimos, cujo resultado financeiro é PREJUÍZO. Beneficiam Construtoras e prefeituras em troca de retorno financeiro para o bolso dos superintendentes. Se todos os brasileiros fossem sacra seu FGTS hoje, a CEF só teria dinheiro para pagar somente 58% do valor.

Empregados Caixa[editar]

O quadro funcional da Caixa é composto da seguinte forma:

  • 50% - Estagiários incompetentes que não sabem nada, nem querem saber.
  • 20% - Funcionários fantasmas parentes de políticos ou "companheiros" de políticos que ocupam cargos na alta administração da empresa e que só aparecem para transferir o salário para um banco mais classudo, ou para uma conta no exterior.
  • 9% - Funcionários puxa-saco que trabalham 732 horas por dia sonhando em se tornar gerentes de agência.
  • 9% - Funcionários desmotivados, estressados e que sofrem de alguma doença degenerativa que não te atendem direito porque sabem que não trabalham numa empresa séria, mas que não largam o emprego com medo de não conseguir outro.
  • 5% - Gerentes de agência, que trabalham 2 horas por dia e ainda reclamam, descontando suas frustrações pessoais nos clientes.
  • 8% - Criaturas ridículas/ espaciais/ bizarras, como o "monstro da anuidade" e os "poupançudos" que possuem a importante tarefa de atrair as criançinhas remelentas que ficam correndo, gritando e chorando para entreter as pessoas que aguardam nas filas.
  • 3% - Terceirizados que os funcionários caixa novos insistem em desprezar, achando que são melhores, mas não sabem que os prestadores ganham mais que um técnico bancário novo.
  • 0,5% - Funcionários novos que ainda acreditam na empresa e vão tentar te atender com boa vontade, mas não vão conseguir porque não receberam treinamento nenhum e mesmo que tivessem recebido não conseguiriam te atender porque "o sistema" nunca funciona, pois foi programado em uma linguagem computacional extinta e a máquina é uma sucata com memória de computador português, ou seja, só tem uma vaga lembrança.
  • 0,5% - estagiários super competentes e qualificados que trabalham 20 horas por dia e não recebem o suficiente para se alimentar, além de saberem que logo vão ser substituídos por outros estagiários, provavelmente incompetentes.

Cquote1.png Hahaha eu recebo mais que você. Cquote2.png
Menor aprendiz sobre Escravos Funcionarios da caixa

Ser um empregado Caixa é, antes de tudo, ser paciente. Ou você está na frente de um chefe que te cobra resultados, ou de um cliente que te cobra resultados, ou de um computador que não traz o menor resultado. O único resultado é que você se fode sempre, e ainda tem que sorrir para os clientes.

Todo o empregado CAIXA é premiado com 25 chibatadas ao cumprir suas metas, mas ninguém consegue atingi-las, o que seria equivalente a dar uma surra em Chuck Norris e Steven Seagal juntos utilizando uma caneta da Caixa como arma. Em vista disso, a Caixa, como uma das 150 melhores empresas para se ser esfolado vivo oferece um tobogan de giletes com saída para a piscina de álcool 90ºGl em suas sedes sociais.

A Caixa Econômica é tão econômica, mas tão econômica que, quando seus funcionários querem um aumento têm fazer greve de fome em frente as agências. Como resultado, acontecem anualmente várias mortes por inanição de empregados, reduzindo assim a folha de pagamento da empresa.

Produtos e serviços[editar]

Pagamento de Seguro-Desemprego

A Caixa trabalha com uma ampla gama de produtos e serviços, alguns exclusivos, como o pagamento da Bolsa-Esmola e Seguro-Desespero. A Caixa possui linhas de créditos facilitadas, como o penhor, onde pode-se empenhar(e não "penhorar) os dentes de ouro da avó, a aliança da ex-esposa ou o cordão de ouro roubado da velhinha. Porém o carro-chefe da Caixa são as filas, elas que fazem a alegria e trazem sustento de milhares de ambulantes em todo o país que vão logo cedo para a porta das agências vender seus produtos, de batata frita super-engordurada, pastéis de vento, sucos de água suja e aluguel de banquinhos e cadeiras de praia.

Por ter a taxa de juros mais baixos do mercado, a Caixa é praticamento um asilo-dia para milhares de velhinhos que, por não saberem jogar xadrez ou truco, vão para as agências todos os dias perguntar se podem renovar as dezenas de empréstimos que já tem ou se já saiu o "abono" do INSS. Esses velhinhos chegam ao banco três horas antes do horário de abertura das agências só para poder reclamar depois que demoraram três horas para serem atendidos.

Os funcionários da Caixa são também altamente gabaritados em arqueologia, museologia, bacteriologia e micologia(estudo dos fungos)haja visto a grande quantidade de carteiras de trabalho em estado avançado de decomposição (ou com pentelhos entre suas páginas por terem sido guardadas no elástico do calção), que são levadas para as agências pelos trabalhadores na esperança de receber algum resíduo de FGTS (pronunciando: "figuetis" ou também "fe-je-te-çê", em algumas regiões do país). Isso quando não querem "tirar o piso". Alguns clientes involuntariamente manifestam suas fantasias sexuais para os funcionários ao pronunciarem a frase: “Moço, olha o meu fundo pra mim ver seu saco”.

