Camp Rock

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Camp Rock: Um acampamento de emos.

Cquote1.png Você quis dizer: High School Musical? Cquote2.png
Google sobre Camp Rock
Cquote1.png Rock? Rock? ROCK???!!!! Cquote2.png
Roqueiro indignado com a cara de pau da Disney sobre Camp Rock
Cquote1.png Não conheço Cquote2.png
Rock sobre Camp Rock
Cquote1.png Até Bruce Dickinson ficaria decepcionado se visse isso... Cquote2.png
Roqueiro psicologicamente bem estruturado sobre Camp Rock
Cquote1.png Camp Rock traiu o movimento do Rock véio! Cquote2.png
Dado Dolabela sobre Camp Rock
Cquote1.png Eu chamaria de Camp Emo Cquote2.png
Qualquer um com inteligência o bastante sobre Camp Rock

Sinopse[editar]

Tudo se iniciava num acasalamento acampamento que se dizia ser do Rock, a história foca Bitchie Torres (Demi Lovato), que queria parar de ser uma lavadeira do calçadão e dadeira de bar,para se tornar uma cantora profissional do sexo. Sua família não tem dinheiro nem pra limpar a bunda, quem dirá para levar a emo deprimida até o acampamento, mas, percebendo que sua filha tem talento para ser songa-monga insossa dadeira de xoxota, resolve dar o cargo de cozinheira pra ela. Com muita vergonha, Bitchie esconde isso de todo mundo, exceto dela mesma (o que é pior)!

Aparece um viado popstar ui!estrelaa chamado Shana gay Shane Gray, junto com seus irmãozinhos de bunda banda Geisy Jason e Natália Nate para dar aulas de balé no acampamento durante anos. Até que um dia, escutou Bitchie tendo orgasmos do nada, e adorou o sonzinho que ela fazia. Viveu procurando a garota do orgasmo forte e quando encontra descobre que ela é uma emo americana sem graça e chata que só vive dando a bunda. Emo com emo = romance e bater punheta, os dois ficavam ouvindo Calipso, Calcinha Preta, Annita e Restart juntos cortavam os pulsos,colavam velcro,liam revistas pornos, além de chorarem litros.

Personagens[editar]

Devido a grande boiolagem do filme nosso querido Justin Bieber não poderia ficar de fora.
  • Mitchie Fernanda Torres (Demi Lavaprato Lovato) é a vadia principal da história, sonha em ser cantora mas nem isto consegue fazer. Trabalha de cozinheira pois não pode pagar o dízimo acampamento, come o Shane e o acampamento inteiro.
  • Shane Gay Gray Cesária Cessario (Joe Jonas) é o cantor e líder de uma banda provavelmente sem-talento ou graça alguma chamada "Connect 3" (Menage-a-trois). Foi convidado para dar aulas de danças pornôs no "Camp Emo". Lá, se apaixona pela pererequeira Bitchie Torres, a qual se identifica pois ela também corta os pulsos , chora pra cacete ao som de bandas emocore,e adora bucetas.
  • Tessália Tyler (Meaghan Jette Martin) é a filha da famosa T.J. Tyler (T.J - Toba de Jejum). Deseja dominar a lajezinha aonde viveu por muito tempo, como sua mãe dominou (muito rápidamente), é uma piranha que não mede esforços para que Bitchie fique cozinhando a merda que ela solta do cu arrombado dela, sempre ferra com a emo (por ela ser cozinheira) e ameaça quebrar os cd's do Green Day se Bitchie não lavar os pratos direito e passar a roupa com leveza.
  • Caitlyn Grelo Gellar (Alyson Stoner) é uma miguxa de Bitchie, tão sem sal e songa quanto sua amiga. Conta pra todo mundo que Bitchie está apaixonada por algumas meninas do acampamento (inclusive a Shana). Dizem por aí que ela é uma pedófila que compõe músicas de conteúdo sexual e pornográfico relacionado a crianças.
  • Ella Pador (Anna Maria Braga Perez de Tagle) é uma companheira (como toda série/filme da Disney) da vilã Tess, dizem que é a amiga que recebe dicas sexuais da diva mor do acampamento do sexo. Empurra Tess pelas costas e canta com seus amigos, provando ser uma péssima magnífica cantora.
  • Peggy Warburton (Margaret Dupree) é mais uma miguxa chata de Tess, é uma maria-vai-com-as-outras tanto quando Ella, no final, canta músicas sobre si mesma (uma merda então) e ganha o concurso do Final Jam.
  • Connie Torres (Maria Canals Barrera) É a mãe ridícula de Bitchie, trabalha em um serviço de restauração familiar chamado "Connie's Catering". Bitchie tem vergonha do emprego da mamãe, assim como Connie tem vergonha de ter uma filha fã de carteirinha do My Chemical Romance, e pra piorar, emo assumida.
  • Baroon (Jordan Francis) e Sander (Roshon Fegan) são dois ignorantes e amigos de sempre (o que pode explicar muita coisa). Acham que cantam rap e são os únicos que conseguem suportar a Bitchie.
  • Lola Scott (Aaryn Doyle) é uma hermafrodita, se acha na vantagem porque além de ter uma perereca tem sempre um pau por trás disso tudo, além de poder bater punheta e siriríca ao mesmo tempo. Fica ao lado de Bitchie quando descobrem que ela era emo compulsivamente depressíva
  • Brown Cessario (Daniel Fathers) é o tio de Shane Gay e também trabalha no Camp Rock (que de rock não tem nada). Era gay e frequantava um bar gay chamado Wet Crows.
  • Nate (Nick Jonas) membro do "Connect 3", que mal aparece na porra do filme, mas dá umas chupadas no cu de seu maninho, Gayson.
  • Gayson (Kevin Jonas) membro do "Connect 3", que também mal aparece na merdinha do filme, mas tem o cu praticamente aspirado pelo maninho.

