Campeonato Catarinense de Futebol

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa


Cquote1.png Você quis dizer: Campeonato Carioca de Futebol Cquote2.png
Google sobre Campeonato Catarinense de Futebol
Cquote1.png Esses times vão aprontar as maiores confusões em um campeonato da pesada com regras que até Deus duvida! Cquote2.png
Narrador da Sessão da Tarde sobre Campeonato Catarinense
Cquote1.png ... Cquote2.png
Imprensa Nacional sobre Futebol Catarinense
Cquote1.png Ãããããããããã... Num sei! Cquote2.png
Casagrande sobre Campeonato Catarinense
Cquote1.png Campeões brasileiros? Nunca serão! Cquote2.png
Capitão Nascimento sobre times de Santa Catarina
Cquote1.png Vamo Inter!! Cquote2.png
Torcedor catarinense
Cquote1.png Vamo Grêmio!! Cquote2.png
Outro torcedor catarinense
Cquote1.png Meeenngoooo!! Cquote2.png
Mais um torcedor catarinense
Cquote1.png Vamo Timão!! Cquote2.png
Esse é o último torcedor catarinense, eu juro
Cquote1.png Campeonato Catarinense 2009: transmissão exclusiva só aqui na RIC/RECORD Cquote2.png
RIC/RECORD sobre Campeonato Catarinense 2009
Cquote1.png Campeonato Catarinense 2009: transmissão exclusiva só aqui na RBS Cquote2.png
RBS sobre Campeonato Catarinense 2009
Cquote1.png Não importa que já tínhamos vendido os direitos de transmissão pra RIC/Record, a RBS ofereceu mais Cquote2.png
FCF sobre Campeonato Catarinense 2009
Cquote1.png E os direitos de transmissão vão para... RIC/RECORD! Cquote2.png
Tribunal de Justiça sobre Campeonato Catarinense 2009
Cquote1.png Chupa, RBS! Cquote2.png
RIC/RECORD sobre Campeonato Catarinense 2009
Cquote1.png Na rodada de ontem, o Inter de Lages perdeu por WO, o Guarani de Palhoça abandonou o campeonato, os jogadores do Atlético de Ibirama simularam contusões para terminar a partida, o presidente do Navegantes invadiu o campo para bater no árbitro, faltou luz na Ressacada, uma bomba atingiu um torcedor idoso de Criciúma e o Atlético Tubarão perdeu de 8 a 0 Cquote2.png
Noticiário sobre uma rodada habitual do Campeonato Catarinense

Campeonato Catarinense de Futebol é um campeonato de várzea organizado pela FCF (Federação Catarinense de Falcatruas), cujo presidente é o cachaceiro e ex-jagunço Delfim da Picada Peixeiro, que continua sendo dono da federação mesmo depois de ter sido atropelado por um avião. O campeonato catarinense se caracteriza por ter os regulamentos mais absurdos do Brasil e pela participação de times semi-amadores que surgem e desistem no meio das competições sem mais nem menos.

Divisões[editar]

João Canabrava, parceiro de cachaçadas de Delfim. É dono de um clube de futebol totalmente amador que apronta as maiores confusões na segunda divisão catarinense, mas nunca é punido por ser amigo de Delfim.

Até há pouco tempo atrás, o campeonato catarinense era o único campeonato do Brasil a ter duas divisões e meia, denominadas Primeira Divisão, Divisão 1,5 e Segunda Divisão. Hoje em dia, o campeonato possui 3 divisões, cada uma delas com um nome estranho que serve para confundir os torcedores que nunca sabem qual é primeira, qual é a segunda e qual é a terceira.

Primeira Divisão[editar]

A primeira divisão do campeonato catarinense, denominada Divisão Principal, é disputada por 10 times, sendo 8 deles com vaga garantida em todas as edições. Dessas 10 equipes, 9 representam cidades que estão localizadas a menos de 50Km do Oceano Atlântico e a outra é a Chapecoense.

