Centenário (Rio Grande do Sul)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Gnome-searchtool blue.png Centenário (Rio Grande do Sul) é uma pequena cidade desconhecida.
Você pode estar perdendo seu tempo à-toa ao ler sobre essa joça.
Esse ano chegou internet lá... Internet discada.

Sciences de la terre.svg.png
Centenário em vista panorâmica vista pelo globocop.

Centenário e uma cidade criada apenas por um motivo... Só um motivo: comemorar o Centenário do Internacional, time do movimento gaúcho, tal como Grêmio. Bem... Pelo menos eles não fizeram uma cidade com o nome Centenário em homenagem ao Corinthians, senão a coisa iria ficar preta e iriam descer o pau em quem morasse na cidade, pois os únicos que gostam de Corinthiano, são os próprios corinthianos.

Centenário é uma cidade pequena de dar pena, mas ninguém quer morar lá para aumentar o número da cidade.

Origem[editar]

Tudo teria começado com uma homenagem pequena ao centenário do Inter que havia acabado de começar na madrugada pelos fanáticos pelo time (sim, sabemos que foi selvagem a festa entre os homens do clube), mas então veio um panaca cara com idéias muitos boas e sugeriu:

Cquote1.png Que tal nós fundarmos uma cidade para podermos comemorar o resto de nossas vidas o centenário do nosso timão!? Cquote2.png
Torcedor fanático demais sobre Centenário

Então fundaram Centenário após uns 50 dias de burocracia que valeram muito a pena. Só que no final, eles sentiram uma dor de cabeça por terem criado uma cidade e agora teriam que adaptar leis e carimbar o nome das pessoas. Além de procurar postos de saúde para ajudarem e outras cosias. Em outras palavras...

Cquote1.png Mas a gente só queria homenagear o centenário do inter! Cquote2.png
A mesma pessoa que deu a ideia sobre Centenário
Cquote1.png Agora vai cuidar dessa cidade rapá! Cquote2.png
Alguém colocando o genial no comando da cidade

Economia[editar]

Economia mediana (para não dizer inexistente)se baseia na agricultura e pelas influências de seu primeiro prefeito, o azarado que teve que manter a promessa a seu time, a cidade não tem nada a a ver com futebol e ainda por cima a cidade não vende nada de futebol e não se comenda sobre futebol. O prefeito ficou traumatizado após ter que gastar 4 anos de sua vida em uma cidade que fedia a meia de vestiário do inter... Sim, até isso a cidade tinha.

Mas enfim, todas as relações com o time e a cidade já eram motivo de tirar dinehiro de turistas e a exportação de frutas (ui!) também era uma maneira de ganhar o pão que o diabo amassou.

Frase de cabeceira[editar]

Centenário e seu rio... Centenário.

A primeira cidade que adotou uma frase de cabeceira ano passado, desta vez querendo homenagear o Corinthians tirando sarro deles também

Cquote1.png Centenário, a cidade que terminou Sem ter nada. Cquote2.png
Frase profunda da cidade

A frase revela várias coisas sobre a cidade e sobre quem escreveu a frase, ou seja, o prefeito que torcia pro inter e que odiava futebol e a própria Centenário.