Além disso, os clientes sociais e comerciais são adestrados para comprar todos os produtos da empresa cuja utilidade é incontestável, destacando-se nessa área o OXISEGURO e o CAPVara. O OXISEGURO é o carro-chefe nas vendas de seguro da empresa. Ele garante ao cliente que o adquirir um estoque vitalício de oxigênio para ser utilizado para o resto da vida e o valor pode ser debitado direto no Bolsa-Esmola. É preciso atentar para as situações não cobertas em contrato do seguro, que excluem viagens espaciais e mergulhos aquáticos. O título de capitalização CAPVara é uma ineficiente maneira de economizar dinheiro, onde cliente faz pagamentos mensais por toda a eternidade e tem a chance de retirar 1% do valor aplicado no dia do Juízo Final. O CAPVara também dá a oportunidade ao cliente de concorrer a prêmios, como viagens para visitar a sua querida mãezinha (“Vai pra PQP!”) ou convites para práticas sexuais pouco ortodoxas (“Vai Tomar no C*!”)

Diz a lenda que fazendo depósito em uma poupança da caixa você ganha um cofre em formato de monstro da bunda grande (poupançudo), mas na verdade, quando você pergunta pelo referido brinde, os funcionários sempre respondem que acabou. Na verdade, os Poupançudos configuram na lista de animais ameaçados de extinção pelo IBAMA.

A Caixa também é o banco com maior número de financiamentos habitacionais. Isso se deve ao hábito que os pobres possuem de copiar uns aos outros (hábito cientificamente descrito como "Efeito Mharyah Vai Com as Outras") e ao programa "Nosso barraco, Sua morte", que financia a construção de favelas verticais e barracos deslizantes em áreas de risco.

Clientes[editar]

Agência Modelo da Caixa Econômica Federal

Todos os clientes da Caixa têm algum tipo desordem mental, confirmada no ato da abertura da conta, mediante assinatura do termo de PPE (Pessoa Perturbada e Esclerosada). É o público-alvo mais eclético da categoria bancária, abrangendo as mais diversas classes sociais e profissionais, que vão de freiras à mãe de políticos. O público-alvo da Caixa não tem esse nome por acaso. Ele é alvo de todas as formas mais modernas práticas de extorsão, independente de sua situação financeira. Estatísticas compradas em 2009 afirmam que a Caixa é amada por 100% de seus clientes. A pesquisa foi realizada no 5º dia útil do mês onde os clientes que recebem pela Caixa só receberiam seu salário se respondessem “Sim, eu amo a Caixa”.


Cliente da Caixa é brasileiro, por isso não desiste nunca de tirar o saldo todo dia para ver se alguém, do nada, fez um depósito na sua conta, ou de perguntar se tem algum resíduo de FGTS para receber. Devido a grande concentração de “gente simples” e do “cheiro do povo”, as agências da Caixa emanam vapores etílicos e gás metano em profusão. Por razão disso, a maioria das agências são potenciais focos de combustão, obrigando que muitos de seus empregados tenham de pedir afastamento por inalação involuntária de gazes venenosos

O método de venda dos funcionários da CAIXA e baseado no modelo de gestão GA/RA onde consiste em enfiar o produto Guela Abaixo ou Rabo Adentro dos seus clientes.

Principais motivos que levam as pessoas à caixa:

  • Fazer um barraco.
  • Paquerar os seguranças.
  • Paquerar os funcionários novos (por que não?!).
  • Esperar a chuva passar.
  • Encontrar os amigos.
  • Cobrir o cheque.
  • Assustar o cheque.
  • Sentir o "calor humano".
  • Ficar no ar-condicionado condenado.
  • Receber o seguro desemprego no horário de almoço.
  • Tirar o piso.
  • Tomar água suja café.
  • Tomar água torneiral.
  • Fazer amizade na fila.
  • Reclamar.
  • Se sentir mais bonito que a média.
  • Tirar a roupa na "porta de metal".
  • Abrir a poupança.
  • Aplicar na poupança.
  • "dispositar" (retirar o que foi depositado) na poupança.
  • Receber o "auxílio ultra-gás".
  • Receber o "bolsa-esmola".
  • Receber o "bolsa-aumenta-família" (programa criado para multiplicar o número de petistas).
  • Ver o "dinheiro do Collor".
  • Tirar o "dinheiro do lula"
  • Financiar um barraco deslizante na favela.
  • Ver se tem algum dinheiro para receber, qualquer um, olhá aí, vai... Meu vizinho tinha, também quero!
  • Ver se a Regina Caizé foi pra CAIXA também

Últimas Notícias[editar]

Ver também[editar]