Divisão 1,5[editar]

A divisão 1,5 era uma tentativa descarada de corrigir a incompetências dos "grandes" clubes catarinenses protegidos pela FCF quando eram rebaixados da primeira divisão. Dessa maneira, eles tinham uma segunda chance no ano, disputando a divisão 1,5, para poderem voltar para a primeira divisão no ano seguinte, como se nada tivesse acontecido. Nos últimos anos, a FCF tomou vergonha na cara e transformou a meia divisão em uma divisão inteira que passou a se chamar Divisão Especial.

Segunda Divisão[editar]

Com a exinção da divisão 1,5, a antiga segunda divisão do campeonato catarinense foi rebaixada para a terceira divisão e passou a se chamar Divisão de Acesso, mas também é conhecida como Big Brother SC. Qualquer time pode disputar esse campeonato, não precisa nem ter jogadores! É só você inventar um nome para o seu time, inscrevê-lo na FCF e pronto, você já pode disputar a Divisão de Acesso do Campeonato Catarinense e perder várias partidas por WO[1]. Nesse campeonato, a cada rodada um time desiste por falta de condições para disputar um campeonato profissional. É declarado campeão o último time que restar[2].

Regulamentos[editar]

A FCF sempre inventa regras estranhas no campeonato catarinense. A principal delas, que perdura até hoje e não dá sinais de que será abolida nunca, é a inexistência do saldo de gols como critério de desempate em confrontos de mata-mata. Por exemplo, digamos que a final do campeonato seja disputada entre o time A e o time B, sendo que o time A teve a melhor campanha no campeonato. Suponha que o time B vença o primeiro jogo por 1 a 0. No jogo de volta, o time A pode ganhar de 10 a 0 que mesmo assim o jogo irá para a prorrogação. Na prorrogação, o time A terá a vantagem do empate por ter feito a melhor campanha no campeonato. Porém, se o time B fizer 1 a 0 na prorrogação, o time B será o campeão. Repare agora que a palavra "prorrogação" significa uma extensão do jogo, o que significaria que o placar foi 10 a 1. Mas no campeonato catarinense, prorrogação tem um significado totalmente diferente das regras do futebol estipuladas pela FIFA, e é interpretada como um novo jogo e não uma continuação do mesmo jogo. Ou seja, a FCF reinventa as regras do futebol do jeito que quer, tudo para transformar o campeonato em uma palhaçada. Não entendeu o regulamento?? Ótimo! É isso que a FCF quer!

Arbitragem[editar]

Típico árbitro que apita o Campeonato Catarinense. Célio Amorim é o exemplo máximo. Só está apitando até hoje porque pega o Delfim.

A arbitragem catarinense, assim como toda arbitragem do Brasil e do Mundo, é terrível e rouba muito contra o seu time. Antes de cada jogo, os árbitros são cuidadosamente instruídos por Delfim e seus capangas sobre como devem proceder no jogo, e qual time devem favorecer. Alguns célebres árbitros que passaram pelo futebol catarinense foram Dalmo Creme de Barbear Bozzano, seu filho Bozzaninho, a bandeirinha Maira (sobrinha do Delfim) e o famoso juiz gay Margarida.

Porém, qualquer pessoa pode ser um árbitro no futebol catarinense. Se você quiser, basta entrar no site da FCF e se inscrever para ser árbitro. Antes de cada jogo é feito o sorteio da arbitragem e se você tiver sorte pode ser escolhido, quem sabe até para apitar a final do catarinense! Mas antes de fazer isso, pense muito bem na sua mãe.

