Carmo da Cachoeira

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Cquote1.png Você quis dizer: Deserto tesudo Cquote2.png
Google sobre Carmo da Cachoeira
Cquote1.png Peraí! Eu disse que o segundo nome da cidade era "Deserto Desnudo"! Cquote2.png
Habitante indignado com o segundo nome da cidade

Uma das estações da cidade que são usadas como boate gay atualmente.

Carmo da Cachoeira é uma cidade de Minas Gerais com aproximadamente 12 mil pessoas que ficam sofrendo do tédio típico que é morar em uma cidade caipira. Enfim, a cidade era antigamente um sítio que era tão grande que tentaram fazer uma "reforma agrária" só por causa dele. Quando perceberem que as terras daquele sítio eram inférteis, acabaram devolvendo para o fazendeiro que saiu com um prejuízo tão imenso que só fundando uma cidade que ele poderia passar essa dívida para outra(s) pessoa(s).

Assim surgia Carmo da Cachoeira.

História[editar]

Basicamente, a cidade antigamente era um sítio que pertencia a um velho que havia perdido o pênis em um acidente na antiga serralheria que ele trabalhava. Dizem as más línguas que era a mesma serralheria onde o presidente Lula perdeu seu dedo mindinho... Mas de qualquer forma, enquanto Lula saía perdendo apenas um dedinho (algo irrelevante, já que ele só sabia tocar triângulo), o fazendeiro perdeu o pinto todo.

Furioso, processou a serralheira e com o dinheiro comprou terras em Minas Gerais onde ele esperava que iria ganhar tanto dinheiro que nem precisaria de pinto para atrair as mulheres.

Emancipação[editar]

Bem que estranhou quando viu que as terras eram baratas demais: custavam apenas 2 reais para ele poder fazer alguma coisa lá. As extensões eram tão grandes que em 2 anos os pobres que moravam na região reclamaram e queriam um pedaço daquela miséria. Quando fizeram a reforma agrária, 1 dia depois devolveram as terras para o fazendeiro que estava com um prejuízo danado.

Ele estava com um prejuízo astronômico, nunca antes visto em um lugar tão empobrecido que era a região sul de Minas.

Assim, ele emancipa a cidade, criando o município de Carmo da Cachoeira.

Cidade[editar]

Outros nomes que a cidade tem são: deserto desnudo, deserto da desgraça, sertão caipira, sertão mineiro, sertão pseudo-nordestino, sertão pseudo-nordestino-mineiro, Sertão pseudo-nordestino-mineiro-brasileiro e por fim, a serra da desgraça.

Como pode ter percebido, a cidade é praticamente um deserto. Só alguém com um QI abaixo de uma porta não iria notar isso (talvez eu esteja me referindo aos habitantes também, mas eles que se resolvam sozinhos...).

Não é à toa que sequer a cidade tem um monumento que possa ser usado como "ponto turístico" da região. Claro, a maioria dos candidatos a monumento são ou usados por mendigos, ou são igrerjas ou é a prefeitura que funciona como padaria até as 19h.