Caqui

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Bambu.jpg Caqui faz parte do Incrível Mundo Vegetal Folhoso
Este vegetal foi certificado pelo Greenpeace como um artigo livre de agrotóxicos, transgênicos e outras pragas nocivas.


Caqui
O caqui é uma fruta muito suculenta, inclusive você está morrendo de vontade de comer uma, não?
O caqui é uma fruta muito suculenta, inclusive você está morrendo de vontade de comer uma, não?
Classificação científica
Reino: Plantinhas
Superdivisão: Plantas com esperma
Divisão: Anjo esperma
Classe: Eudissecotia
Subclasse: Esteróides
Ordem: Ericale-se
Família: Ebananado
Gênero: Disopores
Espécie: Caqui
Disopores kaki

Cquote1.png Você quis dizer: Tomate? Cquote2.png
Google sobre Caqui
Cquote1.png Experimente também: Caquinha Cquote2.png
Sugestão do Google para Caqui
Cquote1.png Filho pega ai uns tomates! Cquote2.png
Mãe querendo ajuda na cozinha
Cquote1.png Pronto mãe *guri retardado dando caquis* Cquote2.png
Você

Caqui é uma cópia barata do tomate feito para agradar aqueles vegetarianos que são frescos e não comem carne nem a pau, assim tendo uma vasta opção nutricional, de todos os legumes do reino vegetativo leguminoso. Mesmo tendo a aparência do tomate, consegue ser mais doce do que um. Não é recomendado para velhinhas com diabetes ou um sistema digestivo falho - se tiver algum desses dois casos (óbvio, velhinhas adoram Desciclopédia!) leia com uma assistência médica pra não dar fome.

História[editar]

Caqui também conhecido como diaspora dióspiro (nome feio do cão), fruto do diospieiro ou caquizeiro, é uma fruta originada das catacumbas de algum desses imperadores chineses com nomes enormes. Talvez por esse fato ele se sentiu um ser tão desprivilegiado com seu nome gigantesco de fazer qualquer pessoa com hipopotomonstrosesquipedaliofobia se cagar nas calças, um verdadeiro trava-línguas, e decidiu cultivar algumas dessas mudas modificadas em laboratorios em seu jardim regado por camponeasas fedendo a terra e estrume, assim surgindo um dióspiro. É óbvio que se essa fruta foi cultivada por um imperador chinês, ela surgiu na Coréia China, pelo menos o seu nível de acefalia consegue absorver tal informação.

Talvez o caqui seja útil para algo...

Como todos os orientais costumam ficar imitando um aos outros, os japoneses não ficaram fora nessa onda de tentar ter um tomate que possa ser comido por todos guris retardados e ter uma população firme e forte, então adotar essa fruta foi uma jogada rápida depois de trizilhões de guerras contra a China. Depois de tanta viadagem e obsessão por essa fruta noviça, os japoneses imigaram para a terra de nós todos, da pobreza e dos pulififos ladfõis! Isso mesmo, bem na imigração japonesa para o Brasil, eles trouxeram essa praga de fruta, agradando toda as mães de casa e até recebendo um apelido carinhoso que só podia ser brasileiro pra dar mesmo: caqui-chocolate.

Uma observação pra esse apelido é o fato do caqui quando ter chegado ao Brasil ter mergulhado em suas raízes afrodescentes e de alguma forma ganhando listras negras em sua anatomia interna, virando assim um fruto abençoado por Jesus Negão. Veio pro Brasil agora é nosso rapaz, porra de dióspiro! A fruta é caqui! Fruta de macho (ou não)! É muito cultivada na região sul do Brasil onde é bom fazer um quitute com chimarrão, e no estado de São Paulo, particularmente em Itatiba, e em Mogi das Cruzes, conhecida como a "Terra da Caqui", pois as pessoas lá costumam ficar vermelhas por causa do sol mas são pretas por dentro.

Culinária[editar]

O triste de tudo isso é que mesmo tendo se abrasileirado, com o caqui não da pra fazer nada, nem aqueles doces confeccionados por vovos caducas que nunca viram a luz do sol e ficam o dia inteiro cozinhando alguma coisa pra agradar os netos.