Campeões[editar]

Ano Campeão Vice
1924 Edaí? Time do PT
1925 Extrato de Tomate Edaí?
1926 Edaí? Internamento
1927 Edaí? Tuvalu
1928 Edaí? Tuvalu
1929 CDF Adolf Hitler
1930 Edaí? Massinha Noites
1931 Mullets Louro CDF
1932 Brócolis Tuvalu
1933 Cancelado
1934 Patético de Chuvanópolis Córnea
1935 Brócolis Córnea
1936 Brócolis Córnea
1937 Brócolis CDF
1938 Caixinha de Fósforos São Arnaldo
1939 Brócolis Katy Pery
1940 Posto Ypiranga Edaí?
1941 Brócolis CDF
1942 Edaí? América de Rainville
1943 Edaí? América de Rainville
1944 Edaí? Massinha Noites
1945 Edaí? CDF
1946 Tapetense Bostafogo
1947 América de Rainville Pau Neles
1948 América de Rainville Paula Fernandes
1949 Limpa Pica Edaí?
1950 Carlos Renão Brócolis
1951 América de Rainville Edaí?
1952 América de Rainville Carlos Renão
1953 Carlos Renão América de Rainville
1954 CDF Ferroviado
1955 CDF Pau Neles
1956 Operado Pai de Santo
1957 Hercílio Apagão Carlos Renão
1958 Hercílio Apagão Carlos Renão
1959 Paula Fernandes CDF
1960 Pogobol Massinha Noites
1961 Pogobol Massinha Noites
1962 Pogobol Massinha Noites
1963 Massinha Noites Larguei um Barroso
1964 Limpa Pica Churrasco na Lage
1965 Churrasco na Lage Pogobol
1966 Friboi Cumercial
1967 Pogobol Massinha Noites
1968 Todo Mundo Odeia o Cris CDF
1969 Pogobol América de Rainville
1970 Ferroviado Limpa Pica
1971 América de Rainville Decadente
1972 Brócolis Edaí?
1973 Edaí? Juventus Falsificado
1974 Brócolis Churrasco na Lage
1975 Edaí? Brócolis
1976 Joint venture Juventus Falsificado
1977 Mamonas Assassinas Edaí?
1978 Joint venture Mamonas Assassinas
1979 Joint venture Brócolis
1980 Joint venture Todo Mundo Odeia o Cris
1981 Joint venture Todo Mundo Odeia o Cris
1982 Joint venture Todo Mundo Odeia o Cris
1983 Joint venture Brócolis
1984 Joint venture Brócolis
1985 Joint venture Edaí?
1986 Todo Mundo Odeia o Cris Massinha Noites
1987 Joint venture Todo Mundo Odeia o Cris
1988 Edaí? Blue é Mal
1989 Todo Mundo Odeia o Cris Joint venture
1990 Todo Mundo Odeia o Cris Joint venture
1991 Todo Mundo Odeia o Cris Mamonas Assassinas
1992 Mama Brusqueta Edaí?
1993 Todo Mundo Odeia o Cris Brócolis
1994 Brócolis Todo Mundo Odeia o Cris
1995 Todo Mundo Odeia o Cris Mamonas Assassinas
1996 Mamonas Assassinas Joint venture
1997 Edaí? Tu-tubarão
1998 Todo Mundo Odeia o Cris Tu-tubarão
1999 Brócolis Edaí?
2000 Joint venture Massinha Noites
2001 Joint venture Todo Mundo Odeia o Cris
2002 Brócolis Todo Mundo Odeia o Cris
2003 Brócolis CDF
2004 Brócolis Atlético de Biribinha
2005 Todo Mundo Odeia o Cris Atlético de Biribinha
2006 Brócolis Joint venture
2007 Mamonas Assassinas Todo Mundo Odeia o Cris
2008 Brócolis Todo Mundo Odeia o Cris
2009 Edaí? Mamonas Assassinas
2010 Edaí? Joint venture
2011 Mamonas Assassinas Todo Mundo Odeia o Cris
2012 Edaí? Brócolis
2013 Todo Mundo Odeia o Cris Mamonas Assassinas
2014 Brócolis Joint venture
2015 Brócolis[1] Joint venture
2016 Mamonas Assassinas Joint venture
2017 Mamonas Assassinas Edaí?
2018 Brócolis Mamonas Assassinas
2019 Edaí? Mamonas Assassinas

Títulos por clube[editar]


  1. Título comprado pela federação