Casa

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Discionario em png.PNG
O Descionário possui um verbete sobre Casa

Cquote1.png Você quis dizer: Casa da Mãe Joana Cquote2.png
Google sobre Casa
Cquote1.png Você quis dizer: Casa do Caralho Cquote2.png
Google sobre Casa
Cquote1.png Anônimo, seu POBRE! você não tem casa!!! Cquote2.png
Eu sobre Você (sem teto)
Cquote1.png Anônimo, casa comigo?? Cquote2.png
Guria retardada sobre você
Cquote1.png Casa de pobre é de vime, casa de rico é de telha, se ter amor fosse crime, minha casa era cadeia. Cquote2.png
Almir Sater sobre casa
Cquote1.png Era uma casa muito engraçada, não tinha teto, não tinha nada. Cquote2.png
Música idiota sobre casa
Cquote1.png Mãe onde é a casa do caralho? Cquote2.png
Ninguém sobre casa

Casa é o lugar onde você supostamente vive, pressupondo que você não mora num cortiço ou numa favela. A casa é um lugar onde acontecem tantas emoções.

Primeiras casas[editar]

Primeira casa própria dada pelo Baú da Felicidade.

Muito antigamente, no tempo em que Oscar Niemeyer ainda não era formado em Arquitetura, as pessoas moravam em cavernas, sem qualquer interferência humana na construção desses lugares. As cavernas não eram lugares lá muito confortáveis para habitação, mas pelo menos não existia aluguel na Pré-História. Com o tempo, as pessoas perceberam que era bem melhor (ou não) construir as próprias casas, pois assim ninguém mais precisaria conviver com inquilinos do tipo morcegos, ratos e outras criaturas dentro da própria residência. A convivência com o mico persistiu até a invenção dos tubos e conexões Tigre, mas isso aí é outra história.

Então surgiu a ideia de se fazer casas usando barro, material facilmente encontrado nas latrinas públicas das primeiras aldeias pré-históricas. Literalmente essas primeiras casas eram uma merda, pois o ar não entrava direito por causa da falta de janelas, mas de qualquer jeito ou era isso ou era a velha caverna. Graças a essas casas de barro, que uma a uma foram se agrupando, surgiram as primeiras cidades conhecidas pela História, portanto podemos concluir que as primeiras civilizações viviam na merda mesmo.

A casa na modernidade[editar]

Hábitat principal de um operário.

Com a chegada da Revolução Industrial, as casas começaram a adquirir as características atuais, ou seja, diminuíram um monte para poder caber no bolso dos operários pobres, que na verdade quase nem entravam em casa, pois passavam o dia todo trabalhando nas fábricas. Ter uma casa não significava ter três quartos e uma sala, mas sim três quartos de uma sala, isso quando o trabalhador podia alugar uma casa, senão o seu destino era o cortiço, ancestral das favelas de hoje.

As casas de hoje[editar]

Esta é a casa de Anônimo.

Hoje em dia a casa não deixou de ser um barracão, pelo menos para quem é pobre, porque rico sempre mora nas melhores casas. Para a casa existir, basta um cômodo bem vagabundo, mas se possível há uma série de cômodos que uma casa deveria ter:

  • Sala de estar - Único cômodo que precisa estar sempre limpo, afinal é onde as visitas são recebidas. O resto pode parecer um cortiço sem problemas. É o lugar que os preguiçosos adoram.
  • Quarto - Cada quarto é um campo de batalha, cuidado com a sujeira encontrada lá. Também é possível encontrar coisas mais interessantes se for bem investigado e a noite...é melhor nem chegar perto.
  • Banheiro - Lugar onde as pessoas fazem suas necessidades e tomam banho, também pode ser o lugar mais indicado para bater umazinha em segredo, mas claro, tome cuidado verifique 1000 vezes se você trancou mesmo a porta ou se o banheiro não esta grampeado.

Projeto Casa Ecológica[editar]

Projetores com muita merda criatividade na cabeça projetaram uma casa ecologicamente correta, com 10 coisas ecologicamente corretas:

  • 1. Em vez de carro tem uma carroça com um cavalo na garagem
  • 2. Uma sala com energia totalmente alternativa, energia que é produzida da merda que o cavalo que fica na garagem faz.
  • 3. Fogão com fogo produzido a peido
  • 4. Computador que tem energia gerada pelo amor de gays pelo Restart
  • 5. Latas de lixo com compactadores que jogam o lixo na Wikipédia
  • 6. Painés bundares que coletam energia de sexo
  • 7. Privada que quando você dá a descarga, ela esmaga a merda que você fez nela e joga tudo também na Wikipédia. O mesmo acontece com mijo, mas ele não é esmagado porque não dá pra esmagar mijo.
  • 8. Janelas que usam gás de peido para aquecerem quando a temperatura cai menos que 23 °C
  • 9. Quando você liga a TV, seus sinais são coletados para gerar energia.
  • 10. O computador só acessa a Desciclopédia, já que é um site ecologicamente correto

Outras casas que você deve conhecer[editar]


House christoph brill 01.svg Coisas da casa
v d e h

AlmofadaAr CondicionadoArmárioAntena ParabólicaAzulejoBanheiroBidêBotijão de gásCamaCerâmicaCorredorCortinaCozinhaChaminéChuveiroDobradiçaEncanamentoEscadaFechaduraFossaGaragemGeladeiraJanelaLareiraMaçanetaMuroParedePára-raiosPiaPorãoPortaPorta da cozinhaPortãoPufRaloSacadaSala de EstarSofáSótãoTelhadoTelevisãoTorneiraTomadaVaso Sanitário