Central Brasileira de Notícias

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Loituma.gif Este artigo é sobre algo ou alguém que enche o saco e inferniza os outros por diversão. Se você vandalizar, ele será seu tormento pro resto da vida!
Gnome-audio.png Central Brasileira de Notícias
Cbn-logo.jpg
Logotipo
Slogan "A rádio que inventa notícia"
Data de Criação 1 de outubro de 1991
Fundador Roberto Marinho
Localização Sciences de la terre.svg.png Rua do Russel, 434 - Glória
Rio de Janeiro RJ
Rua do das Palmeiras, 315 - Santa Cecília
São Paulo SP
Av. Raja Gabaglia, 3502 - Estoril
Belo Horizonte MG
SRTVS Qd. 701 Bl. 02 sl. 701/716
Brasília DF
e mais 26 lugarejos miseráveis
Gênero {{{genero}}}
Música Jabá {{{musica}}}
Pior Programa Todos
Melhor Programa A Voz do Brasil
Empresas Associadas Globo
Principal Característica {{{caracteristica}}}



60px-Bouncywikilogo.gif
A nossa sátira autorizada, a Wikipédia, tem um artigo sobre: Central Brasileira de Notícias.

Cquote1.png 8:40 Cquote2.png
Jornalista da CBN sobre hora
Cquote1.png REPITA! Cquote2.png
surdo sobre comentário acima
Cquote1.png 8:40 Cquote2.png
Jornalista da CBN sobre obediência
Cquote1.png Você quis dizer: GPS de pobre Cquote2.png
Google sobre Central Brasileira de Notícias
Cquote1.png Neste momento a Marginal do Rio Tietê registra mais de 8000 km de congestionamento Cquote2.png
CBN sobre Dia de trânsito bom em São Paulo

Central Brasileira de Notícias é uma pseudorrádio destinada somente a frota de taxistas paulistas e cariocas, são 24 horas por dia de pura irritação com notícias pra lá de atrasadas e dicas frustadas de trânsito, e pra piorar ainda mais quem comanda essa merda é a Rede Globo

Programação[editar]

instalações da Central Brasileira de Notícias

A programação da Central Brasileira de Notícias é variada e não tem hora correto cada programa, qualquer hora uma pessoa que passa na rua pode ser chamada pra ser um âncora na rádio, assim como aconteceu com Max Gehringer.

Por não ter condições de cobrir nenhum evento os jornalistas da rádio só comentam os mesmos, Futebol, Fórmula 1, Jogos Olímpicos e outras porcarias eles assistem mediante um Laptop da Xuxa e passa as informações do evento em tempo NÃO real, já que a rádio não cobre nenhum evento.

Equipe[editar]

A rádio é formada por uma equipe bem estranha: entre eles é possível encontrar até mesmo Dan Stulbach (Tom Hanks brasileiro). Em momentos de lucidez de Juca Kfouri, ele aparece na Central Brasileira de Notícias pra falar baboseira. Arnaldo Jabor é outro que aparece quando está precisando de alguns trocados pra ir em puteiros.

Há também Alves de Mello, o apresentador da madrugada, cuja voz de galã de radionovela informa até mesmo as notícias mais trágicas com a impressão de que está sorrindo.

A equipe de esportes da CBN não justifica o slogan de “emoção na dose certa e muito mais informação”, sobretudo quanto à emoção na dose certa. Analisemos os principais narradores da casa, Deva Pascovicci (São Paulo) e Evaldo José (Rio de Janeiro).

Deva grita sem motivo e se prolonga muito quando tem de dar o tempo de jogo e o placar: “TOQUE ELETRÔNICO DA CBN MARCA… [Sinal de tempo de jogo.] EEEEEEEEEEEE… QUANDOOOOOO… MAAAAAAARCA VOCÊ CONFEREEEEEEE!”. Sem contar que, em dados momentos do jogo, ele profere umas 780 palavras por minuto – fazendo jus à sintonia da CBN no AM paulistano –, o que dá a impressão de que a partida é corrida, muito disputada. Mas não é isso: ele procura compensar o tempo que gasta lendo, junto com o comentarista Vítor Birner, os tweets dos ouvintes que estão online (talvez seja esse o “muito mais informação” do slogan) e narra as jogadas atrasadas até se encontrar novamente no jogo ao vivo.

Já Evaldo tem um grito de gol sui generis: qualquer tento marcado na cagada ganha um “Que lindooooooooo!” – se for realmente bonito, aí é um “Que lindo, que lindo, que lindoooo!” – e, em seguida, uma sirene: “GoOOOOOOOOOOooool!…” Ainda se tem sérias dúvidas se Evaldo solta o “que lindo” por causa do gol ou do jogador que o marcou…

O comentarista Álvaro Oliveira Filho, que analisa os jogos dos clubes cariocas, nas horas vagas faz um bico como Gerente de Esportes da Rede CBN.

Curiosidades[editar]

Broom icon.svg
Tua mãe desencoraja seções de curiosidades, mas nós não ligamos a mínima! Sob as políticas da Desciclopédia
Mas bem que esta seção pode ser aproveitada integrando-se piadas decentes às seções mais adequadas.
Cada curiosidade pode render uns bons parágrafos, então faça direito!

Ligação externa[editar]