Canguçu

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Gauchodanc.jpg Mas bah, tchê!

Este artigo buenaço e tri-legal é do mais puro humor gaudério dos pampas, vivente, então veste tua bombacha, recolhe teu pelego no galpão e toma um mate amargo com a gente, macanudo!

Chima.jpg
Canguçu de longe. O fotógrafo não tirou mais de perto pois os Cagaçenses poderiam querer arrancar partes dele pois ele não fazia parte da sua seita maluca de veneração à Canguçu.

Canguçu é a maior cidadezinha do sul do Rio Grande do Sul, disputando a hegemonia regional com Caçapava do Sul e São Lourenço do Sul Pelotas. É considerada a cidade com maior número de produtores rurais endividados do "Rio Grande do Sul, do Brasil e do Mundo"

História[editar]

Os primitivos habitantes de Canguçu foram os índios tapados tapuias, uma tribo que praticava o Canibalismo. A área urbana de Canguçu, no período de 1780 a 1799, foi denominada Rincão do Tapado, fazendo parte da área de mais de doze léguas de sesmarias, situado nas Serras do Sudeste, sendo proprietário o Corsário Nobre português Capitão-Mor Dom Paulo Rodrigues Xavier Prates Bezerra da Silva, que foi responsável por catequizar os indios, integrando-os ao Catolicismo e ao Vegetarianismo.

Geografia[editar]

Canguçu está incrustado na Serra dos Tapados, próxima à serra do Herval, que tem este nome pois é um lugar onde os drogados índios realizavam rituais no qual consumiam uma Erva Verde.

Nomenclatura[editar]

O nome "Canguçu" vem de Caagaçu que em bom português significa "Cú do Sul". Pois está bem perto da rolha do forevis do estado, quase na porteira de Portuguai. Para os gaúchos e demais habitantes da região sul, Cagaço é quando, por exemplo, você está dirigindo um caminhão, do outro lado da rua vem outro caminhão, quando os dois se baterem você terá uma cueca suja um IMENSO cagaço.

Provavelmente o nome foi dado devido a uma pegadinha dada por um dos prefeitos da cidade dizendo que ia abolir o bordel da dona Unistalda da cidade, isso gerou protestos mas logo o prefeito gritou "primeiro de abril" e todos voltaram as suas respectivas atividades. Não se sabe o porquê de terem dado esse nome para a cidade se literalmente significa "cagaço".

Mas deve ter sido pois foi a situação mais próxima de terem perdido o seu bordel.

Economia[editar]

A cidade foi apontada pelo IBGE como a que possui mais pessoas sustentadas pelo Bolsa-Esmola em situação de extrema-pobreza. Embora o Lulla tenha jurado ter acabado com a pobreza no Brasil. Porém, a classe dominante preferiu colocar suspeitas sobre a credibilidade do Instituto, alegando que o IBGE não tem experiência e credibilidade suficiente para esta atividade. Estranhamente, não fazem o mesmo quando o IBGE afirma que i PIB do vilarejo cresceu. Já a Fundação Getúlio Vargas, espalhou uma pesquisa maldosa afirmando que a renda média na cidade não chega a 1 salário-Mínimo. Obviamente, isto é uma grande mentira e todo mundo em Canguçu é feliz e de Classe AAA+.

Política[editar]

A política em se caracteriza por uma intensa troca de partidos em função de cargos. Quem até ontem eram Inimigos, amanhã estarão juntos no mesmo palanque fazendo fisiologismo juras de amor. Já o contrário também acontece, alianças são desfeitas devido a divergências na "divisão de cargos condução da administração".
O destaque é para o Candidato que almeja entrar para o Guinnes como o político que mais trocou de partido, mudando de filiação no mínimo duas vezes por ano. Outra figura de destaque é um candidato semi-analfabeto que fica discutindo com o povo os adversários através de mensagens repletas de erros de Português, postadas em um blogue.. Além disso, o acéfalo ainda não descobriu qual a finalidade da tecla Caps Lock. Aliás, já estamos esperando qual será o político que vai encher o saco da Desciclopédia, querendo se passar por "defensor da cidade contra um site que difama a nossa querida cidade."

Mídia[editar]

Há apenas alguns blogues fuleiros mantidos por CC's da prefeitura e algumas rádios.