KNUT

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

KNUT.gif



Viking.JPG Ek est årtikkel Vikingen!

Este artigo veio das frias terras dinamarquesas! Ele gosta de remar, louva Odin e o Deus Metal, não tem nenhum senso de privacidade ou de educação e seu autor chegou ao Valhalla. Não vandalize ou envolva a Finlândia neste artigo!

Viado.JPG Este artigo é relacionado à história.

E vive a American Way of Life

Wikisplode.gif
Para aqueles sem senso de humor, os espertalhões da Wikipédia têm um artigo (pouco confiável) sobre: Canuto II da Dinamarca.
Canuto em traje formal
Canuto ordenou que essa imagem fosse mostrada novamente

Cquote1.png Você quis dizer: Canudo Cquote2.png
Google sobre Canuto, o Grande
Cquote1.png Admiro esse ser Cquote2.png
Conan sobre Canuto
Cquote1.png Eu também Cquote2.png
Átila sobre Canuto

Canuto (Dinamarquês: Kanudo den Stflkggkgllntore, Inglês: Canute), cognominado O Grande, devido ao tamanho de seu canudo, é lógico sua... orelha (não confundir com Márcio Canuto), nascido na Dinamarca, foi rei da Inglaterra, conquistou a Noruega e morreu em solo brasileiro, em virtude de dengue. Ele foi o responsável pela conquista da Copa do Mundo em 1966 da Seleção Inglesa de Futebol, em uma época que a Inglaterra não ganhava de ninguém, nem mesmo da China. Ele foi o inventor dos tão usados canudinhos.

História[editar]

Canuto nasceu do cu da mãe dele no ano de 995, na Dinamarca, filho de Estrobogildo II da Suécia e Grunhilda da Polônia, mas foi na Inglaterra que ele se destacou, seja como rei ou como técnico da Seleção Inglesa de Futebol. Como foi possível notar, Canuto esteve referenciado em uns 500 países diferentes, em mais de 200 idiomas.

Ele era um rei muito modesto, e ordenou que a Noruega se chamasse Canutolândia, por mera formalidade, mas seu pedido não foi aceito. Tendo seu pedido recusado, Canuto devastou a Noruega, unificando esse país com a Dinamarca e a Inglaterra. Era formado então o Reino de Canuto. Os negócios de Canuto estavam indo de mal à pior. Foi vendo tudo indo por água a baixo que ele teve uma ideia brilhante: a criação de um pequeno tubo por onde a água pudesse ir para cima, através de um pequeno chupão. Era criado então o canudo. Canuto patenteou a ideia, exportando-a para diversas lanchonetes do mundo. Canuto ficou milionário graças a esse invento, então resolveu tirar umas férias. Buscando paz, ele viajou para o Brasil, onde poderia encontrar toda a paz que necessitava.

Infelizmente, ele morreu 2 minutos depois de chegar ao Brasil. Foi diagnosticado com dengue e seu corpo foi levado para a Inglaterra, onde finalmente descansa em paz.

Grandes feitos[editar]

Fora ter sido campeão mundial em 1966, ter inventado o canudo e ter viajado para o Brasil, Canuto não fez mais nada de importante. Ele era conhecido como uma pessoa muito humilde e modesta, que não necessitava muito para ter uma vida vivida, apenas uns bilhõezinhos em ouro, umas fazendinhas, uns países, alguns escravos, mas nada além disso. O grande de seu nome de guerra foi escolhido pelo próprio Canuto, para imitar alguns nomes como Átila, o huno, Alexandre, o grande, entre outros. Quando ele morreu, fez uma promessa caso voltasse a viver. Essa promessa foi a de nunca mais vir para o Brasil. Canuto é, ainda hoje, lembrado por ter inventado os canudos.

Fotos[editar]

Ver também[editar]



Viking.jpg
v d e h
Os bárbaros vêm aí... Olê olê olá!