Carl Barks

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Mattgroening.jpg Ai, minha mão, porra!

Este artigo é sobre algum desenhista, rabisqueiro ou uma pessoa que não conseguiu emprego de pintor. Ele passa a madrugada desenhando, tem calos no lugar das digitais e é viciado em filmes de violência. Se vandalizar, Ken Akamatsu passará a borracha em você!

Death99.png
Carl Barks já morreu!

Uma pena que ele não te levou junto!

Clique aqui pra ver quem te espera no inferno

Cquote1.png Você quis dizer: Karl Marx? Cquote2.png
Google sobre Carl Barks

Cquote1.png Experimente também: Doutor Roberto Cquote2.png
Sugestão do Google para Carl Barks
Cquote1.png ... Cquote2.png
Filósofo Pitón sobre citações acima.

Carl Barks (27 de março de 1901 A.C. — 25 de agosto de 2000) foi um bêbado que fez sucesso trabalhando como desenhista e criador de histórias em quadrinhos, responsável por ser o criador do Tio Patinhas e de todos os trocentos personagens de Patópolis, ganhando o apelido de "O Homem dos Patos" (aff...)

Pré-história[editar]

Carl Barks, o homem dos patos.

Nascido numa cidadezinha irrelevante dos Estados Unidos, Carl Barks ainda na infância, era um menino prodígio já que preferiu abandonar a escola para se dedicar a desenhar animais falantes agindo feito humanos, já que vivia enchendo a cara no barzinho mais próximo. Assim, nunca ajudou seus pais nas atividades da fazenda e era sempre chamado de vagabundo.

Tentando provar que eles estavam enganados, Barks começou a exercer as piores profissões possíveis, tendo alcançado quase o Seu Madruga no número de empregos, encontrando trabalho nos estúdios de Walt Disney, um famoso macumbeiro de uma seita satânica disfarçada de empresa infantil.

Lá, Barks passou a criar as histórias em quadrinhos do desprezível Pato Donald e assim, conseguiu comprar o leitinho pras crianças. Contudo, sua maior criação foi o velho pato capitalista e avarento Tio Patinhas, um plágio de Ebenezer Scrooge. Contudo, esse personagem só apareceria uma única vez, mas como fez tanto sucesso, acabou ganhando sua própria revista. Isso deve-se porque na terra do Tio Sam, o que prevalece é o capeta...lismo, por isso comunistas como Charlie Chaplin, precisavam ser exilados.

Assim Barks seguiu criando as histórias do Pato Donald e do Tio Patinhas, e como era um homem muito melancólico, sempre bebia uma 51, antes de qualquer enredo, criando histórias totalmente sem sentido. Há indícios, que ele também era viciado em LSD, já que fazia o Tio Patinhas viajar no tempo, roubar tesouros de países subdesenvolvidos, viajar para o espaço e várias outras coisas estúpidas.

Personagens criados por Carl Barks[editar]

Imagem Personagem Descrição Imagem Personagem Descrição
Clipscrooge21.gif Tio Patinhas O pato mais rico da galáxia e o maior sovina do universo. Patinhas ficou conhecido por sua falta de escrúpulos para conseguir dinheiro e sua capacidade de mergulhar e nadar em uma piscina de moedas sólidas. Gastãodesciclo.jpg Gastão O ganso mais filho da puta do mundo, já que é extremamente sortudo, tendo ganhado na Mega Sena várias vezes, porém, não é rico como o Tio Patinhas, já que gasta tudo, como diz seu próprio nome.
AMELIA.jpg Maga Patalógika Uma das mais chatas inimigas do Patinhas. Já tentou mais de oito mil vezes roubar a moedinha número um do velho para criar um amuleto que lhe dará o toque de punheta Midas, mas sempre fracassou. Metralha 1000.jpg Irmãos Metralha Uma grande família formada por uma quadrilha de idiotas que tentam a todo custo roubar todo o dinheiro da Caixa-Forte do Tio Patinhas, mas acabam se fodendo no final. Não são patos.
Pardal 999.jpg Professor Pardal Um cientista louco metido a nerd, que tenta ajudar seus amigos com suas maravilhosas invenções, contudo, sempre acontece alguma merda com elas. Há um questionamento se aquele ninho drag queen que ele usa como chapéu é seu cabelo. Lampadinha 999.jpg Lampadinha Um personagem extremamente secundário da Disney, que serve como um ajudante do Word Professor Pardal, porém, diferentemente de seu criador, que fica com a cabeça lá em Tangamandápio, Lampadinha fica sempre observando todas as situações que o rodeiam, mesmo sem ser um pato ter olhos.
Macmonei.jpg Mac Mônei Com certeza o maior rival de Tio Patinhas, é um tipinho bem filho da puta, que sempre coloca seu rival em apuros para derrotá-lo no ranking dos mais ricos, mas por não saber a diferença entre ouro e pedra, sempre se fode no final. Patacôncio 1.jpg Patacôncio Quase a mesma coisa de Mac Mônei, a diferença é que Patacôncio é gastador e esbanja toda sua fortuna enquanto Mac Mônei é um pau duro pão-duro: note as vestes refinadas do primeiro em contraste com a roupa de Homo erectus canadense do anterior.

Morte[editar]

Com quase 100 milhões de anos, Carl Barks morreu no ano 2000 e por isso ele está morto. Ainda sim, ele é reconhecido pelos grandes fãs como o maior quadrinista do mundo da Disney. Barks ainda foi plagiado por Steven Spilberg, que se dizia um grande fã das histórias dele e assim criou filmes do Indiana Jones, baseado em histórias ridículas do Tio Patinhas.

Ver também outros artistas da Disney[editar]

v d e h