Carlos Ruas

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Carlos e seu deformado icônico Deus com cabeça de Patrick Estrela.

Cquote1.png Experimente também: Deus Cquote2.png
Sugestão do Google para Carlos Ruas
Cquote1.png Aquele cara lá das tirinhas do deus de amarelo? Cquote2.png
Pessoa desinformada sobre Carlos Ruas.
Cquote1.png Papai!! Cquote2.png
Deus sobre Carlos Ruas.

Carlos Avenidas Ruas é um escritor, humorista e cartunista (pera um pouco, eu já falei que ele era escritor) conhecido no Acre e em alguns outros lugares pelas suas tirinhas envolvendo assuntos polêmicos, como religião, ateísmo, filosofia, meu pau de óculos, cães e gatos... Tá bom, cães e gatos não são polêmicos, exceto quando o assunto é comê-los ou não... Enfim, pastores, um pouco de política, homofobia etc.

Como pode ser visto na foto ao lado, ele é o resultado de uma noite quente (vulgo: trepada nervosa) regada a sangue de boi entre o MysteryGuitarMan e o Spock

Vida[editar]

Carlinhos nasceu em 1985, na cidade de Cu Pequeno Niterói, no interior da Bahia Rio de Janeiro, onde era frequentemente assaltado por bandidos religiosos, os bizarros traficrentes, e ele, para descontar seu ódio para com tão grandes filhas da puta, fazia uns garranchos xingando eles, porém, isso só resultava em mais assaltos, como eu não sei, dificilmente o papai de Jesus faria igual ao filho de bater papo com ladrão e puta e caguetar pros traficrentes que Carlos andava fazendo uns desenhos maior comédia deles...

Um belo dia, Carlos pediu ajuda a seu pai para lidar com seus problemas, mas ao invés de auxiliá-lo, seu papito mandou ele estudar, e foi isso que ele fez. Com isso ele aprendeu que o mundo, além de ser estar numa merda, também era tão chato quanto assistir ao Esporte Espetacular, e assim, desistiu de seu emprego, seja lá qual era.

Carreira virtual[editar]

Como Carlos estava desempregado, teve que arrumar uma ocupação, já que passar o dia inteiro coçando o saco não leva a lugar algum, a menos que seu nome seja Charlie, mas, nessa época, a novidade do momento era a internet, então o Jovem Carlos começou a se envolver em altas confusões, num clima digital, criando altas traquinagens que até Deus duvida. E assim, começou seu blog, Num Sábado Qualquer, literalmente. [carece de fontes]

Este artigo é um esboço.
Na União Soviética, o esboço edita VOCÊ!!