O inicio dessa merda[editar]

Walt Disney ia de vento em polpa, quando de repente, seriados como Hannah Montana, As Visões da Raven, Zack e Cody entre outros já enjoavam os telespectadores, fazendo com que a audiência do canal mais manipulador de todos os tempos (depois da Globo) caísse em números impressionantes, quando um gênio deu a ideia de criar um filme ridículo de um acampamento gay, pois isso atraia multidões de crianças curiosas.

A partir daí, começou uma destruição de massa do cérebro das pobres crianças, achavam que tudo contado lá era verdade.

Campiroka Rock 2[editar]

Estão pretendendo em criar no ano de 2012 o filme "Camp Rock 2", onde Bitchie após uma fase de anorexia conhece puteiros de Nova York e decidia usar o banheiro pra beber e se masturbar com drogas, após ficar toda noiada não reconhecia mais Shane Gray, dizendo a verdade para ele: Que ele era um gay imbecil que não tinha atitude e cortava os pulsos porque era um retardado mental. Após tudo isso, Joe se sentiu magoado e ficou o dia inteiro trancado no seu quarto chorando e cortando os pulsos. Enquanto isto, Alysson flagrou a amiguinha cheirando cocaina e folha-de-parra, mas ela não contou, pois Bitchie decide ameaça-la: Se contasse que sua miguxa era uma drogada, iria ser descoberta (o caso de pedofilía). Até que um dia, Bitchie é levada ao internato por estar completamente doida e noiada, lá, abusa sexualmente dos enfermeiros e no final foge de lá dirigindo uma combe velha. Após sua mãe descobrir tudo resolve transformar a filha de volta numa cozinheira, Bitchie faz chantagens psicológicas para Shane e Alysson, dizendo ser uma emo triste e infeliz da vida.

RESUMINDO: Você já viu tudo isso no Camp Rock 1 (ou não).

Músicas[editar]

Muitos acreditam que essa será a continuação... ou não.
  • We have sex - Nós fingimos tocar rock (quando as vozes estraordinarias foram dubladas)
  • This bitch is me - Está puta sou eu (Quando Bitchie admite ser uma puta)
  • Gotta Find You - Vou te achar (O Bishane chupa tão forte que a Bitchie fugiu rapidin)
  • This bitch is Me , Find you - Essa puta sou eu, vou te achar (Quando Bishane sabe a verdade sobre Bitchie, ou seja, que ela é bi)
  • Here I Am - Me come aqui (Música cantada por Pegga na Jamanta final)
  • Too Cool - Teu Cu (O que a Tessta acha sobre a Bitchie ter fugido do Bishane)
  • Hasta La Vista baby - Tchau (O Bishane dando tchau pro dedo quando o meteu no cu de Bitchie)
  • Start The Party - Começa a festa (O Nata começando a festa pelo Bishane finalmente ter metido o cu na Bitchie)
  • 2 bucetas - Quando Tess admite que com Mitchie elas brilhariam mais.
  • Our Time Is Here - Temos tempo de transar aqui (Quando Bitchie diz que quer transar com Bishane e todo acampamento)


v d e h