Casa da Dona Florinda

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Casa da dona florinda.JPG

Cquote1.svg Chiquinha, por que você não vai morar na minha casa? Cquote2.svg
Quico sobre Casa da Dona Florinda

Cquote1.svg E viver com sua mãe??? Obrigada, eu prefiro a Bruxa do 71 Cquote2.svg
Chiquinha sobre Casa da Dona Florinda

A Casa da Dona Florinda é uma casa onde ela e seu lindo tesouro vivem de aluguel do Senhor Barriga. É nessa casa aonde acontecem as maiores babaquices e chororós do seriado.

História[editar]

Frederico não era feio, pois era idêntico ao Quico!

Originalmente era a casa do Madruginha, mas ele a abandonou após a velha briguenta aparecer na vila. Filha de uma família rica, Florinda Corcuera y Villalpando viúva de Mátalas Callando se casou com Frederico, um famoso comandante da marinha. Contudo, ele por ser muito inteligente, acabou escolhendo a Vila do Chaves como moradia. Chegando lá, eles foram a segunda família a conseguir residência no pátio principal, já que os primeiros tinham sido um caloteiro e sua falecida mulher, que mais tarde deram a luz à uma garotinha chata.

A moradora mais odiada da vila.

Nessas alturas, Dona Florinda já havia parido o Quico, uma cópia idêntica ao pai, seja pela sua beleza ou inteligência. O fato é que, meses depois, Frederico foi chamado para sua última missão e assim, se despediu de sua família e partiu em seu barco, que não estava lá essas coisas. Contudo, acabou encontrando o Pirata Alma Negra no meio do caminho e em meio a batalha, acabou caindo no mar, sendo que agora ele descansa em pança, já que foi comido por um tubarão.

Agora viúva, pobre e com um filho retardado para criar, Florinda ainda se considera superior economicamente aos outros moradores da vila dando-lhes apelidos carinhosos como Gentalha. Seu filho Quico sempre fica enchendo o saco dos moradores da vila, em especial, o pobre Chaves, exibindo-se com seus brinquedos, até este se enfurecer e arrebentar suas bochechas de buldogue velho e assim, ele chama pela mãe, que parte para cima do Seu Madruga e a rotina se repetia todos os dias. Já que Frederico descansava lá em cima (ou lá embaixo), Dona Florinda, mesmo sendo velha, magra e com pernas de galinha, ainda conseguiu um namorado, após matricular o Quico na escola para deixar de ser burro (o que é impossível, já que o Quico deveria ser matriculado numa escola para retardados mentais, mas mesmo assim seria reprovado). Este era o Mestre Linguiça, um virjão com mais de 40 anos que se apaixonou pela velha coroca do 14 e passou a visitar a vila todos os dias milagrosamente, levando apenas flores.

Após o Quico se mudar para a casa da Madrinha rica, Dona Florinda ficou menos tempo na vila (graças a Deus!), já que o Seu Madruga havia viajado para buscar emprego e não voltaria até que encontrasse (ou seja, nunca). Sem ter ninguém para bater, Florinda abriu um bordel restaurante, onde recebia a visita de clientes caloteiros como Jaiminho e Dona Neves, já que a "fortuna" de Frederico tinha acabado e ela já tinha começado a dar calotes no velho pançudo.

Cômodos[editar]

Bom, vamos parar com a encheção de linguiça, afinal estamos falando mais da Dona Florinda do que de sua casa. Na casa dela nós temos:

Sala de estar[editar]

Lugar onde Quico e Dona Florinda assistem televisão, em especial os programas do Chapolin Colorado, filmes de terror, partidas de futebol e concursos de Miss Universo, além das novelas do Héctor Bonilla. Tem um monte de goteira no telhado, que o velho pançudo não manda arrumar pra economizar.

Sala de jantar[editar]

Dona Florinda, num raro momento de bom humor, convidando toda a Gentalha da vila, para almoçar em sua casa.

Na verdade, fica na mesma área da sala de estar. Ali, é o local onde a velha coroca fica de bom humor e convida toda a gentalha para as festas de aniversário, Natal, Ano Novo e Dia de São Valentim. Também foi ali, que Dona Florinda, com a ajuda de Chaves e Quico produziram os deliciosos churros. Estranhamente, a geladeira também fica por ali.

Cozinha[editar]

E lá, onde a Dona Florinda faz toda sua gororoba sua deliciosa comida.

Quarto de Quico[editar]

Tesouro em seu quarto. Retardado desde bebê.

Onde o "tesouro" dorme e guarda seus vários brinquedos, sendo superado nesse quesito pelo Nhonho. Visto apenas uma vez, na despedida de seu pai.

Quarto de Dona Florinda[editar]

Onde a velha coroca dorme. É ali que ela e Girafales ficam, quando eles vão tomar café.

Quem visita a velha coroca?[editar]

Ninguém tem paciência comigo de aturar a Dona Florinda a não ser a mangueira de bombeiro e o barrigudo que vem cobrar os alugueis. E assim termina mais um artigo de Chaves.

Gostou? Ou não? Foda-se!

Ver também[editar]