Carvalhópolis

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Carvalhópolis é mais uma daquelas cidades mineiras que ninguém nunca ouviu falar.

História[editar]

Vista panorâmica do lugar que você deve evitar.

A antiga Cana do Reino Carvalhópolis foi fundada em 1935 graças à uma próspera fábrica de queijo em sua periferia, onde se reuniam duas famílias que assinavam o sobrenome Carvalho. Após vários casamentos consanguíneos, a população cresceu, e todos os seus habitantes têm o sobrenome Carvalho. Assim, não existe ninguém nessa cidade que não seja parente do vizinho. Ê trêim bão!!!

Economia[editar]

Cidadão local exibindo o orgulho da economia de Carvalhópolis.

Durante muitos anos, Caralhópolis foi conhecida como uma famosa fabricante de queijo minas, que exportava o produto para as cidades vizinhas de ambulância para conservar o queijo fresco (junto com o presunto).

População[editar]

Hoje, Carvalhópolis conta com uma grande população de 69 habitantes, todos assinam Carvalho.

Etnia[editar]

A cidade abriga duas etnias diferentes:

  • Taxo - Composta por descendentes da família Carvalho.
  • Panela - Composta por descedentes da família Carvalho.

Pontos turísticos (existem???)[editar]

Para quem dá o azar de visitar a cidade, há certos pontos turísticos como o Parque de Exposição, a Casa do Ex-Prefeito, o Posto do Ex-Prefeito, o Bairro dos Macacos, o Aeroporto de Teco-tecos e o Porto Municipal Tokarracha, onde chega a maior parte dos produtos chineses no Brasil, principalmente tablets (embora todos pensem que vieram do Paraguai mesmo).


Este artículo es un esbueço escribido por un autor profirriente en portuñol.
Usted puede ayudar a epandirlo este artículo consiertandolo.